GalSafe é o primeiro porco geneticamente modificado para uso alimentar e médico

A Food and Drug Administration (FDA) dos EUA aprovou um porco geneticamente modificado para consumo humano e uso terapêutico. O animal foi alterado de modo a ser livre de uma determinada molécula de açúcar, responsável por reações alérgicas graves em algumas pessoas.

A aprovação da FDA é um marco, pois é apenas a segunda vez que um animal geneticamente modificado foi aprovado para consumo humano nos Estados Unidos. O porco segue-se ao salmão que teve essa mesma aprovação em 2015, ainda que tenha sido controversa.

O tipo de porco geneticamente modificado foi chamado de GalSafe, e tem um único gene ajustado para eliminar a presença de uma molécula de açúcar chamada alfa-gal. Acredita-se que as alergias aos açúcares alfa-gal sejam desencadeadas principalmente por picadas de carrapatos.

“A primeira aprovação de um produto de biotecnologia animal para alimentos e como uma fonte potencial para uso biomédico, representa um grande marco para a inovação científica”, disse Stephen Hahn, membro da FDA.

Embora a recente aprovação cubra o uso médico, o FDA sugere que outros processos serão necessários antes que medicamentos possam ser implantados comercialmente. Esses usos médicos poderiam, hipoteticamente, envolver os porcos, sendo que estes seriam usados ​​para cultivar tecidos ou órgãos para transplante humano.

A XenoTherapeutics, uma empresa privada de pesquisa e desenvolvimento, já está a trabalhar num ensaio clínico de Fase 1 em humanos, onde está a usar produtos de porco GalSafe para aplicações biomédicas. O ensaio é o primeiro a explorar a segurança dos transplantes de pele para vítimas de queimaduras graves usando tecido de porcos GalSafe.

A FDA diz que a aprovação determina que os porcos GalSafe são seguros para consumo humano. No entanto, apesar de os animais geneticamente modificados não conterem níveis detetáveis ​​de açúcares alfa-gal, não houve testes para determinar se a carne previne reações alérgicas em humanos.

Um porta-voz da empresa produtora de suínos geneticamente modificados disse que não há planos imediatos de vender comercialmente a carne para consumo humano. A declaração de aprovação da FDA sugere que qualquer venda inicial de carne ocorrerá apenas por correspondência e não há planos atuais para a carne GalSafe estar disponível em supermercados, pelo menos para já.

“Como parte de nossa missão de saúde pública, a FDA apoia fortemente o avanço de produtos inovadores de biotecnologia animal que são seguros para os animais, seguros para as pessoas e alcançam os resultados pretendidos”, disse Hahn no relatório de aprovação do FDA.

O especialista acrescenta ainda que “a ação de hoje ressalta o sucesso da FDA em modernizar os nossos processos científicos para otimizar uma abordagem baseada no risco que avança com inovações de ponta nas quais os consumidores podem ter confiança”.

Ana Isabel Moura Ana Moura, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Besta dos cinco dentes". Descoberta nova espécie de mamífero na Patagónia

Paleontólogos descobriram uma nova espécie de mamífero, com dentes peculiares, que viveu na Patagónia durante o período Cretáceo. De acordo com a agência Europa Press, os fósseis foram encontrados em Cerro Guido, na província chilena de …

Com os zoos fechados, tudo serve para entreter uma família de lontras. Até um simples galho de bambu

O confinamento serviu como um lembrete indesejado de que ficar preso dentro de casa sem muito o que fazer pode ser desgastante. O mesmo é verdade para os animais, por isso os jardins zoológicos tiveram …

Uma ilha, cinco géneros. Os Bugis têm palavras para as "cinco maneiras de estar no mundo"

Uma ilha, cinco géneros. O povo Bugis é um poderoso grupo étnico que se destaca pelo reconhecimento de cinco géneros distintos. Na Indonésia, a ilha Sulawesi é a casa de um povo que reconhece cinco …

O "aeroporto do amanhã" está abandonado no meio de um pântano dos Estados Unidos

Era para ser o "aeroporto do amanhã", um centro intercontinental para aviões supersónicos com seis pistas e conexões ferroviárias de alta velocidade para as cidades vizinhas. Hoje, é pouco mais do que uma pista no …

Facebook remove (acidentalmente) página oficial de Ville de Bitche, uma remota cidade francesa

O Facebook apagou a página de Ville de Bitche, uma remota cidade francesa. O município passou um mês a apelar à rede social para repor a página. "Recebemos uma mensagem no Facebook e também percebemos que …

NASA escolheu SpaceX de Elon Musk para a próxima missão tripulada à Lua

Elon Musk fecha contrato de 2,9 mil milhões de dólares para levar o Homem novamente à Lua. O contrato é a mais importante vitória da SpaceX e reforça a posição da empresa como parceira …

Benfica 1-2 Gil Vicente | Galo canta e silencia águia na Luz

STOP. O Gil Vicente visitou na tarde deste sábado o Benfica e saiu do palco da Luz com os três pontos na bagagem e a “cantar de galo”, ao vencer por 2-1, num duelo relativo …

"Longa vida à monarquia." Realeza britânica tende a viver mais três décadas do que a população geral

As diferenças na longevidade de alguns membros da família real em comparação com a população em geral são extremamente grandes, mas não incomuns. O príncipe Filipe, marido da rainha Isabel II e o consorte mais antigo …

Abominável (e falso) Homem das Neves. Líder russo usou Yeti para atrair turistas para a Sibéria

Um dos líderes regionais mais antigos de Vladimir Putin confessou ter encenado avistamentos falsos de Yetis numa tentativa de encorajar o turismo na Sibéria. Aman Tuleev, um dos líderes regionais de longa data do Presidente russo …

Irão já está a enriquecer urânio a 60%

O Irão avisou e já está a cumprir. Menos de uma semana depois de ter acusado Israel de um ataque contra a sua principal central nuclear, o país diz estar a enriquecer urânio com uma …