ADN revelou quem teve casos extraconjugais nos últimos 500 anos

Os cientistas revelaram que membros da sociedade tinham mais probabilidade de ter filhos fora do casamento ao estudar o ADN de pessoas da Europa ocidental nos últimos 500 anos.

A densidade populacional do local onde uma pessoas morava e o seu estatuto socioeconómico contribuíram para taxas do que é chamado de “paternidade extraconjugal” nos Países Baixos da Bélgica e da Holanda.

A paternidade extraconjugal acontece quando um homem não é o pai biológico do seu filho legal. O co-autor do estudo Maarten Larmuseau, da KU Leuven and Histories, explicou, em declarações à Newsweek, que casos extraconjugais podem explicar a paternidade extraconjugal, mas também uma mulher que tenha sido violada.

A equipa trabalhou com 513 pares de homens que moravam na Bélgica e na Holanda que partilhavam um ancestral paterno comum. Se não houvesse uma paternidade extraconjugal na sua linhagem, teriam o mesmo cromossoma Y.

De acordo com o estudo publicado este mês na revista especializada Current Biology, os investigadores descobriram taxas de paternidade extraconjugal entre famílias urbanas de baixo estatuto económico, que viviam em cidades densamente povoadas no século XIX, de 6%. Por outro lado, só afetava 0,5% dos agricultores em áreas rurais e as classes média e alta.

A probabilidade de uma pessoa nascer fora do casamento era de 0,6% em pequenas vilas rurais com poucos habitantes e de 2,3% em cidades com pelo menos 10 mil habitantes por quilómetro quadrado. Por outro lado, de acordo com o IFLScience, os investigadores não encontraram diferenças significativas entre as divisões religiosas e culturais dos países.

“Esperávamos que as taxas médias fossem baixas (estudos anteriores já demonstraram isso), mas o facto de as taxas variarem mais de 10 vezes, dependendo do contexto social, foi certamente uma surpresa“, disse Larmuseau.

“É claro que a paternidade extraconjugal, especialmente devido ao adultério, é um tópico popular em piadas, séries de televisão e literatura”, disse Larmuseau em comunicado, divulgado pelo EurekAlert. “Mas o conhecimento científico sobre esse fenómeno ainda é altamente limitado, especialmente em relação ao passado”.

À Newsweek, Peter B. Gray, do Departamento de Antropologia da Universidade de Nevada, Las Vegas, que não participou neste estudo, referiu que os seus estudos anteriores sugeriram que os ancestrais humanos tinham baixas taxas de paternidade extraconjugal.

Comparando com outros primatas, os machos humanos têm testículos relativamente pequenos e baixa qualidade espermática, entre outras características, consistentes com baixas taxas de acasalamento feminino com vários machos.

//

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Ainda não percebi porque não se faz um teste de paternidade junto com o teste do pezinho ou outros!.. não deve haver nada pior para um homem saber ao fim de uma vida que o filho que manteve e criou afinal era do vizinho!.. mas como é contra o homem, não faz mal!.. no país misandrico!

  2. Um dia que ainda está longe a ciência ficará a saber aquilo que já se sabe há milhões de anos, descendemos todos do mesmo pai e mãe. Talvez não demore mais 1 milhão de anos.

RESPONDER

Tubarões reúnem-se todos os anos em Israel (e não se sabe porquê)

Um grupo de investigadores iniciou a quinta temporada de um estudo de um fenómeno incomum: uma concentração de tubarões num lugar na costa mediterrânea de Israel. Os funcionários da Estação de Investigação Mrina Morris Kahn, da …

Casa Pia 0-3 FC Porto | Jogo desbloqueado na segunda parte

O FC Porto venceu hoje o Casa Pia por 3-0, na segunda jornada do Grupo D da Taça da Liga, mas precisou de 50 minutos para fazer o primeiro golo ao penúltimo classificado da II …

Quanto vale a vida do seu cão (e a importância que isso tem)

Quanto vale a vida do seu cão? A resposta a esta pergunta pode ser mais importante do que aquilo que pensa e pode mudar drasticamente o preço que pagamos pela sua saúde e bem-estar. Os norte-americanos …

Asteróide passará esta sexta-feira pela Terra a 27.000 km/hora

Um asteróide de grandes dimensões passará pela Terra, atingindo o seu ponto mais próximo do nosso planeta esta sexta-feira, dia 6 de dezembro. O corpo celeste, importa frisar, não representa qualquer perigo para o Homem. …

Banco de França vai testar moeda digital em 2020

O governador do Banco de França anunciou na quarta-feira o lançamento de testes no próximo ano para uma moeda digital, que pode servir de precedente para uma iniciativa do mesmo tipo à escala da zona …

Atlético de Madrid na corrida por Gabigol

O Atlético de Madrid entrou na corrida pela contratação de Gabigol, o artilheiro que está ao serviço do Flamengo por empréstimo do Inter de Milão. A notícia é avançada pelo jornal italiano Gazzetta Dello Sport, …

Australiana condenada a prisão por ter mentido no currículo

Uma australiana de 45 anos foi condenada a um ano de prisão efetiva por ter mentido no seu currículo para conseguir uma vaga no Governo regional, conta esta quinta-feira a ABC Australia. Veronica Hilda Theriault foi …

Homem da comunicação de Rui Rio pertence à maçonaria

João Tocha, o homem que o líder do PSD escolheu para fazer parte da sua comunicação, é maçon, avança a revista Visão esta quinta-feira. Em declarações à Visão, João Tocha, iniciado no Grande Oriente Lusitano …

Marco Silva despedido do Everton

O treinador português Marco Silva foi hoje despedido pelo Everton, clube da Primeira Liga inglesa de futebol, um dia depois do desaire por 5-2 no reduto do rival da cidade, o campeão europeu Liverpool. “O Everton …

Líder Supremo do Irão aprova medidas para reconhecer como "mártires" os mortos dos recentes distúrbios

O líder supremo do Irão aprovou as recomendações de um relatório oficial propondo o reconhecimento como "mártires" dos mortos nos recentes distúrbios no país sem que tenham "desempenhado qualquer papel", indicou esta quinta-feira o seu …