EUA, UE e ONU levantam sanções ao Irão e acordo nuclear entra em vigor

United Nations / Flickr

Assembleia Geral da ONU, Organização das Nações Unidas

Assembleia Geral da ONU, Organização das Nações Unidas

Os Estados Unidos e a União Europeia decidiram já levantar as sanções aplicadas ao Irão, depois de a AIEA – Agência Internacional de Energia Atómica ter confirmado que o país cumpriu todas as exigências, entrando em vigor o acordo nuclear assinado em julho, em Viena.

A Agência Internacional de Energia Atómica confirmou este sábado que o Irão cumpriu as exigências para pôr em marcha o histórico acordo nuclear assinado em julho passado, em Viena, e para levantar as sanções internacionais ao país.

Logo após o anúncio da AIEA, tanto o secretário de Estado norte-americano, John Kerry, anunciou que o país iria levantar as sanções contra o Irão, como os 28 Estados-Membros da União Europeia, segundo disse uma fonte europeia à agência de notícias France-Presse, AFP.

Em Viena, John Kerry afirmou que “os compromissos dos Estados Unidos quanto à aplicação de sanções, conforme descritos no acordo nuclear de julho, já estão a fazer efeito”.

Também na capital austríaca, a alta representante da União Europeia para Política Externa e Segurança, Federica Mogherini, disse que, “como o Irão cumpriu os seus compromissos, hoje, as sanções económicas e financeiras nacionais e multilaterais relacionadas com o programa nuclear do Irão são levantadas, como previsto”, no acordo de julho.

Os chefes da diplomacia dos Estados Unidos e da União Europeia, John Kerry e Federica Mogherini, e o ministro dos Negócios Estrangeiros do Irão, Mohammad Javad Zarif, estiveram hoje em Viena, para finalizar as conversações do acordo nuclear, assinado em julho passado.

ONU também suspende sanções

O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas também suspendeu as sanções ao Irão, depois da confirmação da AIEA.

Espanha, como país presidente da Comissão de Sanções ao Irão, anunciou o fim do regime de medidas contra Teerão, depois de ter recebido o relatório da AIEA, que dá “luz verde” para iniciar o acordo nuclear assinado em Viena.

Tal como estava previsto, esse passo significa a dissolução da própria Comissão de Sanções e a entrada em vigor das medidas contidas na Resolução 2.231 do Conselho de Segurança da ONU, que ratificou, em julho, o acordo nuclear.

ZAP / ABr

PARTILHAR

RESPONDER

Ex-comandante paraquedista diz que Tancos foi obra de "amadores"

O coronel de infantaria Alves Pereira admitiu "embaraço" pela "falha" e considerou que o "Exército após Tancos é diferente do Exército antes de Tancos". O coronel de infantaria Alves Pereira sustentou esta quarta-feira que o …

Tspiras vence moção de confiança com margem mínima

O primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, viu esta quinta-feira o parlamento aprovar um voto de confiança, dias depois de ter terminado a coligação que viabilizava o seu Governo. Com 151 votos favoráveis, dos 300 parlamentares, Tsipras viu …

Parlamento discute a legalização da canábis para fins recreativos

A legalização da canábis para uso recreativo é debatida esta quinta-feira no Parlamento, com BE e PAN a apresentarem projetos de lei idênticos, discordando apenas quanto aos locais de venda. O Bloco de Esquerda (BE) defende …

Estátua de diabo "alegre demais" divide moradores em Espanha

Uma estátua que representa o diabo foi criticada por ser "alegre demais" por moradores da cidade de Segóvia, em Espanha. A escultura de bronze, que ainda não foi instalada, foi criada em homenagem a uma lenda …

"Incapacidade e incompetência". Fenprof pede a Costa que substitua ministro da Educação

A Federação Nacional de Professores (Fenprof) defendeu esta quarta-feira que o primeiro-ministro substitua o ministro da Educação, devido à sua "incapacidade e comprovada incompetência política" para dirigir as negociações de recuperação de tempo de serviço …

Bombeiros protestam contra a proposta do Governo

De acordo com o sindicato, a proposta do Governo "significa uma desvalorização enorme na carreira". Além disso, critica a ideia de haver uma carreira única de sapadores e municipais nivelada por baixo. Bombeiros municipais e sapadores …

Há uma parte da Antártida que está a encolher (mas não era suposto)

Quando os cientistas falam sobre o derretimento da Antártida, geralmente estão a referir-se à Antártida Ocidental, onde gigantescos glaciares costeiros estão a derramar grandes quantidades de água. Mas, do outro lado das montanhas transantárticas a leste, …

A cor dos olhos pode explicar porque é que as pessoas ficam tristes no inverno

Tempo mais frio e noites mais longas fazem algumas pessoas sentir-se tristes. A isso, dá-e o nome de Transtorno Afetivo Sazonal (TAS). Embora o TAS seja uma forma reconhecida de depressão clínica, os especialistas ainda estão …

Há vida pós-LHC. CERN planeia acelerador de partículas dez vezes mais potente

O futuro da Física de Partículas começa a ganhar forma. O CERN (Laboratório Europeu de Física de Partículas) detalhou esta terça-feira os seus planos para o novo acelerador de partículas que irá suceder o Grande …

DARPA quer construir robôs conscientes usando cérebros de insetos

A DARPA quer construir robôs conscientes usando cérebros de insetos, uma forma de criar novos modelos de inteligência artificial eficientes, que poderiam ser usados para explorar a própria consciência. Ao contrário dos humanos, os insetos operam …