Galinhas podem ser arma secreta na luta contra a Malária

As galinhas podem vir a desempenhar um papel relevante na luta contra a Malária em África. Uma nova investigação apurou que estas aves funcionam como repelentes dos mosquitos que transmitem a doença.

Esta pesquisa centrou-se no comportamento do género mais resistente dos mosquitos que transmitem a Malária – os Anopheles arabiensis.

Os investigadores recolheram pêlos, lã e penas dos animais de três localidades da Etiópia e identificaram compostos de cheiros únicos de cada animal, averiguando como é que os mosquitos reagiam a esses cheiros.

Assim, descobriram que os mosquitos “preferem fortemente o sangue humano quando procuram um hospedeiro no interior” das casas, enquanto se alimentam “aleatoriamente” de gado, cabras e ovelhas no exterior, explicam no estudo publicado no Malaria Journal.

“Contudo, os Anopheles arabiensis evitam as galinhas, apesar da sua relativa alta abundância”, isto tanto no interior das casas, como no exterior, vincam os cientistas.

Os odorantes das galinhas actuaram como repelentes naturais“, conta o ecologista químico Rickard Ignell, líder do estudo da Universidade de Ciências Agrícolas da Suécia, ao Live Science.

Os cientistas não sabem explicar porque é que isto acontece, mas Ignell especula que o sangue das galinhas pode ser “pobre em nutrientes ou ser difícil para os insectos digeri-lo”.

Outra hipótese é que, como as aves são uma ameaça para os insectos, eles evoluíram de forma a evitá-las, explica o mesmo investigador.

Estudos anteriores já tinham descoberto que estes mosquitos, que usam o cheiro para detectar os seus hospedeiros, evitam os pássaros.

O que é certo é que esta investigação pode ajudar a desenvolver um novo repelente natural que, combinado com outras formas de protecção, como redes mosquiteiras, dará um forte contributo na protecção contra a malária.

“Há uma terrível necessidade de identificar novos repelentes de mosquitos a que os insectos tenham menos probabilidades de desenvolver resistências. Usar repelentes naturais e ecológicos relevantes é, provavelmente, melhor opção do que desenvolver novos repelentes sintéticos, onde muitas vezes não sabemos como funcionam”, destaca Ignell ao Live Science.

Em 2015, registaram-se 214 milhões de casos de Malária, 88% dos quais na África sub-sariana, de acordo com dados da Organização Mundial de Saúde.

SV, ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Militares portugueses já salvaram mais de 14 mil migrantes no Mediterrâneo

Marinha, Polícia Marítima e Unidade de Controlo de Costa da GNR, ao serviço da agência Frontex, no sul de Espanha e de Itália, já resgataram 14.151 migrantes no Mediterrâneo desde 2014. As equipas militares portuguesas, a …

Estudantes de Medicina dizem adeus ao "terrível" Harrison

Mais de 2.700 recém-licenciados de Medicina realizaram, esta segunda-feira, a Prova Nacional de Acesso (PNA), que substitui o "terrível" Harrison. Esta segunda-feira, mais de 2.700 candidatos responderam pela primeira vez a 150 questões da Prova Nacional …

Vítimas de legionella de Vila Franca de Xira reclamam 2,6 milhões ao Estado

A Associação de Apoio às Vítimas do Surto de Legionella de Vila Franca de Xira reclama uma indemnização de 2,6 milhões de euros por falhas e omissões de entidades públicas em relação às vítimas que ficaram …

Pelo menos três mortos em tiroteio em supermercado no Oklahoma

Pelo menos três pessoas morreram, esta segunda-feira, num tiroteio num supermercado da cadeia Walmart em Duncan, cidade do Estado norte-americano Oklahoma. O responsável da polícia de Duncan, Danny Ford, citado pela televisão local TNN-ABC, indicou que …

Benfica tem 125 jogadores com contrato profissional. Sporting tem 123 e o FC Porto só 80

O Benfica tem assinado contratos profissionais com cada vez mais jogadores, ao longo dos últimos anos. Actualmente, o clube da Luz tem contrato com 125 atletas. O Sporting está lá perto, com vínculos profissionais com …

Rússia está a negociar a troca de espiões ao estilo do que acontecia na Guerra Fria

A Rússia, a Noruega e a Lituânia realizaram recentemente uma troca de espiões, garantindo o retorno de vários agentes capturados aos seus países de origem. De acordo com chefe da contrainteligência lituana, citado pelo Moscow Times, …

"Totalmente depauperado". Bruno de Carvalho pede dispensa das sessões de julgamento

O ex-presidente do Sporting, que disse ser comentador desportivo, pediu dispensa das sessões, alegando não ter meio de transporte e estar completamente "depauperado". Arrancou, esta segunda-feira, no Tribunal de Monsanto, em Lisboa, o julgamento de 44 …

Nike deixa de vender produtos através da Amazon

A marca desportiva Nike vai deixar de vender as suas peças de roupa e calçado diretamente através da Amazon, acabando com um contrato firmado em 2017, no qual concordava em vender uma variedade limitada de produtos …

Marco António Costa apoia Pinto Luz. Cavaco também era “improvável e desconhecido”

O antigo vice-presidente do PSD declarou, esta segunda-feira, o seu apoio ao candidato Miguel Pinto Luz, afirmando que, em 1985, Cavaco Silva também foi um vencedor "improvável e desconhecido". "Em maio de 1985, o Governo de …

Veneza com "centenas de milhões" de euros de prejuízo por causa das cheias

A cidade de Veneza, com inundações nos últimos dias, voltou este domingo a registar uma maré alta, mas de menor magnitude, tendo as chuvas intensas que afetam Itália levado a alertas para as cidades de …