Geólogos descobrem a fonte de magma subterrânea do supervulcão Yellowstone

Análise sísmica do núcleo de vulcão de Yellowstone mostra que debaixo deste vulcão se localiza uma poderosa pluma mantélica – um fluxo vertical de magma que sobe rapidamente das profundezas da Terra.

“A história da formação do supervulcão, localizado dentro da placa tectónica, tem provocado já há muito tempo debates calorosos entre os cientistas. Alguns especialistas acreditam que surgiu por causa da pluma, enquanto que os oponentes acreditam que nasceu em resultado de processos ainda desconhecidos que ocorreram nas camadas altas do manto terrestre”, escrevem os autores da pesquisa publicada na segunda-feira na revista Nature Geoscience.

O supervulcão do parque nacional de Yellowstone é agora uma caldeira gigantesca tão grande que é observável a partir da órbita terrestre baixa. A sua cratera tem 72 quilómetros de comprimento e 55 de largura e os canais subjacentes contêm várias dezenas de milhares de quilómetros cúbicos de material magmático.

Há certos receios ligados ao fato de o vulcão Yellowstone, atualmente adormecido, poder entrar em erupção depois de 630 mil anos de “sono” e que a erupção poderia atingir centenas de quilômetros nos EUA.

No entanto, até ao momento os especialistas não conseguiram encontrar a fonte de lava ou magma desse supervulcão. O que, por sua vez, fez os geólogos procurar as possíveis razões para o aparecimento de um vulcão gigantesco nessa parte dos EUA.

Mas os geólogos da Universidade do Texas, nos EUA, Peter L. Nelson e Stephen P. Grand, abriram recentemente um novo capítulo na discussão. Descobriram que por baixo do Yellowstone encontra-se uma “fonte” de magma líquido e extremamente quente que sobe rapidamente para a superfície da Terra desde o núcleo.

Esses fluxos de magma são chamados pelos cientistas de “plumas“. Graças à sua velocidade e temperaturas altas, os fluxos às vezes são capazes de “romper” as camadas rochosas grossas e frias da placa tectónica e sair para a superfície do nosso planeta, causando erupções vulcânicas extremamente fortes.

No decurso da pesquisa, os geólogos criaram um mapa tridimensional da área subterrânea debaixo do supervulcão usando sismógrafos USArray e entenderam como se movem os fluxos de magma e como sobe para a superfície.

Segundo mostram os resultados, debaixo do Yellowstone está localizado um “tubo” de magma estreito e direito que desce por 2,7 – 3 quilómetros até à profundeza terrestre. Além disso, as estimativas científicas mostram que surgiu em resultado de uma pluma.

Vale a pena ressaltar que, por um lado, a nova descoberta não permite predizer quando ocorrerá a próxima erupção do vulcão e não a torna mais provável, segundo indicam os próprios geólogos. Mas, por outro lado, a observação posterior do comportamento da pluma permitirá saber com antecedência que o supervulcão começou a despertar.

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Não quererão dizer: A sua cratera tem 72 metros de comprimento e 55 de largura e os canais subjacentes contêm várias dezenas de milhares de quilómetros cúbicos de material magmático.”

    Em vez de:
    “A sua cratera tem 72 quilómetros de comprimento e 55 de largura e os canais subjacentes contêm várias dezenas de milhares de quilómetros cúbicos de material magmático.”

É distraído e está sempre a perder a carteira? A Cashew Smart Wallet é para si

Uma simples carteira pode vir a melhorar os seus dias. A Cashew Smart Wallet é dotada de uma tecnologia de bluetooth que permite proteger os seus bens e ainda o ajuda caso a perca por …

Desportivo das Aves SAD desiste do Campeonato de Portugal

O Desportivo das Aves SAD vai abdicar da participação no Campeonato de Portugal (CdP), após ter falhado as negociações com o Perafita para utilizar as instalações do clube de Matosinhos. "As inscrições fechavam ontem [terça-feira] e …

Celebridades doam dinheiro para pagar dívidas a ex-presos impedidos de votar nos EUA

O bilionário Michael Bloomberg, o cantor John Legend e o basquetebolista LeBron James são algumas das celebridades que estão a doar dinheiro para pagar dívidas de ex-presidiários da Florida, impedidos de votar nas próximas eleições …

No debate sobre o Plano de Recuperação, evocou-se Sócrates e Passos

O líder do PSD questionou o primeiro-ministro se pretende "fomentar o desemprego" com o aumento do salário mínimo. O chefe do Governo manifestou-se "completamente perplexo". Na abertura do debate sobre o Plano de Recuperação e Resiliência, …

380 baleias morreram encalhadas na Austrália. Este é o maior incidente registado no país

Morreram pelo menos 380 baleias-piloto presas numa baía remota da Tasmânia. Apesar dos intensos esforços para tentar salvá-las não foi possível evitar este cenário, informou hoje um responsável pelos serviços de socorro. "Temos um número mais …

Ansu vale 400 milhões e é "sucessor" de Lopetegui

A figura mais recente do Barcelona e do futebol espanhol entrou oficialmente na equipa principal e, por isso, a cláusula de rescisão "disparou". Em Barcelona continua-se a falar muito sobre Luis Suárez. Depois de Lionel Messi, …

Deputados chumbam divulgação imediata e integral da auditoria ao Novo Banco

Os deputados da Comissão de Orçamento e Finanças (COF) rejeitaram, esta quarta-feira, o requerimento do Bloco de Esquerda (BE) para divulgação pública imediata e integral do relatório de auditoria especial ao Novo Banco enviado pelo …

Bélgica recoloca Lisboa e região Centro no "vermelho"

As autoridades belgas aliviaram ligeiramente as medidas restritivas no quadro da pandemia da covid-19, apesar do aumento do número de casos, esta quarta-feira, e recolocaram a área metropolitana de Lisboa e a região centro de …

"É bastante provável que já se esteja a formar a covid-21"

Tudo "o que não sabemos" sobre o coronavírus - e é muita coisa! - é o que mais preocupa o especialista de Saúde Global do Conselho de Relações Externas dos EUA, Yanzhong Huang, que alerta …

Bruxelas propõe novo pacto para as migrações e pede compromisso a todos os Estados-membros

A Comissão Europeia propôs, esta quarta-feira, um novo Pacto para as Migrações e Asilo, à luz do qual "todos os Estados-membros, sem exceção", devem assumir as suas responsabilidades. Assumindo que "o sistema atual não funciona" e …