Nova espécie de pterossauro revela o polegar oponível mais antigo de sempre

(dr) Chuang Zhao / University of Birmingham

Representação artística do Kunpengopterus antipollicatus

Cientistas descobriram uma nova espécie de pterossauro que viveu durante o período Jurássico e que subia às árvores graças aos seus polegares oponíveis. Esta característica nunca tinha sido observada nestes animais.

De acordo com a rede de televisão russa RT, os fósseis deste réptil, agora batizado Kunpengopterus antipollicatus, foram encontrados na formação geológica de Tiaojishan, na China.

Os restos fósseis do novo pterossauro, que habitou a Terra há 160 milhões de anos, durante o período Jurássico, indicam que era um animal pequeno para esta época porque a sua envergadura era de apenas cerca de 85 centímetros.

A equipa de investigadores, cujo estudo foi publicado a 12 de abril na revista científica Current Biology, destacou que este animal, apelidado de monodátilo (que só tem um dedo), representa a evidência mais antiga já conhecida de polegares oponíveis.

Além disso, é também a primeira vez que esta característica, extremamente rara entre os não mamíferos, é detetada neste grupo de répteis voadores. Foi graças a ela que terão conseguido mover-se com agilidade entre as árvores.

Segundo o site Science Daily, é desta característica que vem o seu segundo nome “antipollicatus”, que significa “polegar oponível” no grego clássico.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Mais de metade das Câmaras viola a Lei da Proteção de Dados

Mais de metade das Câmaras Municipais viola a Lei da Proteção de Dados. O levantamento conclui que, das 308 câmaras do país, 177 não cumpriram a lei. O Regulamento Geral de Proteção de Dados dita que …

Após o Brexit, a União Europeia prepara-se para restringir conteúdos britânicos na TV e no streaming

Política, economia e agora cultura. Depois do Reino Unido ter saído da União Europeia, a organização prepara-se diminuir a quantidade de filmes e séries britânicas disponíveis nas estações de televisão e nos serviços de streaming …

Trincão pode rumar ao Wolverhampton

O jovem internacional português poderá ser o próximo futebolista luso a integrar o projeto do Wolverhampton, servindo como "moeda de troca" por Adama Traoré. De acordo com o diário catalão Sport, Francisco Trincão poderá servir como …

"Da Rússia com amor". Operação de espionagem russa em Itália permitiu recolher dados essenciais à Sputnik V

Em março de 2020, o cenário era negro em Itália, e uma equipa humanitária russa foi enviada para apoiar o país nos piores dias da primeira vaga de covid-19. Contudo, a operação escondeu uma missão …

Gil Dias e Rúben Vinagre estão na rota do Benfica

Gil Dias e Rúben Vinagre podem ser reforços do SL Benfica para a próxima temporada. Os dois jogadores estiveram cedidos ao Famalicão esta época. O interesse do SL Benfica em Rúben Vinagre não é recente. O …

Tribunal declara inútil ação do Chega porque proibição à circulação na AML terminou

O Supremo Tribunal Administrativo (STA) considerou inútil, esta segunda-feira,  apreciar a intimação do Chega contra a proibição de entradas e saídas na Área Metropolitana de Lisboa (AML) no fim-de-semana, uma vez que esta medida temporária …

Samaris vai ficar no Benfica

O médio grego prepara-se para iniciar a sua oitava temporada ao serviço do Benfica, apesar das intenções da direção encarnada de pôr um ponto final na relação. Andreas Samaris só admite sair da Luz se receber …

DGS confirma seis surtos ativos em lares. Provocaram 54 casos de covid-19

Esta terça-feira, a Direção-Geral da Saúde (DGS) confirmou que existem, atualmente, seis surtos de covid-19 em lares, que resultaram em 54 casos positivos. A Direção-Geral da Saúde (DGS) confirmou à TVI que existem atualmente seis surtos …

As contas de Portugal para passar aos "oitavos": derrota com França não é o fim

Portugal faz as contas para poder seguir para os oitavos de final do Euro 2020. A seleção até pode perder por duas bolas frente a França, desde que a Hungria não vença a Alemanha. Dinamarca, Holanda, …

Mais de 60% dos partos em casa foram assistidos por médicos. Ordem investiga

A Direção-Geral da Saúde (DGS) adiantou que, dos mais de 1100 partos realizados em casa ao longo do ano passado, 63% tiveram assistência médica. Esta segunda-feira, o jornal Público usou os números divulgados pelo Instituto Nacional …