Está explicado por que os índios têm cabelo comprido

Quando pensámos em índios, figuramos rapidamente uma pessoa de pele morena, com a cara pintada e, quase inevitavelmente, cabelo comprido. Ao que parece, o cabelo comprido não representa apenas uma questão meramente estética – pode mesmo ser o segredo de um lutador vitorioso. 

A descoberta foi feita durante a Guerra do Vietname, quando os Estados Unidos enviaram alguns jovens das tribos locais para lutar contra o exército vietnamita, nas matas fechadas, uma vez que estes conheciam bem o terreno, revela a Notícias Magazine.

Durante o conflito, os índios escolhidos pelos EUA – considerados grande guerreiros das suas comunidades – não estavam a consegui demonstrar todas as suas capacidades. Os militares americanos tentaram perceber o que estava a paralisar os índios e aí surgiu a razão do fracasso – o cabelo.

Os índios selecionados pelos para combater, foram obrigados a cortar o cabelo, perdendo assim parte da sua capacidade sensorial. Os líderes indígenas explicaram aos americanos que o cabelo longo é um prolongamento do sistema nervoso, permitindo que as pessoas possam “sentir” melhor a presença de estranhos.

Os militares dos EUA, não satisfeitos com a justificação, decidiram testar a teoria. Para isso, dividiram os nativos em dois grupos: um grupo composto por elementos com cabelo cortado e o outro composto por elementos de cabelo comprido.

Na verdade, os que não tinham cortado o cabelo demonstravam mais capacidades do que os restantes lutadores.

De acordo com os especialistas, fenómeno tem por base “nervos exteriorizados” ou “fios sensitivos”, uma vez que o cabelo transmite uma série de informações ao cérebro e ao sistema límbico – unidade responsável pelas emoções.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. E não só! Os pêlos dos animais, para além de os protegerem de doenças etc. são um órgão sensitivo, mas, nós, que sabemos mais do que a natureza que nos dotou, achamos que a razão é, para lá de um elemento interpretativo, um órgão com todas as capacidades, porém, não o é! Talvez, daqui a umas centenas ou milhares de anos, o venha a ser, no presente não.

RESPONDER

Raro crustáceo parasita descoberto na boca de um tubarão em exibição num museu

Uma equipa de cientistas descobriu uma espécie extremamente rara de Cymothoidae na boca de um espécime de tubarão capturado no Mar da China Oriental e agora em exibição num museu. Os Cymothoidae são uma família de isópodes …

Série da Netflix faz disparar venda de jogos de xadrez nos Estados Unidos

A série "The Queen’s Gambit", da plataforma de streaming Netflix, que retrata a ascensão de uma jovem jogadora de xadrez na década de 1950, fez disparar as vendas deste jogo de tabuleiro nos Estados Unidos. …

Novo comité central do PCP eleito com 98,5%

O novo comité central do PCP foi este domingo eleito no XXI congresso nacional dos comunistas, em Loures, com 98,5% dos votos. Dos 611 delegados, 602 votaram a favor, seis abstiveram-se e três votaram contra na …

Elefante salvo de um poço profundo na Índia. Resgate durou 14 horas

Uma equipa de 50 pessoas ajudou a salvar um elefante que tinha caído num poço profundo em Dharmapuri, no sul da Índia. Moradores locais atiraram folhas de bananeira para o animal comer antes de ser …

Santa Clara 0-1 Porto | Magia de Díaz resolve jogo pobre

Missão cumprida. O Porto viajou até aos Açores para defrontar o Santa Clara e leva na bagagem os três pontos. Mas não o conseguiu com brilhantismo, longe disso. A eficácia foi a palavra de ordem, num …

Raro pinguim totalmente branco encontrado nas Ilhas Galápagos

Um raro pinguim com o corpo totalmente "pintado" de branco foi encontrado no arquipélago das Galápagos, no Equador. Em comunicado, o Parque Nacional das Galápagos detalha que o raro espécime foi encontrado enquanto um guia fazia …

A China tem 8 milhões de cegos, mas apenas 200 cães-guia. Há uma razão

A China tem 8 milhões de cegos, mas apenas 200 cães-guia. As cidades populosas, as vias não adaptadas, as poucas escolas de treino e a própria população são entraves à existência destes companheiros (e verdadeiros …

Governo das Ilhas Salomão quer banir o Facebook para preservar a União Nacional

O Governo das lhas Salomão quer banir temporariamente a rede social Facebook numa tentativa de combater o cyberbullying e a difamação, alegando que a plataforma está a "minar" a União Nacional. A decisão, que já …

Sob o nariz dos militares norte-coreanos, ex-ginasta salta muro de 3 metros e foge para a Coreia do Sul

Um homem norte-coreano que queria escapar da sua terra natal deu um salto de quase três metros num muro no início deste mês. O salto, que ocorreu sob os narizes dos soldados, trouxe-o para a …

Islândia quer tornar-se um refúgio para o teletrabalho. Mas não é para todos

A Islândia fez uma série de alterações no seu programa de vistos de trabalho remoto para cidadãos foram do espaço Schengen, tendo como objetivo tornar-se num destino atraente para os trabalhadores que procuram escapar dos …