Furacão Irma deu uma nova cor às Caraíbas

NASA Earth Observatory

Imagens de satélite das ilhas das Caraíbas antes e depois do furacão Irma

Novas fotos de satélite divulgadas pela NASA mostram como o desastre natural do furacão Irma mudou a aparência das ilhas do Caribe, transformando-as de verdes em castanhas.

Irma

  • 13 Setembro, 2017 Furacão Irma deu uma nova cor às Caraíbas

A tempestade atingiu a região, na semana passada, destruindo as ilhas de Barbuda e a parte francesa de Saint-Martin, matando, pelo menos, 33 pessoas, com ventos assustadores classificados na categoria 5, a máxima na escala Saffir-Simpson.

Agora, o furacão Irma assola várias zonas dos EUA, provocando inúmeros danos, mas já classificado como tempestade tropical. Com as suas nuvens a começarem a dispersar, é possível ver a destruição deixada pelo fenómeno natural através de imagens de satélites.

O contraste das imagens de antes e depois da tempestade é assustador. As ilhas que tinham paisagens verdejantes, no final de Agosto, estão, agora, castanhas e estéreis.

Porquê?

É possível que os ventos do furacão tenham arrebatado a vida vegetal das ilhas, deixando o terreno despido, explica o Observatório da Terra da NASA.

O “spray salgado” lançado pela tempestade também pode ter secado as folhas de árvores e arbustos ainda nos ramos, tornando-as castanhas.

A ilha Virgin Gorda foi fotografada pelo satélite Landsat 8, desenvolvido pela NASA e pelo instituto de Pesquisa Geológica dos EUA, mostrando a cor do oceano aparentemente mais brilhante e azul, após a tempestade. Um fenómeno que, possivelmente, se deve às águas agitadas que espalham mais facilmente a luz, alterando a forma como são percebidas.

NASA Earth Observatory

Ilha Virgin Gorda antes e depois do furacão Irma.

A pequena ilha de Barbuda, de 176 quilómetros quadrados, foi particularmente atingida pelo furacão, com cerca de 95% das suas estruturas danificadas. O caminho para a recuperação será provavelmente muito difícil.

PARTILHAR

RESPONDER

Macron convoca reforços após novos confrontos de coletes amarelos

A nova manifestação de "coletes amarelos", no sábado, registou distúrbios violentos na capital francesa. Como resposta, o presidente francês Emmanuel Macron convocou um reforço das forças de segurança. O dia de sábado marcou mais um protesto …

Pedidos de nacionalidade portuguesa aumentaram 50% em dois anos

Nos últimos dois anos, o número de pedidos de nacionalidade portuguesa aumentou cerca de 50%, avança o jornal Público esta segunda-feira. Se em 2016 foram 117.629 os cidadãos estrangeiros que pediram a nacionalidade portuguesa, em 2018 …

Não há democracia na Coreia do Norte? "É uma opinião", diz Jerónimo

Jerónimo de Sousa evitou classificar o regime de Kim Jong-un em termos "de ser ou não ser" uma democracia. A Coreia do Norte é ou não uma democracia? "É uma opinião", respondeu Jerónimo de Sousa. Numa …

Afinal, o esparguete à bolonhesa não existe

Quando se trata de refeições italianas clássicas, a maioria das pessoas pensa em pratos simples como uma pizza Margherita, lasanha e esparguete à bolonhesa. Contudo, segundo Virginio Merola, presidente de Bolonha, em Itália, o esparguete à bolonhesa …

Javalis tomaram o lugar dos coelhos. "Muitos animais estão doentes"

Para já, não há perigo de saúde pública, mas os javalis carregam doenças que podem passar a outros animais. Se antes se matavam mil coelhos, abatem-se agora 10 javalis. Jacinto Amaro, presidente da Fencaça - Federação …

Maduro prepara reestruturação do Governo venezuelano

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, pediu aos ministros do seu Governo que ponham os seus cargos à disposição, a fim de impulsionar uma "reestruturação profunda" do Executivo. O anúncio foi feito este domingo através do …

"Cojones" de Ronaldo valem-lhe processo disciplinar da UEFA

A UEFA abriu um processo disciplinar a Cristiano Ronaldo pelo seu festejo na vitória por 3-0 frente ao Atlético Madrid. O gesto ousado do português após marcar o terceiro golo na partida foi uma resposta …

Olimpíadas de Tóquio terão robôs a ajudar pessoas em cadeira de rodas

As Olimpíadas de Tóquio, que decorrem em 2020, podem vir a ficar conhecidas como os "Jogos dos Robôs", devido aos robôs que serão usados ​​no novo Estádio Nacional para ajudar os apoiantes em cadeiras de …

Banco de Portugal quer obrigar bancos a reduzir custos de transferências imediatas

O Banco de Portugal quer que a banca implemente práticas que reduzam o preço das transferências imediatas, de forma a aumentar a sua adoção. Estas são transações monetárias de uma conta para outra, efetuadas num …

Holanda investiga morte de milhares de doentes mentais na II Guerra Mundial

A Holanda vai investigar as circunstâncias em que milhares de pessoas com incapacidades e doenças mentais morreram nos hospitais psiquiátricos do país na II Guerra Mundial, um número que é desconhecido, divulgou a imprensa local. "Não …