Este sapo finge ser uma cobra para não ser atacado por predadores

Konrad Mebert

Há um novo mestre da camuflagem no reino animal. O sapo gigante do Congo pode não conseguir mudar de cor para se confundir com o ambiente em redor, mas finge ser uma cobra para afastar os predadores.

A coloração do sapo lembra a da víbora do Gabão, particularmente as manchas e riscas castanhas escuras no corpo do sapo e na cabeça da víbora e uma nítida mudança de cor das costas do sapo para o flanco. O sapo também tem uma pele estranhamente lisa, tendo em conta os seus primos sapos.

O herpetologista Chifundera Kusamba, do Centro de Pesquisa em Ciências Naturais da RDC, descreveu ouvir o sapo emitir um som que comparou com o ar a ser libertado de um balão, que também se assemelha ao som sibilante que a víbora faz antes de fazer um ataque defensivo. Há um século, o biólogo americano James Chapin descreveu ver o sapo “curvar-se” de forma a esconder as suas pernas.

“O nosso estudo é baseado em 10 anos de trabalho de campo e na observação direta de cientistas que tiveram a sorte de ver o comportamento do sapo em primeira mão. Estamos convencidos de que este é um exemplo de imitação batesiana, onde uma espécie inofensiva evita predadores, fingindo ser perigosa ou tóxica”, disse Eli Greenbaum, principal autor do estudo, em comunicado, divulgado pelo EurekAlert.

Greenbaum, que publicou o estudo este mês na revista especializada Journal of Natural History, reconhece que a prova de imitação requer evidências de que os predadores do sapo são algumas vezes enganados. Ainda há poucas evidências disso, porque o sapo raramente é visto no seu habitat nativo, a floresta tropical da África central. Demoraria muito tempo ou sorte para testemunhar essa situação, de acordo com o IFLScience.

“Dado o tamanho relativamente grande e, portanto, o valor calorífico deste sapo em comparação com outras espécies, seria uma presa tentadora para uma grande variedade de predadores generalistas, incluindo primatas e outros mamíferos, lagartos, cobras e pássaros”, disse Kusamba.

A víbora de Gabão tem presas com cinco centímetros de comprimento – são as mais longas entre as cobras – que usam para fornecer uma grande carga de veneno. Apesar de o veneno não ser letal, a mordida desta víbora foi descrita como a mais dolorosa do mundo.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Bactérias benéficas do leite materno mudam ao longo do tempo

De acordo com um novo estudo, a mistura de bactérias benéficas transmitidas pelo leite materno muda significativamente com o tempo. Este pode atuar como uma injeção de reforço diário para a imunidade e metabolismo infantil. Os …

Quando um tigre vale mais morto do que vivo: A sórdida realidade das quintas de procriação

Em alguns países asiáticos, quintas de procriação de tigres exploram até ao tutano o valor económico do animal, submetendo-o a condições de vida degradantes. Tigres já foram puderam ser encontrados em grande parte da Ásia, do …

Ana Estrada Ugarte. Em decisão histórica, Peru abre as portas à eutanásia

Numa decisão histórica esta quinta-feira, o 11.º Tribunal Constitucional do Superior Tribunal de Justiça de Lima, no Peru, ordenou ao Ministério da Saúde do país que respeitasse a vontade de Ana Estrada Ugarte de acabar …

Árbitros estrangeiros na próxima época? APAF recusa "atestado de incompetência"

A Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF) tem a certeza de que o Conselho de Arbitragem (CA) não irá passar um "atestado de incompetência" aos árbitros portugueses, chamando estrangeiros para encontros de Ligas nacionais. Segundo …

Depois do desconforto que a série causou na Família Real, Harry defende "The Crown"

Durante uma entrevista a James Corden, para o programa americano The Late Late Show, o príncipe Harry defendeu a série The Crown da Netflix, explicando que embora não seja “estritamente precisa”, retrata a pressão da …

Benfica vai apresentar queixa por ameaças de morte a Vieira e vandalismo

O Benfica vai avançar com queixas devido às ameaças de morte ao presidente do clube em tarjas colocadas nas imediações do Estádio da Luz, mas também pela vandalização de várias casas benfiquistas. Segundo o jornal online …

Submarino civil transparente pode levá-lo ao local do naufrágio do Titanic

A Triton, uma empresa com sede na Florida, fabrica submarinos civis de última geração há mais de uma década. Agora, vai fazer nascer o Triton 13000/2 Titanic Explorer, que para além de oferecer aos passageiros …

Catorze detidos nos novos protestos em Barcelona a favor de Pablo Hasél

Pelo menos 14 pessoas foram detidas pela polícia catalã, este sábado, durante os distúrbios que se seguiram a mais uma manifestação em Barcelona a reclamar a libertação do rapper Pablo Hasél. Segundo o jornal Público, pelo …

Procuradores avançam para tribunal contra nomeações de chefias

O Conselho Superior do Ministério Público (CSMP) está envolvido numa nova polémica, depois do concurso que culminou na indigitação de José Guerra para a Procuradoria Europeia. Segundo avança o Jornal de Notícias, este domingo, um concurso para …

A partir de segunda-feira, eletrodomésticos vão ter novas etiquetas energéticas

As organizações não-governamentais ambientalistas saúdam as novas etiquetas energéticas, que entram em vigor esta segunda-feira, mas pedem “mais atenção” ao consumidor e “maior rapidez” na reclassificação de “mais produtos”. Em comunicado, a cooligação Coolproducts, um grupo …