Bloco e PCP querem Educação Física a contar para acesso à universidade

António Cotrim / Lusa

Catarina Martins (BE) e jerónimo de Sousa (PCP)

Bloquistas e comunistas apresentam, esta quarta-feira, no Parlamento, os projetos de resolução para reverter a decisão do anterior Governo que retirou à disciplina qualquer peso relativamente à média de acesso à universidade.

O Bloco de Esquerda e o PCP querem que a nota de Educação Física volte a contar para a média de acesso ao Ensino Superior, tal como acontecia até à reforma introduzida pelo ministro da Educação do Governo PSD/CDS, Nuno Crato, avança o Observador.

Os dois partidos já apresentaram projetos de resolução nesse sentido. Os bloquistas criticam o facto desta disciplina ter sofrido “uma acentuada desvalorização a partir de 2012″ e os comunistas relembram que as alterações do anterior Executivo foram “profundamente criticadas pela comunidade educativa, docentes do ensino superior, investigadores, estudantes, atletas e estruturas associativas e representativas do setor”.

A ideia de reverter esta decisão já tinha sido anunciada, em 2016, pelo secretário de Estado da Educação, João Costa, no entanto, as novas regras continuam por aplicar, escreve o jornal online.

O Bloco recomenda que se faça uma avaliação “das alterações feitas pelo anterior Governo em relação à disciplina” e o PCP sugere ainda ao Governo que “reponha a carga horária nos 2º e 3º Ciclos do Ensino Básico e no Ensino Secundário”.

De acordo com o Diário de Notícias, a organização que agrega os professores da área garante que os receios de que esta alteração possa penalizar alguns alunos são rejeitados pela realidade dos números, que dizem que a disciplina “não baixa a média” final.

“Se formos analisar os dados da avaliação, a média com Educação Física, na maior parte dos casos, fica igual ou pode eventualmente aumentar alguns pontos”, diz ao jornal Nuno Fialho, vice-presidente do Conselho Nacional das Associações de Professores e Profissionais de Educação Física (CNAPEF), acrescentando que é “o que não acontece com outras disciplinas, como Matemática, que tem uma influência bastante maior”.

O docente considera que é crucial que a disciplina tenha o mesmo peso do que as outras, já que, além de “fazer com que muitos alunos não se apliquem tanto”, a desvalorização da Educação Física só contribui para o sedentarismo que se verifica “na passagem do nono para o décimo ano, em particular entre as raparigas”.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Não posso deixar de concordar com a generalidade da argumentação aqui e noutros fóruns apresentada, com a exceção de que a afirmação ..”disciplina “não baixa a média” final.” é falsa e moralmente desonesta. Os alunos que que acedem aos cursos com médias mais elevadas, não são com certeza brilhantes alunos de educação física, ou seja os melhores alunos vão ser prejudicados. A prova dos nove, era avaliar se os alunos que entraram para o ensino superior nos últimos 3 anos, para cursos com médias acima de 17 val. eram ou não prejudicados nas suas ambições com a media de educação física. Se fizermos a média de todos os alunos do secundário que deve ser de 12 ou 13 valores no secundário então claro podemos afirmar que a nota não prejudica, mais uma vez prejudicamos quem mais trabalha e se esforça em beneficio de quem nada estuda, mas que tem jeito para fazer o pino e dar uns chutos na bola….

  2. É que saber fazer o pino e dar uns chutos na bola, também não é para todos e esses também são prejudicados não contando para nota como nos países desenvolvidos, é que o portuguesito a nível de educação anda sempre anos de luz atrás.
    Mas também com mentalidades e “educação” como esta não se pode esperar mais nada.

  3. sinceramente acho que estao é a mandar areia para os olhos, e porque não entram todos na universidade e acabamos de vez com a “clausidade” , o que nao faltam para ai são universidades , ah agora vai haver uma em Carcavelos .
    que se façam universidades !!!
    ah e quem paga ? pagamos nós , deixamos de pagar os bancos bpn, bes , ah e tirar as reformas vitalicias a quem faz um mandato no parlamento e nao tem idade para se reformar …

RESPONDER

Dança afro-beat inspirada nos saltos de Ronaldo já chegou a Paris

Uma música humorística 'afro-beat', publicada nas redes sociais e inspirada nos saltos de Cristiano Ronaldo quando marca golos, está a ser replicada na internet com dezenas de coreografias filmadas, muitas das quais em França. "Quand Cristiano …

Portuguesa Critical Software e BMW juntam-se para produzir "o carro do futuro"

A BMW escolheu a portuguesa Critical Software para construir "o carro do futuro". As duas empresas unem-se agora numa joint venture que terá sede no Porto. A companhia tecnológica portuguesa Critical Software anunciou, esta segunda-feira, a …

As criptomoedas podem vir a sobrecarregar a Internet, alerta BIS

O Banco de Pagamentos Internacionais (BIS) lançou, este domingo, um novo alerta: as criptomoedas podem "rebentar" com a Internet. O Banco de Pagamentos Internacionais - ou BIS, na sigla em inglês - lançou, este domingo, um …

Rui Patrício assina com o Wolverhampton por quatro anos

O guarda-redes português Rui Patrício, que rescindiu com o Sporting alegando justa causa, assinou contrato com o Wolverhampton válido por quatro épocas, anunciou hoje o clube da liga inglesa de futebol. O guarda-redes internacional português Rui …

Juízes querem condenados a cumprir mais cedo pena de prisão

Os juízes defendem que a pena de prisão deveria começar a ser cumprida logo que fosse confirmada por um tribunal de segunda instância, ainda antes da decisão transitar em julgado, mesmo que continuem a recorrer. A …

Médica reformada acusada de matar centenas de pacientes com doses fatais de analgésicos

Uma médica de clínica geral, agora aposentada, será a responsável pela morte de centenas de pacientes. A médica é acusada de prescrever doses fatais de analgésicos opiáceos a idosos no Reino Unido, nos anos 90. Jane …

Custo de vida para jovens estrangeiros em Lisboa ultrapassa mil euros

Um jovem estrangeiro precisa de 1032 euros para se instalar em Lisboa, sendo Lisboa a 57.ª cidade mais cara de uma lista de 80 cidades do mundo. Roménia é a cidade mais barata, de acordo …

Marcelo voltou a Pedrógão para limpar lágrimas (e Costa nem foi convidado)

Marcelo Rebelo de Sousa foi a figura central da homenagem às vítimas do incêndio de Pedrógão Grande, limpando lágrimas e distribuindo abraços, enquanto António Costa nem foi convidado. O primeiro-ministro admitiu que não foi convidado para …

Mihajlovic apontado ao Sporting para substituir Jesus

A imprensa desportiva apontou o técnico sérvio Sinisa Mihajlovic como o novo treinador do Sporting, substituindo o lugar deixado por Jorge Jesus. O antigo selecionador da Sérvia chegou a Lisboa esta segunda-feira, remetendo esclarecimentos para …

Falta de obstetras afeta assistência a partos de risco

O número de especialistas de ginecologia e obstetrícia é cada vez mais crítico no Serviço Nacional de Saúde, devido à falta de contratação de profissionais. O défice de especialistas de ginecologia e obstetrícia no Serviço Nacional …