Euromilhões, raspadinhas e jogos online deram 327 mil euros por dia ao SNS

Os jogos sociais como o Euromilhões, o Totoloto e as raspadinhas, e os jogos online garantiram ao Serviço Nacional de Saúde (SNS) uma verba de 120 milhões de euros em 2018. Estão em causa cerca de 327 mil euros por dia.

O Relatório de Gestão Demonstrações Financeiras e Orçamentais da Administração Central do Sistema de Saúde (ACSS) refere que no período entre 1 de Janeiro e 31 de Dezembro de 2018, o SNS recebeu mais de 120 milhões de euros provenientes das apostas feitas nos jogos online e nos jogos sociais promovidos pela Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML).

O documento citado pelo jornal Público refere que “a distribuição dos resultados líquidos dos Jogos Sociais da SCML contribuiu em 115,9 milhões de euros para a receita, verificando-se um aumento de 3,1 milhões de euros (2,8%)”.

“A receita com origem no jogo online que é transferida do Turismo de Portugal para a ACSS, totalizou 4,6 milhões de euros”, acrescenta o mesmo relatório.

Estão em causa verbas totais que ascendem a cerca de 327 mil euros por dia, conforme adianta o jornal.

O decreto-lei que determina a forma de distribuição dos resultados líquidos dos jogos sociais explorados pela SCML define que “são atribuídos ao Ministério da Saúde 15,70% do valor dos resultados líquidos de exploração dos jogos sociais, para acções destinadas à concretização dos objectivos estratégicos do Plano Nacional de Saúde“.

As verbas devem ser aplicadas em áreas como a promoção da saúde, da alimentação saudável e da actividade física, na prevenção de doenças infecciosas como o VIH/SIDA, a tuberculose, as hepatites virais, na luta contra o tabagismo, na saúde mental, na vacinação e em doenças consideradas prioritárias, designadamente relacionadas com a oncologia, a diabetes e os problemas cardiovasculares.

Entre 2012 e 2017, o SNS recebeu 586,4 milhões de euros dos jogos sociais da SCML, de acordo com os Boletins da Execução Orçamental dos vários anos citados pelo Público.

ZAP •

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Tenho a certeza que ninguém sabe. Pelo menos da parte de quem joga todas as semanas, por
    pouco que seja.
    O que sei é que falando com muitas pessoas com quem falo nos locais de compra e registo dos jogos, é que, estranhamente é que toda a gente nota o decréscimo abrupto dos prémios,
    principalmente nas raspadinhas, em que era usual a atribuição de prémios, principalmente
    de pequenos montantes, mas que permitiam jogar na semana seguinte sem gastar dinheiro,
    agora é raro esses pequenos prémios aparecerem. Será possível que alguém esteja a fazer um mealheirozito á custa de quem com sacrifício ainda tem esperança num dia de sorte.
    Como? Não sei. Só faço uma pergunta ingénua… Basta não atribuirem a totalidade dos
    prémios descritos nas costas das ditas raspadinhas. Não é possível? Neste país tudo é!!!

  2. É claro que reduzir a possibilidade de alguém tirar prémio aumenta a procura e venda.
    É assim o jogo mas é preciso o bom censo de não dá nada não gasta caso contrário só deu.
    Fala-se tanto do SNS mas vê-se que 327K€ por dia não dá para manter os senhores doutores e enfermeiros.
    Doutores que estão a ver o jogo na TV quando estão de serviço e enfermeiros que vão para a greve mas fazem o serviço em centros de saúde e enfermagem particulares e que aparesentam rendimentos de IRS de
    80 a 100K€ por ano mas cjoramque ganham pouco. Mas não foi sempre assim o público ? Quem não se “mata” para ingressar na máquina do Estado ?
    Portanto 327 mil Euros por dia mais o quinhão do OE anual de alguns milhares de milhões é com o que o SNS tem de viver mas estão sempre a queixar-se que lhes falta tudo e tudo lhes falta.
    Eu que o diga que por 3 ou 4x que entro num hospital assisto à ausencia e à demora no atendimento porque os senhores doutores e as enfermeiras estão a ver o jogo na TV numa divisão lá do hospital.
    As horas extras são do catano | Até no WC se ganham horas extras.

