Filho de Bolsonaro pede apoio ao Senado brasileiro para ser embaixador dos EUA

O deputado Eduardo Bolsonaro, filho do Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, enviou na segunda-feira a empresários o projeto que pretende levar a Washington caso seja nomeado embaixador dos EUA, procurando agora o apoio do Senado.

Numa reunião com empresários em São Paulo, Eduardo Bolsonaro enumerou algumas das suas mais-valias para o cargo e apelou aos executivos da Federação das Indústrias de São Paulo (Fiesp), a maior entidade de classe da indústria do país, a conversar com os senadores, de forma a convencê-los dos benefícios que a sua nomeação traria para a economia brasileira.

O deputado parlamentar de 35 anos foi proposto pelo seu pai para o cargo de embaixador em Washington e já recebeu o apoio oficial norte-americano. Porém, para assumir o cargo, o terceiro filho do chefe de Estado brasileiro necessita ainda de ser oficialmente nomeado e contar com o apoio do Senado.

“Dependo do apoio do Senado Federal. Tenho o apoio dos senhores e, caso vocês tenham algum contacto com os senadores, digam-lhes que essa abertura que tenho junto da Casa Branca vai acelerar e muito os acordos comerciais e, em outros setores que lhes interessam”, disse Eduardo Bolsonaro, o deputado mais votado nas eleições legislativas de outubro passado.

Segundo o deputado, um dos seus objetivos como embaixador será apresentar nos Estados Unidos as “bandeiras económicas” promovidas pelo novo Governo.

“São essas as bandeiras que eu quero levar aos EUA. E dizer-lhes que ocorreu uma mudança no Brasil, que não foi só na questão da corrupção, mas também no pensamento económico”, acrescentou Eduardo Bolsonaro.

O deputado, que é também presidente da Comissão de Relações Exteriores na Câmara baixa, citou o acordo de livre comércio assinado em junho passado entre a União Europeia e o Mercosul como forma de “derrubar barreiras”, e lembrou que os Estados Unidos já expressaram a sua intenção de assinar o seu próprio acordo com o Brasil.

O filho do Presidente brasileiro reuniu-se na segunda-feira com o presidente da Fiesp, Paulo Skaf, e com o restante conselho de administração e, posteriormente, jantou com empresários que possuem interesses nos Estados Unidos.

Enquanto Eduardo Bolsonaro procura por apoios, o Ministério Público Federal (MPF) do Brasil informou na segunda-feira que entrou com uma ação civil pública contra a indicação do deputado para a embaixada do país em Washington.

O MPF citou a falta de experiência do filho do Presidente para o cargo e pediu que o Governo tenha em conta determinados critérios ao fazer uma nomeação, incluindo reconhecido mérito em atividades diplomáticas e, pelo menos, três anos de experiência nessa área.

A iniciativa foi motivada após terem chegado dezenas de pedidos ao MPF, questionando a intenção do Governo brasileiro em indicar o deputado (membro da câmara baixa parlamentar) Eduardo Bolsonaro ao cargo de embaixador do Brasil na capital dos Estados Unidos.

Além do pedido de providência cautelar para garantir o cumprimento dos requisitos de experiência e de preparação prévia do indicado a cargo de embaixador do Brasil, os procuradores solicitaram à Justiça que seja imposta multa diária ao Governo brasileiro, caso estes critérios não sejam atendidos.

Para assumir o cargo de embaixador, Eduardo Bolsonaro, de 35 anos, terá de renunciar ao mandato de deputado e terá ainda de passar por uma audição (sabatina) no Senado brasileiro (câmara alta parlamentar), responsável por aprovar a indicação dos embaixadores brasileiros, e que poderá impedir a nomeação.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Segundo ele, é a pessoa indicada para o cargo, não por ser filho do presidente, mas pela sua experiência, e argumenta “já fiz intercâmbio, já fritei hamburger no frio do Maine lá no alto da montanha onde aprimorei o meu inglês”.
    Só não se sabe se ele está se candidatando para embaixador, ou empregado do McDonalds.
    Quanto ao inglês, claramente não aprimorou o suficiente, porque numa entrevista de um canal de TV americana, gaguejou meia dúzia de patacoadas até lhe faltar o vocabulário (ou as idéias), e soltou um “caralho, deu branco”.
    Os brasileiros de bom senso têm razão para se preocupar. Os outros, talvez não se importem de ser representados no exterior desta maneira. No fundo o Eduardo é um deles.

RESPONDER

E agora, Portugal? Depois do Grupo da Morte... Bélgica, Itália, França e Espanha no quadro

Teoricamente, desta vez a seleção nacional ficou claramente do lado mais forte na fase a eliminar do Europeu. Haverá um "escaldante" Inglaterra-Alemanha nos oitavos-de-final. Muitos adeptos portugueses ainda se lembram do golo tardio, noutro jogo, que …

Parlamento Europeu aprova novo estatuto do Provedor de Justiça

O Parlamento Europeu aprovou o novo estatuto do Provedor de Justiça Europeu que vai passar a trabalhar com novas regras, podendo avançar com os próprios inquéritos, prevendo-se também no novo regulamento medidas de proteção para …

Fernando Santos: "Estava a dizer à equipa para se chegar à frente"

Explicação do selecionador nacional, que esteve muito agitado durante os últimos minutos do Portugal-França. Uma primeira parte "excelente" e uma decisão duvidosa da equipa de arbitragem que alterou o resultado perto do intervalo. Fernando Santos começou …

Alemanha 2-2 Hungria | Goretzka salva germânicos no fim

Uma Alemanha impiedosa ao atrevimento da Hungria rendeu hoje um empate a duas bolas, selando a qualificação germânica para os ‘oitavos’ do Euro2020 e a despedida dos magiares no quarto e último lugar do Grupo …

Quase 900 funcionários dos Serviços Secretos dos EUA contraíram covid-19

Aproximadamente 900 funcionários dos Serviços Secretos dos Estados Unidos (EUA) testaram positivo para o coronavírus, de acordo com registos do governo obtidos por um grupo de vigilância. De acordo com os registos, obtidos pela Citizens for …

Portugal 2-2 França | Jogo louco vale empate com sabor a oitavos

A seleção portuguesa de futebol qualificou-se hoje para os oitavos de final do Euro2020, ao empatar 2-2 com a campeã mundial França, em encontro da terceira jornada do Grupo F do Euro2020, na Puskás Arena, …

Em 2020, mais de 8.500 crianças foram usadas como soldados

De acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU), no ano passado, mais de 8.500 crianças foram usadas como soldados e quase 2.700 foram mortas devido à proximidade com vários conflitos existentes em todo o …

Portugal vs França: seleção empata 2-2 e está nos oitavos do Euro!

A seleção de Portugal jogou esta quarta-feira contra a França, num encontro que podia significar o apuramento para os Oitavos de Final do Euro 2020 ou o regresso a casa mais cedo e sem glória. …

Rússia nega investimento em IA para criação de microchips cerebrais

A Rússia negou as alegações de que estaria a investir em Inteligência Artificial que permitiria aos humanos controlar carros, aviões e usinas nucleares através de microchips implantados nos seus cérebros. O diário Kommersant relatou na terça-feira …

Bombeiro que socorreu a princesa Diana após o acidente revela as suas últimas palavras

Quase 24 anos depois da morte da princesa Diana, o chefe dos bombeiros que esteve no local na noite do acidente em Paris, revelou as suas últimas palavras. Amada por todo o mundo, a princesa do …