EUA vetam palestiniano proposto por Guterres para enviado da ONU na Líbia

gageskidmore / Flickr

A antiga governadora da Carolina do Sul, Nikki Haley, embaixadora dos EUA na ONU

A antiga governadora da Carolina do Sul, Nikki Haley, embaixadora dos EUA na ONU

Os EUA manifestaram a sua oposição à escolha do ex-primeiro-ministro palestiniano Salam Fayyad como enviado da ONU para a Líbia, bloqueando a nomeação, que se torna praticamente impossível sem a luz verde do Conselho de Segurança.

A embaixadora norte-americana, Nikki Haley, afirmou esta sexta-feira que o seu país está “dececionado” com a opção do secretário-geral da ONU, António Guterres, para o cargo e mostrou a sua frontal oposição.

“Durante demasiado tempo a ONU foi injustamente parcial a favor da Autoridade Palestiniana em detrimento dos nossos aliados em Israel”, disse a diplomata, que assumiu a representação dos EUA na ONU em janeiro, por indicação da administração Trump.

Nikki Haley recordou que “Washington “não reconhece actualmente um Estado palestiniano e não apoia o sinal que esta nomeação enviaria no seio das Nações Unidas”.

“No futuro, os Estados Unidos vão agir – não apenas falar – em apoio aos nossos aliados”, acrescentou Nikki Haley, indo-americana e antiga governadora da Carolina do Sul.

A mensagem da embaixadora norte-americana junto das Nações Unidas granjeou uma reação imediata por parte de Israel, que destacou que a Administração do Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, volta a demonstrar o seu claro apoio ao país.

“Este é início de uma nova era na ONU, uma era em que os Estados Unidos estão firmemente com Israel contra qualquer tentativa de prejudicar o estado judeu”, afirmou, em comunicado, o embaixador israelita, Danny Danon.

A Administração de Trump tem insistido que irá apoiar Israel nas Nações Unidas e tem criticado insistentemente a resolução que exige o fim “imediato” da política israelita de construção de colonatos em Jerusalém oriental e nos territórios ocupados da Cisjordânia.

A resolução foi aprovada em dezembro último pelo Conselho de Segurança das Nações Unidas graças à abstenção do anterior Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama.

O secretário-geral da ONU, António Guterres, informou esta semana, numa missiva ao Conselho de Segurança, da sua intenção de designar o antigo primeiro-ministro palestiniano Salam Fayyad (2007-2013) como enviado das Nações Unidas na Líbia, em substituição do alemão Martin Kobler, que termina o seu mandato este ano.

Contudo, Guterres não tornou ainda pública a sua decisão e na sexta-feira um porta-voz do secretário-geral da ONU declinou confirmar se a sua escolha recaía sobre o antigo líder palestiniano.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. É uma das muitas ideias parvas que Guterres vai ter como secretário-geral da ONU.
    O seu pensamento terceiro mundista, o seu gosto pelos movimentos palestinos (já do tempo de Yasser Arafat), o acolhimento a todo o custo e sem cuidar dos efeitos secundários de “todos” os refugiados (terroristas incluídos), irá demonstrar a curto prazo que lhe falta perfil para ocupar o lugar. O choque inevitável com a potencia que mais contribui para as ajudas da ONU irá mostrar que o lugar é para ser ocupado por alguém realista e pragmático, e não por uma Teresa de Calcutá.

  2. Carlos fosse toda a gente menos “realista e pragmático” – seguindo a tua linha de pensamento e não a semântica dessas palavras – e mais como a Teresa de Calcutá o mundo seria de facto uma imagem bem mais bonita 🙂

  3. Estou de acordo com o 2o Carlos. Realistas e pragmáticos está isto cheio, só olham para os seus próprios interesses, tal como deverá fazer o primeiro Carlos… Pense mais nos outros e não só em si e no seu bem estar e segurança. Saia do país, vá dar uma volta. Isto nem é tudo tão mau assim lá fora, tive a oportunidade de ir a israel e de conhecer a realidade de alguns palestinos e são escandalosas as condições em que alguns vivem, às pressões que são sujeitos só por serem Palestinos. Saia mais à rua Carlos, boa viagem

RESPONDER

Inteligência Artificial está a "alimentar" a violação dos direitos humanos, alerta ONU

Num novo relatório, a Organização das Nações Unidas (ONU) alertou os países que o uso imprudente de Inteligência Artificial (IA) pode estar a pôr em causa o respeito pelos direitos humanos. Michelle Bachelet, Alta Comissária das …

Foi viajar e não voltou. O misterioso desaparecimento de Gabby Petito (e do namorado)

Gabrielle Petito, uma jovem norte-americana de 22 anos, desapareceu misteriosamente. Gabby foi viajar com o namorado, que voltou para casa sozinho e não quis contar o que aconteceu — e agora também está desaparecido. Gabby Petito, …

Aos 101 anos, Ginny é a "Senhora Lagosta" e não planeia reformar-se

Virginia Oliver continua a trabalhar na pesca da lagosta, apesar de já ter 101 anos de idade. 'Ginny' não planeia reformar-se e já se tornou um meme na internet. Virginia 'Ginny' Oliver tem 101 anos e …

Dinamarca. Reclusos condenados a prisão perpétua proibidos de iniciar novos romances

Os reclusos que cumprem prisão perpétua na Dinamarca serão proibidos de iniciar novos relacionamentos amorosos, decisão proposta pelo governo após uma jovem de 17 anos se apaixonar por Peter Madsen, que assassinou a jornalista Kim …

Casal queria que o seu filho se chamasse Vladimir Putin. A Suécia não deixou

Na Suécia, os pais são obrigados a comunicar os nomes dos seus filhos recém-nascidos ao Skatteverket nos primeiros três meses a partir do nascimento. Um casal sueco, que vive na cidade de Laholm, foi proibido pela …

44 jogos seguidos sem ganhar. Mas o presidente não está preocupado

O Atlético Mogi não vence qualquer jogo oficial há mais de quatro anos. Perdeu em 42 desses 44 duelos. 17 de Junho de 2017 foi o último dia em que o Atlético Mogi venceu um jogo …

Autárquicas: António Costa promete que os municípios terão mais mil milhões de euros

O secretário-geral do PS, António Costa, indicou hoje, em Celorico de Basto, no distrito de Braga, que os municípios “vão passar a ter, a partir de abril, mais mil milhões de euros que acompanham a …

Mais de trinta anos após ter sido lançada ao mar no Japão, mensagem em garrafa é encontrada no Hawaii

Durante uma viagem ao Hawaii, uma jovem de apenas 9 anos encontrou uma garrafa que foi lançada ao mar há mais de trinta anos. Esta continha uma mensagem que, posteriormente, acabou por revelar uma experiência …

Mais 939 infeções, sete mortes e nova redução nos internamentos

Portugal registou nas últimas 24 horas mais 939 casos de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2, sete mortes atribuídas à covid-19 e nova redução nos internamentos em enfermaria e cuidados intensivos. De acordo com o boletim epidemiológico da …

Milionário norte-americano Robert Durst condenado por matar melhor amiga

O milionário norte-americano Robert Durst, tornado famoso por um documentário do canal HBO, foi condenado na sexta-feira num tribunal de Los Angeles, nos Estados Unidos, por matar a melhor amiga, um crime que remonta a …