Fóssil de dinossauro poderá reescrever história geológica da China

Os gigantes saurópodes são um grupo icónico de dinossauros — e, ao que parece, foi recentemente descoberto um novo membro desta família. Fósseis encontrados na China poderão mudar tudo o que sabemos sobre a história geológica do país.

Lingwulong shenqi é o nome da espécie recentemente adicionada à família destes gigantes de pescoço comprido. Um grupo de paleontólogos conseguiu definir a nova espécie a partir de 7 a 10 esqueletos parciais encontrados em diferentes regiões da China.

Estes dinossauros viveram no norte do país há 174 milhões de anos. Na época, acreditava-se que o leste da Ásia se tinha separado há pouco do supercontiente Pangea. No entanto, Lingwulong pode contar outra história e até desafiar a teoria da deriva continental.

Esta espécie faz parte de um grande subgrupo de dinossauros – os neossaurópodes – que incluem o titanossauro, o diplodoco, o braquiossauro, entre outros. De acordo com o novo estudo, publicado esta terça-feira na revista Nature, estes são os fósseis de neossaurópode mais antigos encontrados até então.

Lingwulong apareceu na China 15 milhões de anos antes de qualquer outro dinossauro da família conhecido, surpreendendo os investigadores. O autor do estudo, do Imperial College London, Philip Mannion, descreveu a descoberta como “duplamente inesperada“.

Investigações anteriores mostraram que os neossaurópodes viveram entre 163 a 145 milhões de anos, durante o Jurássico Superior. No entanto, e tendo em conta que os fósseis encontrados na China datam de 174 milhões de anos, os investigadores sugerem que estes animais já existiam na Pangea muito antes, durante o Jurássico Médio.

“Não só é o membro mais antigo deste subgrupo, mas também é o primeiro encontrado na Ásia. Durante muito tempo pensou-se que os neossaurópodes não tivessem entrado na Ásia durante o período Jurássico”, sustentou em declarações à BBC.

“Naquela época, a Pangea estava a começar a fragmentar-se. Foi proposto que um mar, muito semelhante ao Mar Vermelho mas de maiores dimensões, separasse o que é hoje a China do resto do super continente, impedindo assim que os animais se cruzassem”, prosseguiu o investigador.

Apesar de os neossaurópodes serem abundantes noutras áreas da Pangea – que agora corresponde à América do Norte, Europa e África Oriental – nenhum deles tinha sido encontrado com uma idade superior a 160 milhões de anos.

Lingwulong não só se assume como o membro mais antigo desta família, como também mostra que os dinossauros estavam numa fase muito mais avançada na sua evolução do que pensávamos, tendo levado a sua diversidade desde, pelo menos, o Jurássico Inferior até ao Jurássico Médio.

Na verdade, e ao contrário da ideia de que os dinossauros “falharam”, estes animais foram muito bem sucedidos no que respeita à evolução e adaptação, perdurando durante milhões de anos. Sobreviveram a várias extinções de massa na Terra causadas por intensas atividades vulcânicas e, ainda assim, sobreviveram.

Este fóssil, recentemente descoberto na China, pode ser mais uma evidência disso mesmo: do enorme poder de evolução e adaptação dos dinossauros.

ZAP ZAP // BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Juventus: FC Porto deverá ter Dybala pela frente (durante 30 minutos)

Uma das figuras do campeão italiano pode reduzir a lista longa de lesionados no plantel. E o regresso deverá acontecer contra o campeão português. Paulo Dybala continua fora dos jogos da Juventus mas há uma data …

A Via Láctea pode estar cheia de "Terras" (com oceanos e continentes)

Uma equipa de investigadores da Universidade da Dinamarca acredita que a Via Láctea pode estar cheia de planetas semelhantes à Terra, com oceanos e continentes. Há muito tempo que os astrónomos vasculham o vasto Universo na …

Podem as leis da Física refutar a existência de Deus?

Se existe um Deus que criou todo o universo e todas as leis da Física, Deus segue as suas próprias leis? Ou pode Deus substituir as suas leis, como viajar mais rápido do que a …

Covid-19. Perda de olfato e paladar pode durar até cinco meses

A perda dos sentidos do olfato e do paladar pode durar até cinco meses depois da infeção por covid-19, segundo um estudo preliminar dado a conhecer esta terça-feira, sendo os resultados definitivos apresentados em abril, …

Na Florida, duas mulheres disfarçaram-se de idosas para serem vacinadas contra a covid-19

Na Florida, duas mulheres disfarçaram-se de idosas para conseguirem receber a segunda dose da vacina contra a covid-19, mas foram "apanhadas". De acordo com a CBS News, duas mulheres foram "apanhadas" a tentar obter as segundas …

O Rei Leão. Teoria que nasceu no TikTok sugere que Mufasa foi vítima de canibalismo

Christian Jones, um fã do filme de animação O Rei Leão, partilhou no TikTok uma teoria intrigante sobre a história da Disney. No filme O Rei Leão, o leão patriarca Mufasa é assassinado e substituído pelo seu …

Gérard Depardieu indiciado por violação e agressão sexual

Gérard Depardieu foi acusado de "violação" e "agressão sexual" de uma jovem atriz e bailarina em Paris, atos que terão ocorrido nos dias 7 e 13 de agosto de 2018. O ator francês Gérard Depardieu foi …

Uma experiência artística imersiva. Abriu em Las Vegas um supermercado psicadélico

A mercearia mais excecional dos Estados Unidos já abriu. O Omega Mart baseia-se numa experiência artística imersiva, criada pela empresa de artes e entretenimento Meow Wolf, e está agora oficialmente aberto no complexo de artes …

A imensa erupção do Etna surpreendeu até quem estuda vulcões

Há mais de uma semana que o vulcão Etna tem vindo a expelir lava, cinzas e rochas vulcânicas. Aquele que é considerado o vulcão mais ativo da Europa foi o protagonista dos últimos dias na …

Fotógrafo descobre raro pinguim amarelo na Geórgia do Sul

O pinguim amarelo foi fotografado na Geórgia do Sul, em dezembro de 2019, e as fotografias do animal estão agora a correr o mundo. Especialistas estão divididos sobre a causa desta condição rara. Este raro pinguim …