Filho mais velho de Bolsonaro investigado pelo Ministério Público brasileiro

Senado Federal / Flickr

O senador Flávio Bolsonaro, filho do Presidente brasileiro Jair Bolsonaro

O Ministério Público (MP) brasileiro instaurou na segunda-feira uma investigação criminal para apurar a alegada divulgação de uma operação policial sigilosa ao senador Flávio Bolsonaro, filho mais velho do Presidente, Jair Bolsonaro.

Em causa estão as declarações do empresário brasileiro Paulo Marinho, figura central na campanha presidencial de Bolsonaro, em 2018, que no domingo afirmou que o senador Flávio Bolsonaro foi informado por um delegado da Polícia Federal, entre a primeira e a segunda volta da eleição, que seria iniciada uma operação que o envolvia.

Em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo, citada pela agência Lusa, Paulo Marinho, que cedeu a sua casa no Rio de Janeiro para a estrutura de campanha presidencial de Bolsonaro, revelou ainda que autoridades policiais atrasaram a divulgação da operação para beneficiar a eleição de Bolsonaro.

Trata-se da Operação Furna da Onça, que expôs detalhes das movimentações financeiras atípicas de Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio. Queiroz é acusado de operar um esquema de “rachadinha” – prática em que funcionários devolvem parte dos seus salários pagos pelo Estado a quem os contrata – no gabinete de Flávio na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj).

A investigação tem como objetivo descobrir se polícias federais divulgaram informações sigilosas que privilegiaram “quem quer que seja”, indicou o coordenador do Núcleo de Controlo Externo da Atividade Policial do MP do Rio de Janeiro, órgão que ficará responsável pelo procedimento.

Caso seja provado que houve divulgação de informações sigilosas, explicou, “os polícias responsáveis podem ser presos e até perder o cargo por improbidade”.

Além da abertura do procedimento investigatório criminal, o MP pediu ainda à Justiça Federal para desarquivar um inquérito policial que apurou suspeitas de que informações privilegiadas foram divulgadas.

Ao justificar o pedido, o procurador da República Eduardo Benones argumentou que “há notícias de novas provas que demandam atividade investigatória”, referindo-se à entrevista de Paulo Marinho.

Num comunicado enviado à imprensa, Flávio disse que a declaração do ex-aliado é uma “invenção de alguém desesperado e sem votos” e que Marinho tem interesse em prejudicá-lo porque é seu substituto no Senado.

Lusa //

PARTILHAR

RESPONDER

Spotify lança Greenroom (e abre concorrência ao Clubhouse)

O Spotify lançou na quarta-feira, dia 16 de junho, uma app de conversas por áudio em direto chamada Greenroom, uma resposta do gigante sueco de streaming de música à popular plataforma Clubhouse. O Greenroom permite que …

"Médicos de árvores" em Singapura ajudam a preservar os seus pacientes gigantes

Arboristas como Eric Ong são responsáveis pelo bem-estar das milhares de árvores em Singapura. O seu trabalho é essencial para a preservação da natureza. A Singapura é uma cidade-estado insular situada ao sul da Malásia, com …

Novo primeiro-ministro de Israel dá 14 dias a Netanyahu para deixar residência oficial

O novo primeiro-ministro de Israel, Naftali Benet, deu duas semanas ao antecessor Benjamin Netanyahu para abandonar a residência oficial do chefe de Governo, em Jerusalém, segundo adianta hoje a imprensa local. Benet terá enviado na sexta-feira …

Ponte inca com mais de 500 anos é reconstruída após cair durante a pandemia

Peruanos da comunidade Huinchiri, localizada na região de Cusco, estão a reconstruir uma ponte inca com 500 anos. Esta foi feita a partir de técnicas tradicionais de tecelagem para criar uma passagem sob o Rio …

Portugal 2-4 Alemanha | Reality check ao plano do engenheiro

A seleção portuguesa de futebol, campeã em título, caiu hoje para o terceiro lugar do Grupo F do Euro2020, ao perder por 4-2 com a Alemanha, em encontro da segunda jornada, disputado no Allianz Arena, …

Pandemia mostrou “falta de proteção das mulheres”

A pandemia de covid-19 mostrou “a vulnerabilidade e a falta de proteção das mulheres e quão pouco as sociedades se preocupam realmente em proteger elementos-chave em matéria de segurança”, considera Edit Schlaffer, diretora-executiva da Women …

Portugal vs Alemanha: Portugal perde por 2-4

A seleção portuguesa de futebol pode garantir hoje o apuramento para os oitavos de final do Euro2020, mas terá de vencer a poderosa Alemanha, ainda à procura dos primeiros pontos no Grupo F. O jogo …

Choques elétricos no pescoço podem combater a fadiga

Desde café a rotinas de sono complexas: os seres humanos desenvolveram várias estratégias para evitar o cansaço. Agora, cientistas acreditam ter descoberto uma nova técnica de combate à fadiga através de estimulação elétrica cerebral não …

"Juneteenth". Novo feriado americano comemora o fim da escravatura

Este sábado comemora-se o mais recente feriado nacional a ser instituído nos Estados Unidos da América. É o chamado Juneteenth, um termo que funde as palavras "june" (junho) e "nineteenth" (dezanove), e representa a data …

Chef Enrico Derflingher trabalhou em Buckingham e na Casa Branca (e revela as preferências da rainha e de Bush)

O chef Enrico Derflingher já alimentou algumas das figuras mais poderosas do mundo. Do Palácio de Buckingham à Casa Branca, o chef italiano sabe melhor do que ninguém quais são as preferências culinárias de Isabel …