Misteriosos fósseis magnéticos oferecem pistas climáticas do passado

Courtney Wagner / Ioan Lascu / Kenneth Livi

Imagens de microscópio eletrónico de agulhas gigantes

Fósseis encontrados em antigos sedimentos marinhos, compostos por algumas nanopartículas magnéticas, podem revelar muitas informações sobre o clima do passado, especialmente sobre episódios de aquecimento global abrupto.

Courtney Wagner e Peter Lippert, da Universidade de Utah, nos Estados Unidos, encontraram uma forma de recolher informações nestes fósseis magnéticos sem ser necessário esmagar as escassas amostras num pó fino. O artigo científico foi recentemente publicado na Proceedings of the National Academy of Sciences.

O SciTechDaily explica que os magnetofósseis são fósseis de ferro bacteriano microscópico. Algumas bactérias produzem partículas magnéticas com 1/1000 da largura de um fio de cabelo que, quando reunidas numa corrente dentro da célula, agem como uma bússola em escala nanométrica.

Por sua vez, as bactérias, chamadas “bactérias magnetotáticas“, podem usar essa bússola para se alinhar ao campo magnético da Terra e viajar para as suas condições químicas favoritas na água.

Durante alguns períodos geológicos, nomeadamente o Eoceno – de 56 a 34 milhões de anos atrás -, alguns destes ímanes produzidos biologicamente cresceram até tamanhos muito grandes (cerca de 20 vezes o tamanho dos magnetofósseis comuns) e em formas exóticas (agulhas e pontas, por exemplo).

Ao longo do tempo, as bactérias usaram o seu supersentido magnético para encontrar os seus níveis preferidos de nutrientes e oxigénio na água do oceano. Como os magnetofósseis gigantes estão associados a períodos de rápida mudança climática e temperatura global elevada, podem dar muitas informações sobre as condições do oceano durante aquele aquecimento.

Até agora, a extração e a análise destes fósseis exigiam a fragmentação das amostras num pó fino para serem analisados em imagens de microscopia eletrónica.

Agora, a equipa encontrou uma nova forma de os estudar: a análise FORC (curva de reversão de primeira ordem), que investiga a reação de partículas magnéticas a campos magnéticos aplicados externamente, permitindo discriminar entre diferentes tipos de partículas de óxido de ferro sem as ver.

“A capacidade de encontrar rapidamente assembleias de magnetofósseis gigantes no registo geológico ajudará a identificar a origem desses magnetofósseis incomuns”, escreveram os investigadores.

Além disso, as informações contidas nos magnetofósseis ajudam os cientistas a entender como os oceanos responderam às mudanças climáticas do passado – e, consequentemente, como poderá o oceano atual responder ao aquecimento global.

Liliana Malainho, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Prosecco ou prošek? A batalha da UE entre Itália e Croácia por causa de vinho

Prosecco é provavelmente o vinho italiano mais famoso, mas por trás da efervescência deste néctar, a Itália está numa grande disputa sobre se a Croácia pode vender um vinho de sobremesa com o nome de …

China vai limitar abortos. E nada tem a ver com saúde

A China vai reduzir o número de abortos realizados por motivos que não estejam relacionados com a saúde, anunciou o governo esta segunda-feira, avançando que serão também criadas medidas para evitar a gravidez indesejada. As autoridades …

Crónica ZAP - Linha de Fundo por Teófilo Fernando

Linha de Fundo: SL7, arte e paciência

Líder soma e segue. Leões e dragões vencem à justa. As frases e os números da semana. Visto da Linha de Fundo. Líder reina no castelo Vitória SC 1 (Bruno Duarte 78', g.p.) – SL Benfica …

"Atropelamento e fuga." Terra e Vénus cresceram como planetas rebeldes

Planetas como a Terra e Vénus, que residem dentro de Sistemas Solares, são fruto de repetidas colisões. Esta conclusão desafia os modelos convencionais sobre a formação de planetas. Investigadores do Laboratório Lunar e Planetário (LPL) da …

A origem do "Gigante de Segorbe" pode finalmente ter sido esclarecida

Um novo estudo revela que a origem do "Gigante de Segorbe" pode ser bastante mais complexa daquilo que se pensava. O "Gigante de Segorbe", como é conhecido, foi um indivíduo encontrado por arqueólogos numa necrópole islâmica …

Instagram suspende planos de uma versão da aplicação para crianças

Para já, a empresa ainda não fez se se trata de um abandono temporário ou definitivo. Tempestade mediática em torno da influência das redes sociais na saúde mental dos jovens, sobretudo raparigas, pode ter influenciado …

Com todos os votos contados, PS vence com pior resultado que em 2013 e PSD conquista 113 câmaras

PS continua a ser o partido com mais representação autárquica em Portugal, apesar de cair para números anteriores à liderança de António Costa. PSD recupera das hecatombes de 2013 e 2017. Quase 24 horas depois após …

Presidente sul-coreano admite proibir consumo de carne de cão

O Presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, admitiu, esta segunda-feira, a possibilidade de proibir o consumo de carne de cão, costume que se tornou "uma vergonha internacional", segundo fonte do seu gabinete. "Não terá chegado …

Pelo menos 24 países criaram novas leis para controlar o conteúdo na Internet, revela relatório

Autoridades de pelo menos 24 países, incluindo os Estados Unidos (EUA), estabeleceram novas regras que determinam o tratamento dos conteúdos por parte das plataformas 'online', concluiu um relatório da Freedom House. No seu relatório anual, intitulado …

Exames nacionais e provas de aferição deverão “retomar a normalidade” este ano

Depois de dois anos letivos condicionados pela pandemia da covid-19, o Governo está apostado em retomar, entre outras formas de avaliação, a obrigatoriedade de exames nacionais nas disciplinas de conclusão do ensino secundário. Os exames nacionais …