Estão reunidas condições para acordo com a Grécia

europeancouncilpresident / Flickr

O primeiro-ministro da Itália, Matteo Renzi (de pé), com o primeiro-ministro da Grécias, Alexis Tsipras

O presidente do Conselho da Europa, Donald Tusk (segundo a contar da esquerda), com o primeiro-ministro da Itália, Matteo Renzi (de pé), e o primeiro-ministro da Grécias, Alexis Tsipras

O primeiro-ministro italiano disse hoje estarem reunidas todas as condições para que a Grécia e os seus credores internacionais alcancem um acordo benéfico para ambas as partes, pondo fim à crise da dívida grega.

“Seria um erro não aproveitar esta janela de oportunidade”, afirmou Matteo Renzi numa conferência de imprensa conjunta com o presidente francês, François Hollande, em Milão, acrescentando que a cimeira de emergência dos líderes da zona euro, marcada para segunda-feira no Luxemburgo, deverá ter uma “conclusão positiva”.

A declaração de Renzi surgiu algumas horas depois de o primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, ter apresentado propostas para “uma solução definitiva, e não provisória” da crise grega.

“Dar-lhe-emos conta da nossa disponibilidade para ajudar a encontrar o caminho para o acordo”, acrescentou Matteo Renzi.

Entretanto, a líder do maior banco grego mostrou-se otimista, referindo que seria “de loucos” se não houvesse um acordo com os credores.

“Penso que irá prevalecer a sanidade e será feito um acordo, porque não consigo encontrar razão para os nossos parceiros e os credores não chegarem a acordo”, afirmou Louka Katseli, presidente do Banco Nacional da Grécia, em declarações à rádio BBC.

Esta segunda-feira, os ministros das Finanças da zona euro reúnem-se com o objetivo de discutir a situação da Grécia.

Esta cimeira foi marcada na quinta-feira pelo presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, após a reunião do Eurogrupo que se realizou no Luxemburgo ter terminado sem qualquer acordo nem avanços nas negociações entre a Grécia e os seus parceiros e credores, quando faltam menos de duas semanas para terminar o atual programa de assistência, a 30 de junho.

O último dia deste mês é também a data limite para Atenas pagar ao Fundo Monetário Internacional (FMI) 1,6 mil milhões de euros.

Bruxelas estuda “novas propostas” para acordo grego

A Comissão Europeia confirmou hoje que está a trabalhar sobre as “novas propostas” para conseguir que a Grécia alcance um acordo com os credores internacionais na cimeira extraordinária de segunda-feira em Bruxelas.

“O trabalho sobre novas propostas está em marcha”, disse à agência EFE uma fonte diplomática, esclarecendo que, “não obstante, até este momento não foram ainda apresentadas novas propostas”.

As fontes também confirmaram que ao longo da manhã de hoje foram feitas várias chamadas telefónicas entre o presidente da Comissão Europeia (CE), Jean-Claude Juncker, e o primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, bem como com a diretora-geral do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde, e com a chanceler alemã, Ângela Merkel.

Segundo um comunicado hoje divulgado pelo gabinete do primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras apresentou aos responsáveis da Alemanha, França e ao presidente da Comissão Europeia as propostas da Grécia, tendo em vista “um acordo benéfico mútuo”.

As propostas foram apresentadas durante as conversas telefónicas de Alexis Tsipras com a chanceler alemã, Ângela Merkel, o Presidente francês, François Hollande, e o presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker.

O acordo “deverá trazer uma solução definitiva e não provisória” para a Grécia, refere o comunicado, sem precisar se as propostas feitas são novas, como desejam os seus credores.

/Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Depois de tudo quanto foi dito e escrito nos jornais , televisões e todas as redes de comunicação social por jornalistas e comentadores de várias tendências, partidos políticos, e até do nosso presidente da República, eu penso , com os meus modestos conhecimentos, de que está mais preocupada a União Europeia, a começar pela Alemanha de que a Grécia saia da união monetária do que a própria Grécia em ser excluída da União monetária por incumprimento com os credores.

  2. Simples: O “smart” que durante semanas se atirava suicidariamente contra o “blindado UE “ percebeu que este poderia não se desviar…
    “Penso que irá prevalecer a sanidade e será feito um acordo” afirmou Louka Katseli, presidente do Banco Nacional da Grécia
    Os papagaios perderam as penas… Não cantam e deixaram de voar

RESPONDER

Governo vira-se para Rio para mudar a Lei e garantir o novo aeroporto

O Governo está a preparar uma alteração à Lei para evitar que o projecto do novo aeroporto do Montijo seja chumbado. Uma medida que passará, necessariamente, pela necessidade de um entendimento entre PS e PSD …

"Entretenimento saudável". Santa Casa desvaloriza estudo sobre raspadinhas

O Departamento de Jogos da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa desvalorizou a investigação da Universidade do Minho que aponta para o vício das raspadinhas. Esta sexta-feira, um artigo científico publicado na The Lancet alertou para …

"Diga-lhe para ligar ao FBI". Autocarro com a cara do príncipe André circula em Londres

Um autocarro escolar, com a cara do príncipe André, andou a circular por Londres, esta sexta-feira, numa campanha da advogada Gloria Allred para pressionar o filho da Rainha a falar com o FBI. Esta sexta-feira, um autocarro …

Suspeito de terrorismo ouvido em tribunal (com o juiz a recusar ver os seus vídeos por não ter Internet)

O arguido Rómulo Costa, um dos oito portugueses acusados por financiamento ao terrorismo e recrutamento, adesão e apoio ao Estado Islâmico, foi interrogado, esta sexta-feira, na fase de instrução do processo que vai decorrer no …

FC Porto recorre do castigo de um jogo à porta fechada

O FC Porto vai recorrer do castigo de um jogo à porta fechada, aplicado pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) por ofensa a um agente desportivo. "O FC Porto vai recorrer …

Moita Flores investigado por corrupção. Antigo PJ fala em "coincidência" com empréstimo aos filhos

Francisco Moita Flores, antigo inspector da Polícia Judiciária e ex-presidente da Câmara de Santarém, está a ser investigado por suspeitas de corrupção. Há transferências de dinheiro de uma construtora para empresas a que esteve ligado …

SOS Animal vai constituir-se assistente no processo contra João Moura

A SOS Animal anunciou, esta sexta-feira, que se vai constituir assistente no processo criminal contra o cavaleiro tauromáquico detido, na quarta-feira, por suspeitas de maus-tratos a cães em Monforte, no distrito de Portalegre. Em comunicado, a SOS …

SMS de Rangel revelam teia de corrupção na Relação de Lisboa. Juiz Vaz das Neves tem empresa contra a lei

O ex-presidente do Tribunal da Relação de Lisboa, Luís Vaz das Neves, que foi constituído arguido na Operação Lex, tem uma empresa que se dedica à arbitragem extrajudicial de conflitos, o que constitui uma violação …

Presidente da PwC esteve em Lisboa para controlar danos do Luanda Leaks

O presidente mundial da PricewaterhouseCoopers (PwC) esteve em Lisboa, há duas semanas, para controlar os danos provocados pelo caso Luanda Leaks. Bob Moritz, presidente mundial da PricewaterhouseCoopers (PwC), esteve em Lisboa, há duas semanas, para perceber até …

CM Lisboa vai negociar avenças em parques para moradores da envolvente da Baixa

O presidente da Câmara de Lisboa afirmou, esta sexta-feira, que a autarquia irá tentar acordar com os operadores dos parques de estacionamento da envolvente da Zona de Emissões Reduzidas da Baixa-Chiado a criação de "avenças …