Eurovisão 2017 em perigo por falta de financiamento

Maja Suslin / EPA

A ucraniana Jamala venceu a 61ª edição do Festival Eurovisão com a canção "1944"

A ucraniana Jamala venceu a 61ª edição do Festival Eurovisão com a canção “1944”

A Ucrânia está em risco de não ser anfitriã do Festival Eurovisão da Canção em 2017, por não conseguir suportar o investimento no concurso. A sombra do cancelamento do evento paira agora sobre a organização, depois da demissão do presidente da estação pública de televisão ucraniana (NTU).

Segundo a imprensa local, Zurab Alasania demitiu-se devido à pressão de assumir os compromissos para o financiamento do evento e apontou o dedo à falta de apoio estatal. Alasania explicou que o governo de Kiev investiu menos de 7 milhões de euros na Eurovisão, quando a fatura total pode ascender aos 40 milhões.

Em entrevista à imprensa ucraniana, o presidente da NTU afirmou: “Ultrapassar a resistência dos burocratas é muito difícil, e apenas nos queixámos recentemente.

Mas agora estamos desesperados. Não seremos capazes de organizar a Eurovisão em 2017“, confessou.

Alasania negou que a sua demissão seja um ato de chantagem e demonstrou esperança que a atitude fomente a discussão sobre os problemas que a estação pública enfrenta e sublinhou que não irá voltar atrás na sua decisão.

A NTU deve estar representada por alguém mais flexível, que seja capaz de cumprir os compromissos e de equilibrar os diferentes interesses presentes“, acrescentou.

O governo ucraniano aceitou de imediato a sua demissão.

A União Europeia de Radiodifusão (UER), organismo supervisor do festival, reconheceu estar ciente das dificuldades que se colocam à organização da 62.ª edição do Festival Eurovisão da Canção, mas espera que os obstáculos tenham resolução.

Um representante da UER falou com a Billboard: “Mantemos contacto permanente com a NTU e estamos a fazer todos os possíveis para os auxiliar.

O jornal britânico Telegraph adianta ainda que se a Ucrânia desistir da organização do evento, a vizinha Rússia, terceira colocada na edição deste ano, poderá assumir a responsabilidade.

A hipótese, se concretizada, iria inflamar ainda mais a tensão existente entre os dois países. No final do certame de 2016, a nação liderada por Putin ameaçou deixar de participar na competição.

Espalha Factos

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Kim Jong-un reconhece que país enfrenta "situação de tensão alimentar"

O líder norte-coreano, Kim Jong-un, reconheceu que o país está a enfrentar uma "situação de tensão alimentar", informaram hoje os meios de comunicação oficiais. O país, cuja economia é alvo de múltiplas sanções internacionais impostas em …

Iniciativa Liberal apoia recandidatura de Rui Moreira à Câmara do Porto

A Iniciativa Liberal vai apoiar a recandidatura de Rui Moreira à Câmara do Porto nas próximas eleições autárquicas, considerando “inquestionável a mudança e o desenvolvimento” da cidade desde que o independente assumiu a presidência do …

Comissária europeia diz que variante Delta “diminui” proteção da vacina

A comissária europeia para a Saúde disse esta terça-feira que estão a surgir provas que demonstram que a variante Delta do coronavírus SARS-CoV-2 “diminui a força do escudo protetor” criado pelas vacinas, instando à aceleração …

DGS diz que demora de conclusões sobre eventos-piloto não é por erro técnico

A Direção-Geral da Saúde (DGS) rejeitou, esta terça-feira, que tenha havido erro técnico no tratamento de dados dos eventos-piloto da Cultura, ocorridos em abril e maio, mas admitiu que o processo está demorado. Numa declaração enviada …

Governo quer fazer alterações na duração de cargos de dirigentes

As mudanças que estão a ser preparadas passam por reduzir a duração dos cargos em substituição e, por outro lado, pelo ajustamento do período das comissões do serviço em função da avaliação. Segundo o Jornal de …

Responsável pelas manifestações em Lisboa é coordenador no Gabinete de Apoio à Presidência da CML

O responsável pelas manifestações na cidade de Lisboa é coordenador técnico no Gabinete de Apoio à Presidência da Câmara liderada por Fernando Medina. De acordo com o semanário Expresso, António Santos tem sido, nos últimos …

Sporting e Braga jogam Supertaça em Aveiro no dia 31 de julho

A Supertaça Cândido Oliveira, que vai ser disputada entre Sporting e Sporting de Braga, vai ser disputada em Aveiro, a 31 de julho, anunciou a Federação Portuguesa de Futebol (FPF). "A decisão da Supertaça Cândido de …

Um quarto da população portuguesa já tem a vacinação completa

Em Portugal, 42% das pessoas já receberam a primeira dose de uma vacina contra a Covid-19 e 25% — cerca de um quarto da população — estão completamente vacinados. De acordo com o mais recente relatório …

Cardiologista do Tottenham admite ponto final na carreira de Eriksen

O cardiologista do Tottenham, Sanjay Sharma, admite um ponto final na carreira de Christian Eriksen, que caiu inanimado no jogo entre a Dinamarca e a Finlândia. O encontro entre Dinamarca e Finlândia, da primeira jornada do …

ARS Norte conta avançar com recuperação de consultas em atraso ainda este mês

A Administração Regional de Saúde (ARS) do Norte conta avançar durante este mês com o programa especial de incentivos financeiros para recuperação de consultas presenciais nos cuidados de saúde primários (CSP), propondo-se recuperar metade da …