Estrelas em explosão perto da Terra podem ter posto a Humanidade a andar de pé

NASA

Impressão de artista de uma supernova

Uma equipa de investigadores liderada por Adrian Malott, professor emérito de física e astronomia na Universidade do Kansas, nos EUA, sugere que os nossos ancestrais começaram a caminhar de pé devido a uma série de supernovas.

A investigação descreve como, há cerca de oito milhões de anos, as supernovas – estrelas em explosão no final da sua vida – bombardearam a Terra com energia cósmica e esse processo terá atingido o seu apogeu há cerca de 2,6 milhões de anos.

Naquela época, na baixa atmosfera do nosso planeta, iniciou-se uma avalanche de eletrões, levando à cadeia de eventos que levou ao bipedismo nos nossos ancestrais, de acordo com o estudo publicado na revista especializada The Journal of Geology.

Especificamente, acredita-se que a ionização atmosférica poderia ter causado um enorme aumento de relâmpagos, que por sua vez, causou incêndios florestais. Esta poderia ser uma das razões pelas quais os hominídeos começaram a andar sobre duas pernas: tiveram de se adaptar às savanas que substituíram as florestas queimadas no nordeste da África.

“Acredita-se que já havia uma tendência para os hominídeos andarem sobre duas pernas antes mesmo deste evento”, disse Adrian Melott em comunicado. “No entanto, adaptaram-se principalmente para escalar árvores.”

Depois dessa adaptação à savana, os hominídeos tinham de caminhar muito mais frequentemente de uma árvore para outra através dos prados, por isso era melhor andar na vertical: conseguiam ver acima da relva alta e detetar predadores“, acrescentou.

Uma análise de restos de ferro-60 nos leitos marinhos do mundo mostrou que a ionização da atmosfera por culpa dos raios cósmicos teria tido origem numa supernova que explodiu na vizinhança cósmica da Terra, a cerca de 163 anos-luz, durante a transição entre o Plistoceno e a Idade do Gelo há 2,6 milhões de anos.

“Aparentemente, essa foi a mais próxima série de supernovas muito mais extensa”, assinalou o autor do estudo, acrescentando que a mesma “teria aumentado a ionização da atmosfera inferior em 50 vezes“.

Pela sua parte, Brian Thomas disse que o aumento dos relâmpagos como consequência da ionização, assim como o início dos incêndios florestais em todo o planeta foram corroborados pela descoberta de resíduos de carbono nos solos, que correspondem à cronologia de bombardeio de raios cósmicos.

Segundo Melott, “o aumento de incêndios estimulou a transição da floresta para a savana em muitos lugares, o que se acredita estar relacionado com a evolução humana no nordeste de África”.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Hermínio Loureiro pede suspensão de mandato de vice-presidente da FPF

Hermínio Loureiro pediu a suspensão do mandato de vice-presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), esta sexta-feira, na sequência da acusação do Ministério Público na operação Ajuste Secreto. Numa carta enviada à FPF, a que a …

Oxford escolhe "emergência climática" para Palavra do Ano 2019

A Palavra do Ano 2019 escolhida pelos Dicionários de Oxford foi "emergência climática", "situação na qual é requerida uma ação urgente", revelou na quinta-feira esta componente da editora da Universidade homóloga. A Palavra Oxford do Ano …

Erro no IRS de 2015. Contribuintes podem contestar nova liquidação

O novo apuramento do imposto abrange cerca de dez mil declarações no valor de 3,5 milhões de euros. A Autoridade Tributária e Aduaneira já enviou uma carta aos contribuintes cuja liquidação do IRS relativo a 2015 …

Jesus vai receber título de cidadão honorário do Rio de Janeiro

O técnico português do Flamengo será condecorado, na próxima segunda-feira, com o título de cidadão honorário do Rio de Janeiro. A distinção a ser entregue pela Câmara Municipal do Rio de Janeiro foi anunciada num cartaz …

Governo compromete-se a concluir processo de regularização dos precários

O Governo comprometeu-se com a conclusão, no início da legislatura, do Programa de Regularização Extraordinária dos Vínculos Precários na Administração Pública (PREVPAP), mas sem avançar uma data concreta. O debate temático sobre o PREVPAP, que decorreu …

Camboja acaba com passeios turísticos de elefante em Angkor

Os passeios de elefante, que são umas das principais atrações turísticas pelas áreas dos templos de Angkor, no Camboja, deixarão de o ser em 2020. Em 2016, uma elefante fêmea morreu por insuficiência cardíaca depois de …

MPLA afasta "Tchizé" dos Santos do comité central e suspende-a por dois anos

O Bureau Político do MPLA aprovou, esta quinta-feira, o afastamento de Welwitschia 'Tchizé' dos Santos de membro do comité central do partido no poder em Angola e a suspensão por dois anos da condição de …

Coldplay adiam divulgação de álbum. Querem uma digressão mais "respeitadora do ambiente"

O líder dos Coldplay anunciou na quinta-feira que o grupo musical britânico adiou a digressão de apresentação do seu novo álbum, que é publicado esta sexta-feira, para ser o mais limpa possível e ter um …

Vila Galé já estuda novo resort na região do Brasil onde abandonou projeto

O Vila Galé vai mesmo avançar com uma nova unidade hoteleira na mesma região do Brasil onde decidiu abandonar o projeto que tinha, depois das críticas de que ia investir em potencial zona de reserva …

França ultrapassa Alemanha. É o pais europeu com mais pedidos de asilo

França tornou-se no país europeu com mais pedidos de asilo, pela primeira vez desde o início da crise migratória em 2015, afirmou esta quinta-feira em Paris o ministro do Interior. “A França tornou-se desde 20 de …