Estados Unidos retiram-se da UNESCO. Israel segue os passos

Cancillería Ecuador / Wikimedia

37ª Assembleia Geral da UNESCO

Os Estados Unidos anunciaram esta quinta-feira que se retiram da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), acusando a instituição de ser anti-israelita.

Os EUA conservam, no entanto, um estatuto de observador, acrescentou o Departamento de Estado, em vez da sua representação na agência da ONU sediada em Paris.

A porta voz do Departamento de Estado, Heather Nauert, assegurou que “a decisão não surgiu superficialmente e reflete as preocupações dos Estados Unidos com as crescentes demoras nos pagamentos na UNESCO, a necessidade de uma reforma fundamental na organização e a tendência anti-Israel contínua na UNESCO”.

O comunicado do Departamento de Estado não oferece mais explicações ou argumentos. A porta-voz detalhou no seu comunicado que a diretora-geral da UNESCO, Irina Bokova, foi notificada tanto da decisão dos Estados Unidos de se retirar da UNESCO, como da sua intenção de estabelecer uma missão permanente de observação.

A diretora-geral da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), Irina Bokova, disse “lamentar profundamente” a decisão norte-americana de se retirar da organização.

A universalidade é essencial à missão da UNESCO para construir a paz e a segurança internacionais face ao ódio e à violência, pela defesa dos direitos humanos e da dignidade humana”, disse Bokova em comunicado.

A retirada dos Estados Unidos da UNESCO entra em vigor a 31 de dezembro de 2018.

Israel segue os passos dos EUA

O Israel anunciou que vai sair da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), depois de os Estados Unidos terem decidido o mesmo, condenando o que dizem ser o preconceito anti-israelita.

O primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, “deu instruções ao ministro dos Negócios Estrangeiros para preparar a saída de Israel da organização, paralelamente aos Estados Unidos”, informou, em comunicado, o gabinete do chefe do Governo de Israel.

ZAP // EFE / Lusa

RESPONDER

Ministério da Saúde falseou tempos de espera nos hospitais

O Ministério da Saúde apagou pedidos antigos para falsear os tempos de espera no Serviço Nacional de Saúde (SNS). A conclusão é de uma auditoria realizada pelo Tribunal de Contas. De acordo com esta análise, divulgada …

Linha da EDP causou incêndio de Pedrógão Grande (e um segundo fogo nunca foi registado)

Um novo relatório, encomendado pelo Governo, conclui que o grande incêndio de Pedrógão Grande começou por causa de uma linha de média tensão da EDP que terá entrado em contacto com a vegetação. Essa circunstância …

Governo e sindicatos dos enfermeiros chegam a acordo

O Ministério da Saúde chegou, esta segunda-feira, a acordo com as estruturas sindicais representantes dos enfermeiros, anunciou o Governo em comunicado. "Após um período longo de negociações árduas com as estruturas sindicais, o Governo está em …

Queda de caça F-18 mata piloto em Madrid

Um avião de caça F-18, da Força Aérea Espanhola, despenhou-se, esta terça-feira, depois de ter descolado da base militar de Torrejón de Ardoz (Madrid), provocando a morte do piloto, indicou o Ministério da Defesa espanhol. A …

Caso Sócrates parado até decisão sobre imparcialidade de Carlos Alexandre

A defesa do antigo primeiro ministro, José Sócrates, apresentou um recurso que volta a pôr em causa a imparcialidade do juiz Carlos Alexandre. O processo de acusação de Sócrates está, então praticamente parado desde quinta-feira. O …

"Vai arder tudo". Áudios das comunicações revelam aflição dos bombeiros e falta de meios

"Isto vai ser uma catástrofe. Vai arder tudo". Este é um dos desabafos que se ouve de um comandante dos bombeiros, durante os grandes incêndios que assolaram Portugal este domingo, 15 de Outubro, nas gravações …

"Presos políticos". Detidos dois líderes de grupos independentistas na Catalunha

Os líderes das duas principais associações independentistas da Catalunha, acusados de sedição (sublevação pública para impedir o cumprimento da lei), foram esta terça-feira colocados em prisão domiciliária por uma juíza da Audiência Nacional espanhola, indicaram …

Mais impostos sobre automóveis: bombo da festa para compensar alívio do IRS

  O alívio de impostos que o Orçamento de Estado para 2018 vai implicar para muitos contribuintes portugueses, no capítulo do IRS, vai ser compensado pelo Governo com um considerável aumento das taxas aplicadas ao sector …

Guerra nuclear na Coreia pode começar a qualquer instante

A Coreia do Norte afirmou esta segunda-feira que a qualquer momento pode começar uma guerra nuclear na península coreana. O número dois da representação diplomática da Coreia do Norte nas Nações Unidas (ONU) afirmou na segunda-feira …

Jornalista maltesa que liderava investigação aos Panama Papers foi assassinada

A jornalista maltesa Daphne Caruana Galizia, que esteve na origem de acusações de corrupção que provocaram eleições antecipadas no país em junho, foi assassinada esta segunda-feira, por uma bomba colocada debaixo do seu carro, anunciou …