Falhas na memória podem ser importantes para o funcionamento do cérebro

Andrew W/Flickr

Qual foi o vencedor do Óscar de Melhor Filme em 1972? Se acertou à primeira (sem pesquisar no Google) parabéns. Mas, afinal de contas, poderia ter sido melhor não se ter lembrado da resposta.

Isto porque, de acordo com a BBC, um novo estudo realizado por cientistas canadianos sugere que o esquecimento pode ser importante para a manutenção da memória.

Os cientistas acreditam que “apagar” informações irrelevantes ajuda o cérebro a concentrar-se nos aspetos que podem ajudar-nos a tomar decisões no dia-a-dia.

“O verdadeiro papel da memória é otimizar o processo decisório”, diz Blake Richards, investigador da Universidade de Toronto e principal autor do novo estudo.

Segundo Richards, o grosso das investigações em neurobiologia relacionadas com a memória priorizam os mecanismos celulares de armazenamento de informações pelo cérebro, um processo conhecido como persistência. No entanto, é dada pouca atenção aos mecanismos responsáveis pelo processo de esquecimento: transiência.

Também é comum que a falta de habilidade para nos lembrarmos das coisas seja atribuída a uma falha no armazenamento e acionamento de informações pelo cérebro.

“Encontramos bastantes sinais de que há mecanismos que promovem a perda de memória e que são distintos dos envolvidos no armazenamento de informações”, diz Paul Frankland, outro cientista que participou neste estudo.

Frankland explica que uma outra experiência realizada no seu laboratório, localizado no hospital infantil SickKids, constatou que o crescimento de novos neurónios no hipocampo (estrutura cerebral considerada a principal sede da memória) parece promover o esquecimento. Em pessoas jovens, essa é área do cérebro que gera mais células.

Tal mecanismo pode explicar porque é que os adultos normalmente não têm memórias de situações que aconteceram antes dos quatro anos de idade.

Num texto publicado na revista científica Neuron, a equipa de cientistas também faz referência a uma experiência feita com cobaias que, quando colocados em labirintos, tiveram menos dificuldades em encontrar saídas diferentes quando foram drogados para esquecer a localização da saída anterior.

Richards explica que há duas grandes razões para explicar porque é que o cérebro gasta energia para apagar informações depois de também consumir reservas para armazená-las. A primeira é a necessidade de eliminar informações ultrapassadas.

“Se estamos a navegar pelo mundo e o nosso cérebro está constantemente a carregar memórias conflituantes, isso torna mais difícil tomar uma decisão consciente”.

A outra razão está ligada a um conceito usado em projetos de Inteligência Artificial – a regularização – que consiste em tentar fazer com que os computadores aprendam a fazer generalizações com base em grandes quantidades de dados. Para fazer isso, é necessário esquecer detalhes nos dados para dar prioridade à informação necessária para as decisões.

“A melhor coisa para a memória não é guardar absolutamente tudo”, diz Richards. “Se estamos a tentar tomar uma decisão, isso será impossível se o nosso cérebro é constantemente bombardeado com informações inúteis“.

O cientista canadiano questiona ainda o que chama de “idealização” de pessoas com boa memória. “O objetivo da memória não é ser capaz de lembrar quem ganhou o quê em 1972”, destaca.

E antes que caia no esquecimento: o Óscar em 1972 foi para o filme “Operação França”.

ZAP // BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Cientista sugere construir abrigos em Marte com polímeros de insetos e solo marciano

Um cientista da Universidade de Tecnologia e Design de Singapura desenvolveu uma tecnologia à base de quitina que poderia ser utilizada para produzir ferramentas e abrigos marcianos. Javier Fernandez e os seus colegas utilizaram substâncias químicas …

Mergulhadores terão encontrado o USS Grenadier, um submarino norte-americano perdido na 2.ª Guerra

O submarino norte-americano USS Grenadier, perdido durante a II Guerra Mundial, terá sido encontrado por mergulhadores no estreito de Malaca, perto da Tailândia. Os mergulhadores acreditam ter encontrado no estreito de Malaca, a 150 quilómetros a …

Justiça angolana manda encerrar todos os templos da IURD em Angola

A justiça angolana ordenou o encerramento e apreensão de todos os templos da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) em Angola, estando o processo de selagem a ser feito “de forma gradual”, disse à …

"Reality show" afirma que vai enviar concorrente à Estação Espacial Internacional

Space Hero, uma unidade de produção com sede nos Estados Unidos que afirma ser a "primeira empresa de media espacial", alega que garantiu um lugar numa missão da SpaceX para a Estação Espacial Internacional de …

Oceanbird: O navio movido a energia eólica que vai revolucionar a indústria da navegação

A transportadora Oceanbird deverá transportar 7 mil carros e será movido a energia eólica, e por isso deverá tornar o processo de deslocação de veículos mais sustentável. De acordo com um relatório do The Driven, um …

"Esqueceu-se disto". Parque Nacional na Tailândia envia lixo deixado pelos visitantes por correio

Se deitar lixo ao chão no Parque Nacional Khao Yai, na Tailândia, esse mesmo lixo será enviado de volta para sua casa. Os infratores também serão registados na polícia local. O Parque Nacional Khao Yai, no …

Banco britânico HSBC permitiu branqueamento de esquema de Ponzi de milhões de dólares

O banco britânico HSBC permitiu que fossem transferidos milhões de dólares para todo o mundo de forma fraudulenta, mesmo depois de ter tomado conhecimento da fraude, de acordo com documentos secretos revelados, divulgou hoje a …

Este é o primeiro aeroporto 5 estrelas do mundo devido aos seus protocolos contra covid-19

A Skytrax, órgão que examina e classifica aeroportos em todo o mundo, costuma chamar a atenção do setor pelo menos uma vez por ano, durante a sua cerimónia de prémios. Este ano, o World Airline Awards, …

Há alguma ligação entre stress, insónias e sistema imunitário? Estudo americano sugere que sim

Um estudo realizado por neuro-cientistas da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, sugere que poderá existir uma relação entre o stress, as insónias e um fraco sistema imunitário. Investigadores do laboratório Cold Spring Harbor e da …

Governador das Filipinas diz que cantores de karaoke prejudicam combate à pandemia

Um governador de uma província das Filipinas voltou a sua atenção para um grupo de pessoas que, segundo ele, estão a prejudicar a luta contra a pandemia: cantores de karaoke. Numa publicação no Facebook na madrugada …