Estudo identifica origem dos órgãos genitais

Patrick Tschopp / Harvard Medical School

-

Quando os animais invertebrados evoluíram do mar para a terra, foram necessárias algumas mudanças drásticas, já que os seus ancestrais marinhos não tinham necessidade de órgãos sexuais externos.

Agora, um novo estudo revela as mudanças genéticas que permitiram que os animais terrestres desenvolvessem órgãos sexuais.

A investigação divulgada na publicação científica Nature sugere que a chave da origem dos órgãos genitais estaria nos membros – pelo menos em cobras e lagartos. Nesses casos, para que as genitálias (chamadas de hemipenes) se desenvolvam, um centro de sinalização dá instruções para que os genes relevantes sejam ligados.

Inicialmente, os investigadores queriam perceber por que é que as cobras não desenvolvem membros, mas logo descobriram que os primeiros estágios do desenvolvimento genital se assemelhavam à formação dos membros.

Descobriram ainda que, com um “empurrãozinho”, células embrionárias de membros de lagartos e cobras poderiam ser transformadas em órgãos genitais. Em ratos, as células da cauda poderiam ser manipuladas de forma semelhante.

A equipa conseguiu isso movendo a posição de “uma fonte de sinalização” chamada de cloaca – uma estrutura embrionária transitória que emite moléculas de sinalização para “ligar ou desligar” genes.

“Isso demonstra que há uma flexibilidade sobre o tipo de célula que pode ser recrutada durante o desenvolvimento para formar a genitália”, disse Patrick Tschopp, da Faculdade de Medicina de Harvard (EUA), autor do estudo.

“O que nós fomos capazes de mostrar é que se transplantarmos essa cloaca em células dos membros ou da cauda, essas células respondem de uma forma que reflete o seu desenvolvimento sendo redirecionado para um destino genital. Em outras palavras, ao extraviar um sinal molecular, podemos desviar essas células nas sua trajetória de desenvolvimento.”

Com o objetivo de mudar os destinos dessas células, os investigadores traçaram as populações de células que formam os órgãos genitais durante o desenvolvimento.

“Recrutamento” de células

Os investigadores, então, analisaram os componentes genéticos das células embrionárias para identificar quais foram os genes ativados e desativados extraindo e sequenciando moléculas de RNA, os mensageiros de cada gene.

O estudo também constatou que nos ratos os órgãos sexuais tinham origens genéticas na cauda. Segundo os investigadores, isso ocorreu devido a uma posição diferente da cloaca que alterou as células que poderia “recrutar” para formar a genitália.

Tschopp explicou que a evolução genital foi outra medida de adaptação vital para a vida na terra, semelhante à forma como os membros têm uma origem evolutiva nas nadadeiras.

ZAP / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Greta Thunberg no Parlamento entre final do mês e início de dezembro

A ativista sueca aceitou participar numa sessão na Assembleia da República, em Lisboa, promovida pela comissão parlamentar de Ambiente, Energia e Ordenamento do Território, que se realizará entre o final deste mês e início de …

Phineas Fisher. O "hacker fantoche" que está a pagar para piratearem bancos e petrolíferas

Phineas Fisher é um hackers mais infames do mundo e procura agora renovar esse estatuto ao oferecer 100 mil dólares a quem piratear instituições capitalistas, como bancos e empresas petrolíferas. O hacker ficou conhecido após ter …

Conselho Superior da Magistratura arquiva processo disciplinar a Carlos Alexandre

O Conselho Superior da Magistratura decidiu arquivar o processo disciplinar relativo ao juiz do Tribunal de Instrução Criminal por declarações sobre o sorteio da fase de instrução do processo Operação Marquês. "O plenário de hoje do …

Jardins e complexo de estufas descobertos num dos bunker de Hitler

Um grupo de especialistas descobriu jardins e um complexo de estufas, que serviu para cultivar legumes e frutas, num dos maiores quartéis generais de Adolf Hitler durante a II Guerra Mundial, o bunker conhecido como …

Ataque a Alcochete. Advogados pedem impugnação do auto de notícia da GNR

Uma discrepância nas datas de elaboração e de assinatura do auto de notícia que relata a invasão à academia do Sporting motivou, esta terça-feira, a apresentação de um requerimento de impugnação subscrito por vários advogados. No …

Japão diz que é seguro libertar água radioativa de Fukushima no Pacífico

O Ministério da Economia, Comércio e Indústria do Japão afirmou esta segunda-feira que é seguro libertar água contaminada de Fukushima no Oceano Pacífico, de acordo com o jornal local Japan Today. A central nuclear, recorde-se, sofreu …

Dez autarcas e quatro clubes entre os 68 acusados na operação Ajuste Secreto

O Ministério Público da Feira deduziu acusação contra 68 arguidos, incluindo dez autarcas e ex-autarcas, quatro clubes desportivos e os seus respetivos presidentes, no âmbito da operação "Ajuste Secreto". Numa nota publicada no seu site oficial, …

Poluição do ar em Sydney entre as 20 piores do mundo devido aos incêndios

A poluição do ar em Sydney, a maior cidade da Austrália com mais de cinco milhões de habitantes, está hoje entre as 20 piores do mundo devido ao fumo dos incêndios no leste do país. "Sydney, …

Audições da RTP sobre "Sexta às 9" aprovadas pelos deputados

Os deputados da comissão parlamentar de Cultura e Comunicação aprovaram "por unanimidade", esta terça-feira, as audições da diretora de informação e do presidente da RTP sobre o programa "Sexta às 9". O grupo parlamentar do PSD …

Conquistas da seleção renderam 140 milhões em menos de 20 anos

As conquistas da seleção portuguesa renderam já mais de 140 milhões de euros à Federação Portuguesa de Futebol (FPF) em menos de 20 anos. Os números são avançados esta terça-feira pelo O Jogo, que dá …