Ferramentas de madeira encontradas em Espanha eram de neandertais

(dr) Joseba Rios

Não é muito comum encontrarem-se na Europa ferramentas de madeira associadas a neandertais. Os instrumentos encontrados em Espanha têm cerca de 90 mil anos e as ferramentas de madeira descobertas em Itália têm cerca de 170 mil anos.

Nos últimos tempos, foram anunciadas duas descobertas de instrumentos deste género, que pertenciam a neandertais. Em fevereiro, cientistas italianos encontraram 40 instrumentos de madeira com cerca de 171 mil anos em Poggetti Vecchi, na região da Toscânia.

Agora, cientistas descobriram duas ferramentas de madeira com cerca de 90.000 anos, no sítio arqueológico de Aranbaltza, no País Basco, Espanha. Devido à idade destas ferramentas, pensa-se que pertenciam a neandertais, humanos que surgiram na Europa e no Médio Oriente há cerca de 400 mil anos.

As duas últimas ferramentas foram encontradas em escavações em 2015, por uma equipa liderada por Joseba Rios, do Centro Nacional de Investigação sobre Evolução Humana (CENIEH), em Espanha. Os dois instrumentos foram apresentados na Plos One.

Ambas foram feitas de madeira de teixo e encontram-se muito bem preservadas. “O teixo é muito apreciado no trabalho em madeira porque é forte, flexível e resistente ao apodrecimento”, lê-se no artigo científico.

Para perceberem como foram feitos estes instrumentos, os cientistas usaram a técnica de microtomografia e, assim, conseguiu ver que o tronco de teixo foi cortado de forma longitudinal em duas metades, e que uma dessas metades foi raspada com um instrumnto de pedra e tratada com fogo, de modo a ficar pontiaguda.

Por sua vez, através da datação por luminescência, os cientistas descobriram que as duas ferramentas têm cerca de 90.000 anos e, portanto, seriam de neandertais.

“A preservação de ferramentas de madeira associadas aos neandertais é muito rara porque a madeira degrada-se muito depressa. Apenas em ambientes muito específicos, como os sedimentos cobertos de água em Aranbaltza, tem sido possível descobrir provas da tecnologia de madeira”, refere um comunicado do CENIEH, citado pelo Público.

Devido à forma de ambas as ferramentas, os investigadores pensam que este tipo de tecnologia era “relevante na vida diária dos neandertais”, sendo usadas para procurar comida ou fazer buracos no solo.

39 ferramentas e um fóssil de elefante

Já em Itália, a descoberta foi feita em 2012, durante escavações para a construção de piscinas termais em Poggetti Vecchi. Ao todo, foram identificadas 39 ferramentas feitas por humanos, com 171 mil anos. Os instrumentos foram encontrados junto ao fóssil de um elefante já extinto.

Segundo Biancamaria Aranguren, arqueóloga do Ministério dos Bens e da Actividade Cultural e do Turismo (Itália) e principal autora do artigo, as ferramentas foram fabricadas com buxo, uma planta da família das buxáceas, e têm entre um metro e 1,20 metros.

“Provavelmente, o buxo é a madeira mais pesada, dura e forte entre a madeira europeia”, lê-se no artigo científico, publicado na Proceedings of the National Academy of Sciences (PNAS).

Na altura desta descoberta em Itália, alguns cientistas duvidaram que essas ferramentas pertencessem a neandertais. Na Europa, além de Aranbaltza e Poggetti Vecchi, considera-se que foram descobertas ferramentas de madeira associadas aos neandertais ou pré-neandertais em mais quatro sítios: Abric Romaní (Espanha), Clacton-on-Sea (Inglaterra), Schöningen e Lehringen (ambas na Alemanha).

Estas duas descobertas recentes são mais um elemento para o estudo do uso da madeira e da tecnologia associada aos neandertais.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

CGTP convoca “grande manifestação” para 10 de julho

A CGTP-IN convocou uma “grande manifestação” em Lisboa, para dia 10 de julho, data em que se discute o Estado da Nação, como forma de luta à proposta de revisão do Código Laboral. Numa conferência de …

A Liberdade Iluminando o Mundo chegou a Nova Iorque há 134 anos. Vinha em 214 caixas

https://vimeo.com/342845039 A 17 de junho de 1885, a fragata Isere aportava em Nova Iorque levando a bordo 350 peças, que seguiam em 214 caixas. Depois de montado, este gigante puzzle daria forma a um dos monumentos …

INE chumba pergunta sobre origem étnico-racial no censos

O Instituto Nacional de Estatística (INE) não vai incluir no Censos 2021 uma pergunta sobre a origem étnico-racial dos cidadãos, como pretendia a maioria dos membros do grupo de trabalho criado pelo Governo para avaliar …

Já morreram 100 crianças na Índia devido a um vírus cerebral associado à lichia

Já morreram 100 crianças devido a um surto de encefalite aguda no estado de Bihar, na Índia. Destas, 20 morreram em apenas um dia, a 16 de junho, escreve a imprensa local esta segunda-feira. As primeiras …

Praça de Touros da Póvoa de Varzim vai ser demolida

A Praça de Touros da Póvoa de Varzim vai ser demolida para dar lugar a um pavilhão multiusos. O presidente da Câmara, Aires Pereira, aproveitou o Dia da Cidade, no domingo, para apresentar o novo …

Autoridade dos Transportes defende sanções quando há falhas no metro

A Autoridade da Mobilidade e dos Transportes defende a "definição de requisitos mínimos de qualidade e de sanções em caso de incumprimento" por parte das operadoras do metro junto dos utentes. Após uma avaliação dos metros …

Oliveirense sagra-se bicampeã nacional de basquetebol

A Oliveirense sagrou-se pela segunda vez consecutiva campeã portuguesa de basquetebol, ao vencer em casa do Benfica, por 97-72, no quarto jogo da final. A Oliveirense, que chegou ao intervalo com uma vantagem de 53-41, conquistou …

Ivo Vieira é o novo treinador do Vitória de Guimarães

Ivo Vieira vai orientar o Vitória de Guimarães, depois de ter assinado um contrato válido para 2019/2020, anunciou o emblema vimaranense no site oficial. "A Vitória SAD informa que chegou a acordo com o treinador Ivo …

Dono da Altice compra leiloeira Sotheby's

O dono da Altice comprou a leiloeira Sotheby's, numa operação no valor de 3,7 mil milhões de dólares, cerca de 3,3 mil milhões de euros. O acordo definitivo foi assinado entre a Sotheby's e a BidFair …

PJ deteve português suspeito de apoiar Estado Islâmico

Um português foi detido, na madrugada de domingo, por suspeitas de apoiar o Estado Islâmico, tendo sido hoje ouvido em tribunal, que decretou como medida de coação a prisão preventiva, informaram as autoridades judiciais. Num comunicado …