/

O euro digital pode vir a caminho. Até lá, há uma ameaça iminente

3

O Banco Central Europeu (BCE) está a ponderar avançar com a criação do euro digital, que promete concorrer com as restantes criptomoedas.

Um euro digital seria uma forma eletrónica de moeda única acessível a todos os cidadãos e empresas — tal como as notas de euro, mas em formato digital —, permitindo-lhes por exemplo realizar pagamentos diários.

Os países que optarem por não lançar uma moeda digital emitida pelo banco central correm o risco de perder o controlo do sistema de pagamentos para operadores estrangeiros.

É este o aviso do BCE num relatório recentemente divulgado e citado pelo Dinheiro Vivo. “A emissão de uma moeda digital do banco central (CBDC) ajudaria a manter a autonomia dos sistemas de pagamentos domésticos e o uso internacional de uma moeda num mundo digital”, lê-se no documento.

Na semana passada, a presidente do Banco Central Europeu, Christine Lagarde, justificou a demora na criação do euro digital com os eventuais riscos para a estabilidade financeira, defendendo uma solução “bem concebida”. 

“Pode trazer riscos se não for concebido e implementado adequadamente e essa é uma das razões pelas quais a sua preparação está a demorar um pouco de tempo, porque [é uma solução que] não está isenta de alguns riscos”, disse Christine Lagarde.

“Isto poderia aumentar o custo de financiamento dos bancos e, como consequência, as taxas de juro dos empréstimos bancários, reduzindo potencialmente o volume de crédito à economia”, acrescentou Lagarde.

A decisão de criar uma versão digital do euro deverá ser tomada este verão e, a acontecer, deverá surgir dentro de quatro anos.

Espanha já demonstrou o seu apoio, com o Governo a avançar com uma proposta de lei nesse sentido. Espanha quer ser o primeiro país da zona euro a ter uma criptomoeda.

O euro digital não será uma moeda alternativa ao euro. “Seria um meio de pagamento digital tão seguro, fácil de utilizar e barato como o atual numerário”, lê-se no relatório.

  Daniel Costa, ZAP //

3 Comments

  1. E vocês acham que vão querer o dinheiro virtual a deixar rasto das luvas e “apoios” que se dão aos poderes instaurados???

  2. Gostava que alguém me explicasse.

    “O euro digital não será uma moeda alternativa ao euro. “Seria um meio de pagamento digital tão seguro, fácil de utilizar e barato como o atual numerário””

    Isso já existe há muitos anos! Chama-se Cartão Multibanco. Qual é a diferença? Alguém me explica?

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.