//

Estado de Michael Schumacher é “crítico”

Paul Williams / Wikimedia

O automobilista Michael Schumacher, 7 vezes campeão do Mundo de Fórmula 1

O automobilista Michael Schumacher, 7 vezes campeão do Mundo de Fórmula 1

O estado de saúde de Michael Schumacher, sete vezes campeão da Fórmula 1, é “crítico” de acordo com o hospital francês onde está a ser tratado depois de sofrer um acidente quando praticava esqui.

O alemão de 44 anos “sofria de um trauma cerebral grave e estava em coma ao chegar” segundo a declaração divulgada este domingo pelo hospital de Grenoble, no sudeste do país.

De acordo com outras informações divulgadas este domingo, os agentes de Schumacher também confirmaram que o estado do ex-piloto é grave.

De acordo com as televisões públicas alemães ARD e ZDF, que citam fontes hospitalares, Schumacher está inclusivamente em perigo de vida.

Schumacher estava a esquiar com o filho de 14 anos nos Alpes Franceses quando o acidente ocorreu.

O ex-piloto usava um capacete quando caiu e bateu a cabeça contra uma rocha, de acordo com o director do resort de esqui Meribel, Christophe Gernignon-Lecomte.

Autoridades locais de turismo afirmaram que Schumacher estava consciente quando foi levado de helicótpero.

Schumacher foi inicialmente hospitalizado em Moutiers, mas pelas 12:45 locais foi transferido para Grenoble, para realizar mais exames, ao concluir-se que o seu estado poderia ser mais grave do que inicialmente parecia.

Um dos mais famosos especialistas em traumatismos de França, o neurocirurgião Gerard Saillant, que também é amigo da família de Schumacher, deslocou-se ao hospital de Grenoble, onde acompanha o caso.

 

ZAP / MA / Lusa

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.