Nos Estados Unidos, ligar para o 112 pode fazer com que seja despejado

Ligar para o 112 (ou 911, nos Estados Unidos) em algumas cidades norte-americanas pode fazer com que seja despejado, tudo por causa das chamadas “leis de incómodo”. 

Por exemplo, em Maplewood, Missouri, uma vítima de violência doméstica foi forçada a sair de casa após contactar a polícia. Depois de sofrer vários abusos do seu namorado, Rosetta Watson ligou para o 112. A mulher acabou por ligar para a polícia em quatro ocasiões ao longo de seis meses, escreve a Vox.

Como resultado, Maplewood considerou-a um “incómodo” e revogou a sua licença de ocupação, que é obrigatória para residir na cidade. Watson foi obrigada a mudar-se para outra cidade, onde viria novamente a sofrer abusos do namorado. Com medo de voltar a chamar a polícia, viu-se obrigada a ir diretamente ao hospital.

“Achei que ligar para o 112 ajudaria a impedir o abuso, mas, em vez disso, Maplewood puniu-me”, disse Watson. “Perdi a minha casa, a minha comunidade e a minha fé na polícia para oferecer proteção”.

Várias cidades têm leis semelhantes à de Maplewood. O objetivo é delegar os proprietários como agentes policiais. As cidades que procuram punir ou livrar-se das pessoas que consideram “incómodos”, sem ter que acusá-las de um crime específico, implementam estas políticas, com o efeito de criminalizar comportamentos muitas vezes legais.

Além disso, são frequentemente adotadas para impedir a entrada de minorias, pessoas de baixo rendimento e outros grupos marginalizados.

Algumas destas leis designam uma propriedade como um incómodo público, geralmente depois de a polícia ser chamada várias vezes para responder a incidentes no mesmo local. Nestes casos, os caseiros são forçados a agir como uma autoridade e enfrentam multas e outras medidas punitivas caso não sejam capazes de dissipar a situação.

Os proprietários são por vezes pressionados a despejar inquilinos que estejam de alguma forma envolvidos em atividades incómodas, independentemente de serem a vítima, o autor ou simplesmente estarem associados à vítima ou ao autor de um alegado crime.

Daniel Costa, ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Esta lei é simplesmente excepcional e deveria ter adopção imediata aqui. Acabava-se de forma simples e rápida com má vizinhança e todos problemas causados por quem não sabe viver em sociedade. A única coisa escandalosa na notícia é a dita senhora andar 6 meses a ligar para a polícia por causa de abusos do namorado em vez de se ver livre de tão excelente companhia. E depois ainda o leva consigo para uma nova cidade… Ter um amendiom no lugar do cérebro não é um problema que a polícia consiga resolver.

  2. É para aí que estamos a caminhar.
    Na direcção de nos tornarmos uns bandalhos sem qualquer respeito pelo próximo e desligados das nossas obrigações cívicas.
    Tudo só para não incomodar algumas ‘flores de estufa’ de inspiração francesa.
    Não tarda, não podemos fazer ‘xixi’ de pé a partir das 9 da noite,…não vá o vizinho ouvir-nos.

RESPONDER

Suíços votaram a favor do casamento entre pessoas do mesmo sexo

Os suíços foram este domingo às urnas para referendar o casamento de pessoas do mesmo sexo. Os resultados oficiais mostraram que a mudança foi aprovada com os votos a favor de 64,1% dos eleitores e …

O nosso sistema imunitário é tão único quanto a nossa impressão digital

Cada pessoa parece ter um sistema imunitário único. Cientistas descobriram esta diversidade imunitária depois de mapear anticorpos no sangue de pessoas saudáveis e doentes. A descoberta pode ajudar a explicar por que, por exemplo, as vacinas …

Mais de dois milhões de vacinas da gripe começam hoje a ser administradas

A vacinação contra a gripe arranca esta segunda-feira em Portugal, mais cedo do que o habitual devido à pandemia de covid-19, havendo 2,24 milhões de vacinas para serem distribuídas gratuitamente a grupos de risco pelo …

Cientistas encontram galáxias massivas primitivas "sem combustível"

As primeiras galáxias massivas - aquelas que se formaram nos três mil milhões de anos após o Big Bang - deveriam conter grandes quantidades de gás hidrogénio frio, o combustível necessário para fabricar estrelas. Contudo, os …

Cientistas criam frango impresso em 3D (e que é cozinhado através de lasers)

Uma equipa de engenheiros da Universidade de Columbia mostrou que diferentes tipos de lasers podem ser usados ​​para cozinhar frango impresso em 3D. De acordo com um comunicado de imprensa, o frango impresso a 3D passou …

"Contra tudo e contra todos". Moedas fez história em Lisboa

O cabeça de lista da coligação PSD/CDS-PP/MPT/PPM/Aliança à Câmara de Lisboa, Carlos Moedas, afirmou hoje ter vencido “contra tudo e contra todos”, porque “a democracia não tem dono”, agradeceu o “voto de confiança” e comprometeu-se …

Ventura admite que “vitória não foi total” ao falhar objetivo de ficar em terceiro

O líder do Chega admitiu hoje que a “vitória não foi total” nas autárquicas de domingo, ao falhar o objetivo de ser a terceira força política, mas defendeu que se “fez história” em Portugal, recusando …

Liveblog Autárquicas. Carlos Moedas ganha Lisboa

Realizam-se este domingo Eleições Autárquicas em Portugal, nas quais está em jogo a eleição de 308 presidentes de câmaras municipais, os seus vereadores e assembleias municipais, bem como 3091 assembleias de freguesia. Acompanhe tudo no …

Contra a "vigarice" das sondagens, "o PSD teve um excelente resultado"

O PSD conseguiu todos os objectivos a que se propôs nestas eleições autárquicas, segundo Rui Rio. O presidente do PSD considera que o partido teve "um excelente resultado" contra a "vigarice" das sondagens e "contra …

Medina assume derrota em Lisboa. "É uma indiscutível vitória de Carlos Moedas"

Fernando Medina acaba de assumir a derrota nas eleições autárquicas, felicitando Carlos Moedas pela vitória na Câmara de Lisboa. "É uma indiscutível vitória pessoal e política de Carlos Moedas", sublinha Medina. "Foi um privilégio servir esta …