FBI espiou o escritor Gabriel García Márquez durante 24 anos

FICG / Wikimedia

O escritor colombiano Gabriel García Márquez

O escritor colombiano Gabriel García Márquez

O FBI espiou durante 24 anos o colombiano Gabriel García Marquez, incluindo durante os anos em que se consagrou como escritor a nível internacional, segundo documentos desclassificados pela agência federal e revelados no sábado pelo The Washington Post.

O jornal norte-americano informou que a seu pedido, a agência federal desclassificou 137 páginas sobre uma investigação desenvolvida durante mais de duas décadas, as quais revelam que o galardoado escritor foi vigiado desde 1961, quando se hospedou durante um mês no Hotel Webster, em Manhattan, Nova Iorque, acompanhado da sua mulher e do filho primogénito Rodrigo García.

Na altura, Gabriel García Márquez tinha acabado de chegar a Nova Iorque para trabalhar para a agência de notícias cubana Prensa Latina.

Com o tempo, o escritor tornou-se um amigo próximo do líder cubano Fidel Castro, apesar de as motivações do FBI para investigar o escritor “serem pouco claras”, reconheceu o jornal.

Os documentos desclassificados não apresentam indícios da abertura de uma investigação criminal, embora a agência federal mantenha 133 páginas classificadas, fora do domínio público.

Segundo se depreende dos documentos, foi o próprio diretor do FBI, Edgar J. Hoover, que instruiu a agência para ser avisado de imediato se o escritor “entrar nos Estados Unidos por qualquer motivo”.

Nos primeiros relatórios sobre as atividades do autor de “Cem Anos de Solidão” (1967), consta que o colombiano pagou 200 dólares por mês para ficar alojado no hotel em Nova Iorque, e que o FBI manteve contato com pelo menos “nove informadores confidenciais” que detalhavam os passos do escritor e jornalista.

Rodrigo García, filho do escritor hoje cineasta radicado em Los Angeles, disse ao jornal que a sua família não tinha ideia de que o seu pai tivesse sido objeto de uma investigação por parte do FBI, embora a notícia não o surpreenda.

“Considerando o fato de que este colombiano estava em Nova Iorque para abrir uma agência de imprensa cubana, teria sido invulgar que não o espiassem”, afirmou Rodrigo Garcia.

Alguns meses depois, revelou Rodrigo Garcia, o seu pai foi demitido da agência de notícias estatal cubana por não ser “suficientemente radical”.

“Ele nunca pertenceu a nenhuma organização política”, disse o realizador e produtor de cinema, que recorda que o pai lhe disse na altura que tinha sido seguido no regresso a casa mais do que uma vez.

O registo do escritor, que contém informações com datas até aos primeiros anos da década de 1980, soma-se a outros também relacionados com a vigilância a políticos, artistas e escritores, todos ordenados pelo controverso ex-diretor da agência Edgar J. Hoover.

Gabriel García Márquez morreu a 17 de abril de 2014, na sua residência na Cidade do México, aos 87 anos.

/Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Sinceramente, não creio que o presidente Obama concorde com tais práticas. Ele é pai, é presidente e é homem; e é inteligente, por mais que a esposa e as filhas lhe andem a mostrar as orelhas de burro. Espiar García Márquez por ” Cem anos de solidão” é passar completamente ao lado da antropologia da condição humana, independentemente de Gabriel ter sido ou não amigo de Fidel Castro, que também está longe de ser o diabo que o pintam. América, grandes E.U.A., se querem viver em paz, façam a paz e provam a concórdia.

RESPONDER

Com uma nova subida de preços na segunda-feira, portugueses correm às bombas

Com o anúncio do Governo da redução do ISP, e um possível aumento do preço dos combustíveis já na próxima semana, os portugueses estão a aproveitar o fim-de-semana para abastecer. Na sexta-feira, o Governo anunciou a …

O candidato às eleições presidenciais das Filipinas Ferdinand Marcos Jr.

Ferdinand-Duterte: Eleições filipinas podem pôr duas dinastias frente-a-frente (ou lado a lado)

Ferdinand Marcos Jr. é filho de um antigo ditador filipino. Agora é candidato às eleições presidenciais e poderá enfrentar a filha de Rodrigo Duterte, Sara, ou até aliar-se a ela. Ainda faltam mais de seis meses …

Recuperados da covid-19 vão poder tomar segunda dose se for preciso para viajar

A diretora-geral da Saúde revelou, este sábado, que os recuperados da covid-19 vão agora poder tomar uma segunda dose da vacina, caso seja preciso para poderem viajar. Esta semana, o Jornal de Notícias tinha avançado que …

Líder do PCP diz que problemas do país "não se resolvem com dramatizações"

O secretário-geral do PCP defendeu, este sábado, que os problemas do país "não se resolvem com dramatizações ou com o agigantar de dificuldades sobre o futuro", numa crítica ao Governo. Num discurso de quase 30 minutos …

Marcelo fez o que podia para prevenir crise política. Agora, fica à espera do diálogo

O Presidente da República transmitiu, este sábado, que fez em público e privado o que podia para prevenir junto dos partidos uma crise política e afirmou que espera diálogo sobre o Orçamento do Estado nos …

Candidato do Chega detido por tentativa de homicídio de família sueca

O suspeito da tentativa de homicídio de uma família sueca em Moura, Beja, foi candidato do Chega à freguesia de Póvoa de São Miguel nas últimas eleições autárquicas. O líder do partido já condenou este …

A judoca Bárbara Timo

Judoca Bárbara Timo conquista ouro nos -63kg no Grand Slam de Paris

A judoca portuguesa Bárbara Timo conquistou, este sábado, a medalha de ouro no primeiro dia do Grand Slam de Paris, na sua estreia na categoria -63 kg em provas do circuito mundial. Bárbara Timo, de 30 …

Afinal, o início do Universo pode nunca ter realmente existido

Investigador português da Universidade de Liverpool partiu da teoria dos conjuntos causais para pôr em causa alguns dos conceitos mais importantes na complexa evolução do Universo. A ideia de que o nosso universo foi criado através …

Exoplaneta gigante conseguiu sobreviver à morte da sua estrela

Cientistas encontraram um exoplaneta gigante que parece ter conseguido sobreviver à morte da sua estrela, orbitando neste momento uma anã branca. As anãs brancas são o processo final de estrelas e chegam a ser tão densas …

Homem budista a meditar

O tukdam - um estado mental "meio-morto" dos monges budistas - é o novo fascínio da ciência

Os monges budistas conseguem chegar a um estado de meditação tão profunda que não é detectada qualquer actividade cerebral. No Budismo no Tibete, há um conceito mítico conhecido como "thukdam" ou "tukdam". Acredita-se que este é …