Enzima desenvolvida na U.Minho destrói bactéria que mata colmeias

Colmeia atacada pelo Paenibacillus larvae

Colmeia atacada pelo Paenibacillus larvae

Um grupo de investigadores do Centro de Engenharia Biológica da Universidade do Minho desenvolveu uma enzima capaz de destruir a bactéria responsável pela doença Loque Americana, que afecta abelhas jovens e pode matar toda a população de uma colmeia.

Num comunicado enviado à agência Lusa, o Centro de Engenharia Biológica (CEB) da academia minhota explica que a Loque Americana (AFB) é uma das “mais graves” doenças bacterianas que afectam abelhas em Portugal mas principalmente na Europa e na América do Norte.

A doença é causada pelo bacilo Paenibacillus larvae. Apesar da sua mortalidade na apicultura, não representa perigo para a espécie humana.

Segundo o texto, o objectivo da investigação em curso é “desenvolver uma estratégia terapêutica para utilização em apicultura que constitua uma alternativa à administração de antibióticos nas abelhas”.

Isto porque, explica o CEB, “com a actual restrição à presença de resíduos de antibióticos no mel, impostas pela legislação da União Europeia, há uma dificuldade acrescida no combate terapêutico à AFB, impondo-se um desenvolvimento urgente de métodos antimicrobianos alternativos“.

A AFB começa por “afectar as abelhas jovens, as larvas, e rapidamente se espalha por toda a colónia de abelhas” e, alerta o texto, “se não for tratada, pode resultar na morte de toda a população da colmeia num curto espaço de tempo”.

Os investigadores, refere o CEB, “já confirmaram que a enzima desenvolvida tem capacidade para destruir a bactéria responsável pela Loque Americana nas concentrações que ocorrem no campo quando a doença se verifica, e que não é tóxica para as larvas”.

ana-oliveira / LinkediIn

Ana Oliveira, investigadora do CEB / U.Minho

Ana Oliveira, investigadora do CEB / U.Minho

O produto em desenvolvimento deve, assim, ser aplicado oralmente às abelhas adultas para que o possam fornecer posteriormente às larvas e/ou por pulverização directa às larvas que se encontram nos favos.

“Com isto, pretende-se que quando a bactéria em causa emergir dos esporos que a protegem no intestino das larvas, a enzima que anteriormente foi ingerida impeça a sua proliferação e consequente morte lavar”, explana Ana Oliveira, investigadora do CEB.

A próxima fase será a de “ensaios in vivo em larvas de abelha criadas em laboratório e posteriormente em colmeias naturalmente infectadas”.

O CEB da Universidade do Minho, em actividade desde 1995, é um centro de investigação que opera nas principais áreas da Biotecnologia e Bioengenharia.

O centro tem como “principal objectivo” a integração entre a engenharia e as ciências da vida, de forma a potenciar o desenvolvimento de bioprocessos industriais inovadores.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"Charlie" é o robô peixe-gato da CIA que permitiu pesquisas subaquáticas (e já realizou missões secretas)

De várias formas e tamanhos, os robôs têm sido sido muitas vezes usados por muitas entidades para trabalhos de pesquisa e investigação. A CIA não é exceção e por isso desenvolveu um peixe robótico chamado …

Possível obra de Banksy surge na parede de uma famosa prisão. Pode representar Oscar Wilde

Um graffiti possivelmente pintado pelo famoso artista de rua Banksy apareceu durante a noite no lado de fora de uma parede da prisão de Reading, no Reino Unido. Na madrugada desta segunda-feira, a obra foi avistada …

Na tentativa de tirar a selfie perfeita com um elefante, indiano acaba morto pelo animal

No passado domingo, dia 28 de fevereiro, um homem de 21 anos morreu enquanto tentava tirar uma selfie com um elefante. O animal andou a pairar por zona residencial e anteriormente já tinha matado uma …

Milhares de professores vacinados antes de médicos. Presidente do México acusado de fazer política com a vacinação

Milhares de professores do ensino público que lecionam nas zonas mais rurais do México foram vacinados contra o novo coronavírus antes dos profissionais de saúde que combatem a pandemia na mesma região. De acordo com …

Passageiros com documentos e teste de covid-19 falsificados detetados pelo SEF

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) deteve, no domingo, no Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, três cidadãos portadores de documentação falsa, dois dos quais na partida de um voo com destino à República da …

Coronadiktatur, Gesichtskondom, Fussgruss. Os alemães inventaram milhares de palavras novas sobre a pandemia

O confinamento de quase quatro meses na Alemanha não colocou restrições ao seu idioma de palavras multissilábicas. Os alemães inventaram mais de 1.200 novas palavras para descrever as regras e realidades da vida em tempo …

Ordem coordena vacinação de 4000 médicos "deixados para trás"

A Ordem dos Médicos vai vacinar cerca de quatro mil médicos que trabalham em hospitais e clínicas privadas e que, por algum motivo, não foram vacinados na altura devida. De acordo com um comunicado da ordem, …

A mais recente turbina eólica chama-se Wind Catcher e é portátil

Uma empresa dinamarquesa decidiu inovar e desenvolver uma turbina eólica portátil. O Wind Catcher é mais leve, mais poderoso e mais fácil de usar do que qualquer outro sistema de energia eólica no mercado. O Wind …

Spike Lee vai produzir série documental para o 20.º aniversário dos atentados de 11 de setembro

O realizador Spike Lee está a preparar uma série documental para estrear no 20.º aniversário dos atentados do 11 de Setembro, um "retrato sem precedentes" dos nova-iorquinos e da capacidade de recuperação depois da destruição …

Guru de investimentos, Warren Buffett, assume ter cometido um "erro"

O bilionário norte-americano Warren Buffett, considerado o "guru" dos mercados de investimento, assumiu ter cometido um erro quando adquiriu, em 2016, a Precision Castparts por 32,1 mil milhões de euros. Na carta que escreve anualmente para …