  3. Eu só faço um alerta à Entidade que deve fiscalisa estes jogos:
    – Duvido que os prémios correspondam ao publicitado (no verso das raspadinhas)
    – Diminuiu o afluxo de pessoas aos locais de venda devido ao facto de nao sairem premios ou, quando saem, estes serem repetidamente de 1 euro e pouco mais- Onde estão os grandes prémios?
    – E aos fins-de-semana? É um descalabro geral de raspadinhas sem prémio! Raspadinhas falsificadas??
    – Convinha as autoridades fazerem inspeções (a sério ) para que o cidadão não se sinta defraudado. Como?
    – Verificar a conformidade entre os prémios publicitados em cada série e o que efectivamente está impresso na raspadinha;
    – Inspeccionar de surpresa os vendedores destes jogos ( muitos têm o jogo pendorado no placard e, quando compramos, vendem-nos o que teem escondido em gavetas por baixo do balcao. Porque será? )
    – Outros vendem jogo sem terem máquina de jogos!
    Impoe-se uma fiscalização urgente.

RESPONDER

Marcelo conheceu Rena, a sobrevivente do Holocausto que teve "seis mães"

O Presidente da República conheceu a sobrevivente do Holocausto Rena Quint, que lhe contou como em criança escapou ao genocídio nazi e acabou nos Estados Unidos com a ajuda de "seis mães". "Porque ficaram comigo? Talvez …

Benfica empresta Caio Lucas ao Al Sharjah

O Benfica anunciou, esta quinta-feira, o empréstimo do futebolista brasileiro ao Al Sharjah, clube dos Emirados Árabes Unidos, que é válido por um ano e meio. "O Sport Lisboa e Benfica formalizou com o Al Sharjah …

Morreu o general José Lemos Ferreira

O ex-chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas (CEMGFA) morreu aos 90 anos, disse quinta-feira à agência Lusa uma fonte militar. Chefe do Estado-Maior da Força Aérea de 1977 a 1984, o general José Lemos Ferreira foi …

PJ afasta "intervenção de terceiros" na morte de diretor do EuroBic

O diretor nacional da PJ disse, esta quinta-feira, que os elementos recolhidos sobre a morte do diretor do private banking do EuroBic, arguido no caso Luanda Leaks, "apontam para que não haja intervenção de terceiros". Questionado …

Carlos Amaral Dias terá ficado retido na ambulância avariada durante uma hora

Os resultados de um inquérito aberto pelo INEM apontam para que Carlos Amaral Dias tenha ficado dentro de uma ambulância avariada durante uma hora. De acordo com o Jornal de Notícias, a equipa da ambulância dos …

Luanda Leaks. Mário Leite Silva renuncia à presidência do Banco de Fomento Angola

O presidente do Conselho de Administração do Banco de Fomento Angola (BFA), Mário Leite Silva, gestor de Isabel dos Santos, renunciou ao cargo, com efeitos a partir de 22 de janeiro. A informação foi transmitida …

Tempestade “Glória” faz pelo menos nove mortos em Espanha

Pelo menos nove pessoas morreram e outras quatro estão dadas como desaparecidas em Espanha na sequência da passagem da tempestade “Glória”, intempérie que atinge o país desde o passado fim de semana. As autoridades confirmaram cinco …

Há um "milagre da multiplicação" dos votos que os deputados querem travar

Todos os partidos concordam: é preciso travar o "milagre da multiplicação" dos votos na Assembleia da República. Estabelecer regras objetivas para o fazer é o mais complicado. Os deputados começaram esta quarta-feira a discutir como “regrar” …

Pensões entre 877 e 2600 euros têm aumento mínimo de 6,14 euros

Os pensionistas que ganham entre 877,6 e os 2558 euros brutos por mês vão ter aumentos acima dos 0,24% que inicialmente se calculou com base na taxa de inflação (sem habitação) apurada até novembro do …

PCP quer travar "ameaça de despejos" no final deste ano

O PCP entregou uma proposta de alteração ao Orçamento do estado para 2020 para manter congeladas as rendas antigas, quando os locatários tenham um rendimento inferior a cinco salários mínimos nacionais. O PCP quer manter congeladas …