Família teme que ativista saudita esteja a ser torturada na prisão

Unknown / Wikimedia

A ativista saudita Loujain al-Hathloul

Familiares de uma importante ativista dos direitos das mulheres da Arábia Saudita, detida desde maio de 2018, temem que esteja a ser torturada na prisão, uma vez que não dá notícias há vários meses.

Loujain al-Hathloul, de 31 anos, foi uma das ativistas que lutou para que as mulheres conquistassem o direito de conduzir na Arábia Saudita e foi presa várias vezes por ter quebrado essa proibição.

A saudita, que chegou a ser uma das nomeadas para o Prémio Nobel da Paz, foi detida, em maio de 2018, juntamente com outras dez ativistas que também lutam pelos direitos das mulheres no país.

Agora, em declarações ao jornal Independent, Lina al-Hathloul, a sua irmã mais nova, de 25 anos, que vive em Bruxelas, na Bélgica, conta que a família não sabe nada sobre Loujain há 61 dias.

Estamos muito preocupados porque não poder fazer chamadas ou ter visitas já há dois meses é muito suspeito. A única coisa que os faz querer escondê-la é o facto de estar a ser potencialmente torturada. Quando foi torturada antes, a minha irmã não tinha permissão para receber visitas e é por isso que temos o direito legítimo de pensar que pode estar a ser torturada agora”, afirma.

“Loujain foi para uma prisão não oficial quando foi detida e Saud al-Qahtani, um ex-conselheiro do príncipe herdeiro Mohammed bin Salman, esteve lá em pelo menos uma das sessões de tortura. Foi assediada sexualmente e ele ameaçou que a violava e depois a matava.”

“Durante o seu tempo na cadeia, Loujain também foi vítima de afogamento simulado, eletrocutada, chicoteada, açoitada e alimentada à força durante o mês do Ramadão, quando deveria estar em jejum”, continua a irmã.

Estou sempre a pensar nela. Isto está a afetar a minha vida. Tenho pesadelos em que surgem notícias de que ela está morta ou que foi libertada, mas está bastante mal. Ouvi casos de outras mulheres que foram presas, que entretanto foram libertadas e morreram com as suas famílias duas semanas depois”, refere ao jornal britânico.

Loujain foi transferida, em fevereiro, para a prisão de Al-Ha’ir. Os seus pais têm tentado entrar em contacto com as autoridades, mas não obtiveram qualquer resposta.

A ativista está a aguardar julgamento sob as acusações de ter estado em contacto com forças estrangeiras hostis à Arábia Saudita e de recrutar funcionários do Governo para recolher informações confidenciais.

As autoridades sauditas, por sua vez, negaram as acusações de tortura e disseram que estavam a investigar as denúncias de maus-tratos.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. “…uma das ativistas que lutaram…”

    Uma entre AS que LUTARAM. Atenção à concordância!
    Infelizmente, este erro está mais disseminado do que o CoViD-19…

    Pior, só os políticos que agora começam frases com verbos no infinitivo:
    “Dizer que…”, etc…

    Pobre língua portuguesa, tão maltratada por quem mais devia defendê-la…

RESPONDER

Conseguirão os humanos compreender baleiês? Cientistas acreditam que sim

Uma equipa de investigadores está a tentar recolher e decifrar os sons emitidos por cachalotes, para compreender a sua linguagem. Os cachalotes estão entre os animais mais barulhentos do planeta, produzindo sons de rangidos, batidas e …

NASA regressa a Vénus para perceber se o planeta já foi habitável no passado

A NASA está a regressar a Vénus para aprender como é que o planeta se tornou um deserto quente e venenoso — e se o planeta já foi habitável no passado. A NASA está finalmente a …

"Sonho que se tornou pesadelo". Fernando Santos admite mudanças no onze

O selecionador Fernando Santos disse hoje que Portugal vai carimbar a passagem aos ‘oitavos’ de final do Euro2020 e admite fazer mudanças na equipa para o encontro da derradeira jornada do Grupo F, com a …

Cientistas descobriram dois novos tipos de células cerebrais em ratos

Cientistas descobriram dois novos tipos de células gliais, um tipo de células do sistema nervoso central que dá suporte ao cérebro, em ratos. De acordo com o site EurekAlert!, investigadores da Universidade de Basileia, na Suíça, …

As bactérias intestinais podem influenciar a gravidade de um AVC

Uma equipa de investigadores da Cleveland Clinic, nos Estados Unidos, descobriu uma nova associação cérebro-intestino que está a surpreender a comunidade científica. Os resultados do estudo mostram como um metabólito produzido por bactérias intestinais pode amplificar …

O icónico Tamagotchi está de volta, mas desta vez em forma de smartwatch

No ano em que se celebram os 25 anos do Tamagotchi, surge uma nova versão do icónico brinquedo. O Smart é um Tamagotchi na forma de um relógio inteligente, para se usar no pulso. O …

Rã com olhos vermelhos descoberta no Equador. Chama-se Led Zeppelin

Os seus olhos vermelhos cativaram os investigadores, que decidiram batizar de Led Zeppelin uma nova espécie de rã terrestre descoberta no Equador. A Pristimantis ledzeppelin foi descoberta pelos equatorianos David Brito e Carolina Reyes, cientistas do …

Itália 1 - 0 País de Gales | “Azzurri” vencem mas galeses apuram-se

Imparável! Com o apuramento para os “oitavos” já no bolso, a Itália entrou em campo com nada mais, nada menos do que oito mexidas em relação à equipa que tinha iniciado o último jogo, frente …

Casa de banho do século XII encontrada em bar de tapas em Sevilha

Recentemente, um grupo de trabalhadores encontrou uma casa de banho do século XII dentro de um bar de tapas espanhol. A descoberta está a ajudar a perceber como era a vida em Sevilha na época. No …

Suíça 3 - 1 Turquia | Seferovic e Shaqiri “abrem o livro”

A Suíça venceu de forma categórica a Turquia por 3-1, afastou os turcos da prova e terminou o Grupo A no terceiro lugar, com quatro pontos, esperando agora pelo final da fase de grupos para …