Frutas e verduras previnem asma alérgica

Tim Shields / Flickr

-

Uma dieta rica em frutas e verduras, com alto teor de fibra, contribui para prevenir a asma alérgica, graças ao efeito protetor causado pela fermentação destas fibras pelas bactérias intestinais, segundo um estudo suíço.

O estudo, realizado no Hospital Universitário de Vaud, Suíça, e publicado na revista Nature Medicine, mostra a relação entre o aumento de casos de asma alérgica nos últimos cinquenta anos nos países ocidentais e a descida generalizada do consumo de frutas e verduras.

Os cientistas submeteram parte de uma amostra de ratos a uma dieta com baixo teor de fibra, cerca de 0,3 por cento (a proporção de fibra na dieta ocidental ronda os 0,6 por cento), enquanto a restante parte dos roedores ingeriram maiores quantidades de fibra, em proporções superiores a 4 por cento.

Posteriormente, os roedores foram expostos a extratos de ácaros do pó doméstico e os animais que seguiram uma dieta com alto teor de fibras desenvolveram reações alérgicas significativamente menores, explica o comunicado.

Os investigadores defendem que este efeito protetor resulta de uma reação em cadeia, que começa quando a fibra chega ao intestino grosso onde fermenta por ação das bactérias e se converte em ácidos gordos, que são transportados para sangue e contribuem para a maturação das células imunes na medula óssea.

Atraídas pelos ácaros, estas células migram para os pulmões, onde desencadeiam uma reação defensiva.

“Conhecíamos a importância do papel da diversidade microbiana no intestino, onde se digere e fermenta a fibra, na prevenção de certas doenças como o cancro do cólon, mas agora vamos demonstrar pela primeira vez que a influência das bactérias intestinais vá muito além e chegue aos pulmões”, explicou em comunicado Benjamin Marsland, que lidera a investigação.

/Lusa

RESPONDER

Emmanuel Macron

Macron e Marine Le Pen vão à segunda volta das presidenciais em França

Os resultados da primeira volta das eleições presidenciais francesas confirmam a vitória de Emmanuel Macron e Marine Le Pen. Os números divulgados às 20h em Paris acabam com o suspense de uma das eleições mais …

O líder parlamentar do PSD, Luís Montenegro

Luís Montenegro não quer primárias no PSD e reafirma apoio a Passos

O líder parlamentar do PSD, Luís Montenegro, disse hoje, em Leiria, ser contra a realização de eleições primárias no seu partido e reafirmou o seu apoio ao atual líder do PSD, Pedro Passos Coelho. À margem …

-

UKIP quer proibir uso da burka em público

O Partido da Independência do Reino Unido (UKIP), anti-imigração, vai incluir no seu programa para as eleições britânicas de 8 de junho próximo a proibição do uso da burka em público. O líder do UKIP, Paul …

-

Venezuelanos fizeram "marcha do silêncio" para homenagear vítimas dos protestos

A aliança opositora Mesa de Unidade Democrática disse este sábado que, apesar de ter podido marchar de forma pacífica até à sede do Episcopado de Caracas, os protestos vão continuar até ser revertido o "golpe" do …

-

PJ confirma que atropelamento mortal no estádio da Luz não foi acidental

Fonte policial revelou que o atropelamento mortal do adepto italiano, que estava na capital para assistir ao dérbi entre Sporting e Benfica, não foi acidental e que as autoridades já sabem quem foi o autor …

-

Jéssica Augusto vence maratona de Hamburgo

A portuguesa venceu, este domingo, a maratona de Hamburgo, na Alemanha, garantindo mínimos para os Mundiais de 2017, que se vão disputar em Londres. Jéssica Augusto correu a distância em 2:25.30 horas, a mais de um minuto …

Heterocephalus glaber, também conhecido por rato-toupeira-nu

Estranho mamífero consegue sobreviver 18 minutos sem oxigénio

O rato-toupeira-nu, batizado com o nome científico Heterocephalus glaber, é um dos mamíferos mais estranhos do mundo, mas é também por isso que tem tantas características raras. Este roedor de sangue frio, oriundo do leste de África, …

Maddie McCann

Dez anos depois, PJ diz que caso Maddie "continua aberto"

A Polícia Judiciária continua a investigar o desaparecimento de Madeleine McCann, ocorrido em 2007 no Algarve, admitindo que se trata de "um caso único na história da PJ e do país". "O caso continua aberto" e …

Marine Le Pen em visita ao Líbano

Mais de 45 milhões de franceses escolhem hoje quem passa à segunda volta

Mais de 45 milhões de eleitores escolhem, este domingo, os dois candidatos que passam à segunda volta das eleições presidenciais, com as sondagens a indicarem que o confronto decisivo vai opor Emmanuel Macron a Marine …

-

Consumo diário de bebidas light aumenta risco de derrame e demência

Bebidas adoçadas artificialmente, como as bebidas light, podem aumentar o risco de acidente vascular cerebral e demência. É o que mostra um novo estudo da Universidade de Boston, nos Estados Unidos. De acordo com este estudo, …