Engenharias ultrapassam Medicina. Aeroespacial recupera título do curso com a média mais alta

Tomaz Silva / ABr

Engenharia Aeroespacial, no Instituto Superior Técnico (IST), da Universidade de Lisboa, recuperou a liderança na lista das médias mais altas de entrada no ensino superior público. Dois cursos de Medicina ficaram fora do top 20.

Depois de um ano de interrupção – depois de o único colocado em Engenharia Civil na Universidade da Madeira ter catapultado a instituição para a liderança das médias mais altas em 2018 – Engenharia Aeroespacial recupera “o título” de curso com a média de entrada mais elevada, com um registo de 18,95 valores.

Os dados oficiais divulgados este domingo pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (MCTES) mostram que os cursos de engenharia marcam cada vez mais presença no topo desta tabela, remetendo dois dos sete cursos de Medicina para fora do top 20 das médias mais altas.

A Engenharia Aeroespacial sucedem-se Engenharia Física Tecnológica, também no IST, com um registo de 18,88 valores no último colocado e Bioengenharia, na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, com um registo de 18,65 valores.

Entre os cursos de Medicina é o do Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar, da Universidade do Porto, que regista a nota mais alta, com 18,5 valores, a quinta nota de acesso ao ensino superior mais elevada na primeira fase do concurso nacional deste ano.

Entre os cursos que este ano deixaram dois cursos de Medicina abaixo das 20 notas de entrada mais altas estão várias engenharias das universidades de Lisboa, Porto e Minho, mas também do Politécnico do Porto, Arquitetura no Porto, Gestão na Nova de Lisboa e no Porto a até um curso da área de Letras, como foi o caso de Línguas e Relações Internacionais na Universidade do Porto. Todos estes cursos tiveram notas dos últimos colocados superiores a 17,5 valores e nenhum deixou vagas por preencher.

Em mais de mil cursos há 702 que já não têm qualquer vaga disponível para a segunda fase do concurso nacional de acesso, há 38 que não tiveram qualquer aluno colocado, maioritariamente em politécnicos no interior do país, e 128 com menos de 10 alunos colocados.

No total dos cursos abertos, a média mais baixa do país foi de 9,5 (valor mínimo para acesso à faculdade), registada em nove cursos, sendo que ficaram ainda vagas por preencher.

Os resultados da primeira fase do CNA estão desde domingo disponíveis na página da Direção-Geral do Ensino Superior (DGES). Os candidatos puderam concorrer a 1.087 cursos nas universidades e politécnicos públicos.

A segunda fase de candidaturas decorre entre 9 e 20 de setembro e os resultados são divulgados a 26 de setembro.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Colisão gigante de asteróides no Espaço provocou um boom de vida na Terra

Os asteróides desempenharam um "papel divino" na história da vida na Terra. Um novo estudo sugere que um gigantesco boom de biodiversidade na Terra, há cerca de 470 milhões de anos, poderá ter acontecido devido …

Alguns planetas podem orbitar um buraco negro supermassivo em vez de uma estrela

Estamos habituados à ideia de que um planeta orbita estrelas. No entanto, estes corpos celestes podem também existir em torno de buracos negros supermassivos. Os cientistas já haviam adotado a ideia de que há planetas a …

PSD a 3 deputados da maioria na Madeira. CDS afasta geringonças

Miguel Albuquerque, político experiente, apreciador de música e apaixonado por rosas, voltou hoje a vencer as eleições regionais da Madeira, mas tem agora pela frente a ‘espinhosa’ tarefa de negociar um entendimento que garanta estabilidade …

Porto 2-0 Santa Clara | E vão cinco vitórias consecutivas na Liga

O FC Porto respondeu ao triunfo do Benfica no sábado em Moreira de Cónegos com a quinta vitória consecutiva na Liga, na recepção ao Santa Clara, por 2-0. Num jogo morno, com uma segunda parte mal jogada …

Mazda entra na corrida e prepara lançamento do seu primeiro carro elétrico

A Mazda garantiu o lançamento do seu primeiro carro elétrico já no próximo ano. O veículo será apresentado no Salão Automóvel de Tóquio. A corrida dos veículos elétricos acelera a todo o vapor e a Mazda …

Descobertas evidências de um reino bíblico em pleno deserto israelita

A bíblia faz referência a um reino de Edom, do século X antes de Cristo. Novas evidências sugerem que este reino poderá ter estado assente no deserto de Arava, no Israel. A análise de arqueólogos a …

PSD vence regionais na Madeira mas perde maioria absoluta

O PSD venceu hoje as eleições legislativas regionais na Madeira, com 37% a 41% dos votos, o que lhe retira a maioria absoluta no parlamento, segundo a projeção da RTP/Católica. O Partido Social Democrata venceu as …

No Afeganistão, há mulheres a arriscar a vida por um golo

As jogadores da seleção de futebol feminino do Afeganistão não treinam no seu país por razões de segurança. Muitas sofreram abusos sexuais e correm risco de vida para poderem jogar futebol. Pelo menos alguma vez na …

Cientista diz que avanços científicos podem levar à extinção humana

A evolução da ciência e tecnologia pode ser fundamental para evitar catástrofes, mas, ironicamente, pode também ser a causadora do fim da nossa espécie. O estudo das mudanças climáticas baseia-se em simulações cada vez mais de …

A ilha mais remota do mundo tem nome português

Tristão da Cunha é uma ilha com apenas 250 habitantes, onde ninguém fala português. Não há hotel nem aeroporto. Há quem parta em busca de um lugar sossegado para evitar as grandes multidões turísticas. Caso esteja …