Universidade brasileira cria gelado que reduz efeitos colaterais da quimioterapia

(dr) NSC TV

O gelado está disponível em três sabores: chocolate, morando e limão

Foi criado no Brasil um gelado que ajuda a diminuir os efeitos colaterais da quimioterapia em pacientes com cancro. Desenvolvido por investigadores da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), o gelado tem três sabores: morango, chocolate e limão.

O gelado, que funciona como um complemento alimentar, foi testado durante um ano por pacientes do Hospital Universitário local. A receita leva fruta, azeite de oliva desodorizado, whey protein isolado – que é uma proteína com alto valor biológico – e fibra. Não tem em lactose nem glúten.

A criação foi uma parceria com uma fábrica de Florianópolis, que demorou cerca de seis meses até chegar à fórmula desejada pelos nutricionistas.

“Já fazíamos um gelado muito parecido. O desafio era: introduzir uma gordura de maior valor nutricional que seria o azeite de oliva desodorizado e uma quantidade grande de proteína. Para um gelado, isso é muito difícil”, disse o diretor de desenvolvimento de produtos Marcelo Baracuhy.

Os pacientes aprovam a novidade. “O gelado é delicioso e minimiza os efeitos da quimioterapia”, disse ao G1 a paciente Carol Gilda Martins, que faz tratamento contra um cancro linfático desde março, tendo passado por várias sessões de quimioterapia, fase do tratamento em que os efeitos colaterais são muito comuns.

“Eu tenho mucosite que dificulta na alimentação. Ingerir alimentos quentes ou alimentos muitos grossos é muito difícil para mim”, explica à Globo.

“Este gelado, por ser frio, ajuda a anestesiar a cavidade bucal, que é uma das consequências do tratamento, como a mucosite”, disse a professora Raquel Kuerten de Salles, do departamento de Nutrição da UFSC, uma das nutricionistas responsáveis pela investigação.

“É maravilhoso. Os sabores são todos muito bem escolhidos para não provocar nem um pouco de enjoo”, conclui Raquel Kuerten.

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

    • Caro Eu!,
      O azeite não é feito de “árvore que produz azeitonas”. É feito de azeitonas.
      Em português pt_PT usa-se correctamente a expressão “azeite de oliva”.

      o·li·va
      substantivo feminino
      1. Oliveira.
      2. Azeitona.
      3. Objecto ou adorno em forma de azeitona.
      oliva“, in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa

      • Ah?!
        Azeitonas são azeitonas; não são olivas!!!
        Já devo ter ido a quase todos os produtores/lagares de azeite de Portugal e NUNCA vi nenhum usar a palavra “oliva”; desafio-os a mostrar um que o faça!

          • Neste caso embora seja produzido em Portugal até pela marca se vê que é para ser comercializado no Brasil.
            No Brasil diz-se azeite de oliva, o texto está correcto e deveriam ter ido por aí e não pelo dicionário, é a minha opinião.

          • Boa!…
            Por acaso até conheço a empresa produtora (Mathias) e esse produto (tal como já refiram no comentário anterior), é um produto de exportação para o mercado brasileiro (o nosso excelente azeite é um dos produtos portugueses mais exportados para o Brasil)!
            Portanto, só vem confirmar o que eu referi anteriormente: em Portugal ninguém usa o nome “azeite de oliva”!!

RESPONDER

Pessoas que enfrentam bem a manhã são mais saudáveis (e trabalham melhor)

Vários estudos têm demonstrado que algumas pessoas enfrentam as manhãs de forma naturalmente melhor, o que faz com que tenham um conjunto de diferenças cerebrais que as tornam mais felizes quando acordam. Por outro lado, as …

Cavalos, elefantes e peixes. Circo alemão substitui animais por hologramas gigantes

Após muitas críticas e polémicas à volta do uso de animais em circos, o Circo Roncalli decidiu substituí-los por hologramas, tornando-se o pioneiro nesta abordagem futurista. Os circos têm uma história polémica devido ao facto de …

FC Porto 2-3 SC Braga | Vitória no Dragão leva Braga à final da Taça

O Sporting de Braga venceu hoje o FC Porto por 3-2, em jogo da segunda mão da meia-final da Taça da Portugal de futebol, e garantiu um lugar na final da competição. Depois do empate (1-1) …

Mona Lisa: a cadeira escondida que transforma o significado da obra de Da Vinci

O quadro da autoria de Leonardo Da Vinci é a obra de arte mais famosa do mundo. Contudo, há um detalhe que tem passado despercebido: a cadeira onde a misteriosa mulher está sentada. Escondida, mas …

"Projeto Xueliang". O plano chinês para fiscalizar 100% do espaço público

O "Projeto Xueliang" da China tem como objetivo fiscalizar a totalidade do espaço público, transformando vizinhos em agentes de vigilância do Estado. Em 2016, o município de Pingyi, localizado sete horas a norte de Shangai, tinha …

Há quem tome medicamento para cavalos para tratar covid-19, podendo envenenar-se acidentalmente

A pandemia de covid-19 gerou uma série de desinformações, algumas levando as pessoas a tomar medicamentos não prescritos para tratamento da doença, colocando em risco a sua saúde. Quando a cloroquina, medicamento para tratar a malária, …

Parece o "Batmóvel", é movido a energia solar e pode ser produzido em massa

A Aptera Motors está a preparar-se para lançar o primeiro automóvel movido a energia solar a ser produzido em massa até ao final do ano. A Aptera Motors, uma empresa norte-americana, apresentou recentemente o primeiro carro …

George Floyd. Minneapolis ia contratar influencers para combater desinformação durante julgamento de Derek Chauvin

A cidade de Minneapolis, nos Estados Unidos, planeava contratar seis influencers para ajudar a partilhar informações durante o julgamento de Derek Chauvin, o ex-polícia acusado de assassinar George Floyd. De acordo com a CNN, o plano …

Imagens revelam que a Coreia do Norte oculta local onde armazena armas nucleares. EUA planeiam agir

As imagens de satélite mostram que a Coreia do Norte tomou medidas para ocultar uma instalação, que as agências de inteligência dos EUA acreditam estar a ser usada para armazenar armas nucleares. A situação fez …

Antigo primeiro-ministro italiano Matteo Renzi recebeu envelope com duas balas

O antigo chefe do governo italiano Matteo Renzi recebeu, esta quarta-feira, um envelope com duas balas no interior, uma ameaça imediatamente denunciada por toda a classe política. O envelope foi entregue diretamente na sede do Senado, …