FBI faz buscas no escritório e casa de advogado Rudolph Giuliani

Os inspetores do Departamento Federal de Investigação (FBI, na sigla inglesa) dos Estados Unidos executaram mandados de busca, na quarta-feira, para o escritório e casa de Rudolph Giuliani, advogado do antigo Presidente Donald Trump.

De acordo com fonte das forças de segurança, citada pela Associated Press (AP), o antigo autarca de Nova Iorque está a ser investigado há vários anos por causa dos negócios em que participou na Ucrânia.

Ainda não há detalhes sobre qual o teor concreto da investigação, mas os mandados de busca surgem na mesma altura em que o Departamento de Justiça dos Estados Unidos confirmou que ainda está em curso a investigação ao também aliado e advogado do anterior chefe de Estado norte-americano, o republicano Donald Trump.

Os inspetores do FBI vasculharam o escritório, em Park Avenue, e a casa, em Madison Avenue, de “Rudy” Giuliani e apreenderam aparelhos informáticos, confirmou à AP uma fonte familiarizada com a investigação.

As fontes contactadas pela AP apenas concordaram em partilhar detalhes sobre a investigação sob a condição e anonimato. A notícia sobre as investigações foi avançada pelo diário norte-americano The New York Times.

Giuliani foi uma figura central na tentativa de o antigo Presidente encontrar formas de desacreditar o então adversário político na corrida à Casa Branca, o democrata Joe Biden – que venceu as eleições presidenciais de 3 de novembro e é atualmente o Presidente dos EUA – através da criação de polémicas sobre Hunter Biden, um dos filhos do democrata, que está atualmente a ser acusado de fraude fiscal pelo Departamento de Justiça.

A investigação do Departamento de Justiça assenta na convicção de que Giuliani agiu como uma espécie de agente duplo, entre 2019 e 2020. Enquanto coordenava uma campanha de pressão para que o Presidente ucraniano, Volodimir Zelenski, anunciasse a abertura de investigações criminais contra adversários políticos de Trump, convenceu o então Presidente dos Estados Unidos a despedir a embaixadora norte-americana em Kiev em benefício de empresários ucranianos corruptos.

O The New York Times explicitou que a investigação a Giuliani tem por base uma alegada violação da legislação de lóbi pela parte do antigo autarca nova-iorquino.

A AP contactou o advogado de “Rudy” Giuliani, mas não obteve resposta. Giuliani já tinha dito que as investigações de que está a ser alvo são “pura perseguição política”.

O Departamento de Justiça ainda não respondeu ao pedido de comentário da AP. Já o gabinete do procurador-geral de Nova Iorque, em Manhattan (Nova Iorque), assim como o gabinete do FBI na “Big Apple” (“Maçã Grande”), recusaram comentar as buscas.

ZAP // Lusa

 

PARTILHAR

RESPONDER

"Dever de neutralidade". Portugal não assinou carta contra a Hungria pelos direitos LGBTI

O Governo de António Costa está a ser duramente criticado por ter recusado subscrever uma carta assinada por 13 Estados-membros da União Europeia (UE) contra a Hungria, na defesa dos direitos LGBTI neste país. O …

Jogos de futebol emocionantes podem (literalmente) parar o coração

Um equipa de investigadores descobriu que um jogo de futebol emocionante, que deixa as pessoas stressadas ou zangadas, pode provocar um ataque cardíaco. Em 2014, a Alemanha venceu a Argentina na final do Campeonato Mundial de …

PSD aprovou lei que mantém libertação de presos

Num texto conjunto com o PS, no ano passado, o PSD propôs que a vigência do regime de perdão de penas no âmbito da covid-19 terminasse "na data a fixar em lei própria". O líder do …

Exoneração de encarregado da Câmara de Lisboa congelada. Falta divulgar relatório da auditoria

A exoneração do encarregado de proteção de dados, na sequência do envio de dados de manifestantes para várias embaixadas estrangeiras, só se irá materializar caso Fernando Medina garanta a aprovação em Reunião de Câmara. O Expresso …

Antecipada vacinação de idosos e funcionários de lares por vacinar

Os idosos e funcionários dos lares que estiveram infetados há mais de três meses vão ser vacinados contra a covid-19, antecipando para metade o prazo previsto para receberem a vacina, anunciou a task force da …

Não são só os humanos. As temíveis baleias assassinas também têm amigos íntimos

As baleias assassinas têm uma vida social muito parecida com a dos humanos. A observação de 22 animais durante 10 dias mostrou que estes contam com uma complexa teia de relacionamentos, incluindo amizades íntimas. As baleias …

Estudo revela que a Terra sofreu uma inclinação de 12 graus há 84 milhões de anos

Um novo estudo revelou que, há cerca de 84 milhões de anos, a Terra sofreu uma inclinação de 12 graus, contrariando a teoria de que o eixo de rotação do planeta tem sido estável nos …

Famosa teoria de Stephen Hawking sobre buracos negros confirmada

Usando ondulações no espaço-tempo causadas pela fusão de dois buracos negros distantes, uma equipa de cientistas conseguiu provar uma das teorias mais famosas de Stephen Hawking. A teoria da área do buraco negro, que Stephen Hawking …

Mayflower 2.0: um navio autónomo pilotado por IA está a refazer a viagem do original

Quatro séculos e uma pandemia depois de o Mayflower original ter zarpado do porto de Southampton, numa jornada histórica para a América, outro veículo pioneiro com o mesmo nome partiu para refazer a mesma viagem. O …

Halterofilista neozelandesa será a primeira atleta transgénero a competir nos Jogos Olímpicos

A neozelandesa Laurel Hubbard, de 43 anos, classificou-se para os Jogos Olímpicos de Tóquio na categoria acima de 87kg feminina (super pesadas) do levantamento de peso, tornando-se a primeira atleta transgénero a participar na competição. "Estou …