Pessoas que enfrentam bem a manhã são mais saudáveis (e trabalham melhor)

Vários estudos têm demonstrado que algumas pessoas enfrentam as manhãs de forma naturalmente melhor, o que faz com que tenham um conjunto de diferenças cerebrais que as tornam mais felizes quando acordam.

Por outro lado, as “corujas da noite” (termo científico) são mais propensas a gostar da tarde e da noite, e a odiar a manhã, sendo menos felizes pela manhã.

A ciência diz que apesar de ser possível treinar a predisposição com que acordamos de manhã, ou melhorá-la com recurso a alguns estimulantes (como é o caso do café), certos conjuntos de genes – chamados cronótipos – ajudam a esta tendência.

No entanto, um novo estudo descobriu que os cronótipos podem ser ainda mais importantes do que se pensava. A pesquisa mostrou que estes genes estão diretamente ligados à quantidade de sono que uma pessoa pode dormir e ao seu desempenho no trabalho.

Segundo o IFL Science, para descobrir de que forma os cronótipos afetam o dia a dia das pessoas, uma equipa de investigadores analisou um grupo de mais de 12 mil pessoas.

Cada participante foi questionado sobre vários aspetos da sua vida, incluindo padrões de sono, saúde geral e hábitos de trabalho. A partir desses dados, cada indivíduo foi agrupado como uma pessoa da manhã (tipo M), uma pessoa da noite (tipo E), ou um cronótipo intermediário.

A maioria dos homens era do tipo M (46%) ou intermediário (44%), com apenas 10% a ser colocado no grupo do tipo E. Nas mulheres a tendência foi semelhante: 44% eram do tipo M, 44% intermediário e 12% do tipo E.

Quando comparadas ao tipo M, as pessoas do tipo E apresentaram resultados piores em aspetos muito diferentes da vida. Isto porque dormem menos e são mais propensas a serem solteiras e desempregadas.

Os cronótipos noturnos já foram anteriormente associados a indivíduos com problemas de saúde e com pouca capacidade de trabalho. Pelo contrário, pessoas que acordam bem de manhã são consideradas mais saudáveis e com maior produtividade no emprego.

Os especialistas sugerem que os cronótipos devem ser levados em consideração no planeamento dos horários de trabalho, para garantir uma melhoria na saúde e no desempenho dos funcionários.

Apesar dos vários estudos, continua a ser difícil descobrir os cronótipos genéticos, mas os investigadores acreditam que estes sejam hereditários.

O estudo foi publicado na revista Occupational and Environmental Medicine.

Ana Isabel Moura Ana Isabel Moura, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

O segredo dos bigodes dos animais tem a forma de um S (e reside na forma como dobram)

Há muitos mamíferos que têm bigodes para sentirem o ambiente à sua volta, semelhante à sensação do tato. No entanto, os meios pelos quais os bigodes comunicam essa sensação de toque ao cérebro ainda permaneciam …

O trabalho de um aluno de Física chamou a atenção dos investigadores quânticos da Amazon

Os cientistas têm várias preocupações relacionadas com o potencial dos computadores quânticos e o progresso neste campo tem sido muito lento. Recentemente, um dos obstáculos pode ter sido reduzido por um estudante de Física da …

Famosa rajada rápida de rádio bateu recorde (e revelou magnetosfera "dançante" em estrela de neutrões)

Duas equipas internacionais de astrónomos publicaram dois artigos científicos com novas informações sobre a famosa rajada rápida de rádio FRB20180916B. No estudo publicado na Astrophysical Journal Letters, os cientistas mediram a radiação das explosões nas frequências …

Farense 0-1 Sporting | Beto e Adán gigantes em noite de recorde leonino

O Sporting sofreu bastante para levar os três pontos na visita ao Farense. O líder do campeonato marcou um golo, por Pedro Gonçalves, dominou durante a primeira parte, mas na segunda deixou os algarvios criarem …

Uma simples mudança está a evitar a morte de um macaco em vias de extinção

Cientistas conseguiram dar uma tábua de salvação a uma espécie de macaco em risco de extinção, cujos espécimes são frequentemente atropelados por automóveis nas estradas de um parque nacional em Zanzibar. De acordo com a Lista …

Antigo rito sagrado "entre irmãos" pode ter sido, na verdade, o casamento homossexual

A adelfopoiese era uma cerimónia praticada historicamente na tradição cristã para unir duas pessoas do mesmo sexo - normalmente homens - num relacionamento reconhecido pela igreja, análogo ao irmão. Segundo documentos históricos, com 20 anos, Simeão …

Talin fechou uma estrada para que sapos e rãs possam atravessar em segurança

A capital da Estónia fechou uma estrada movimentada, durante as noites do mês de abril, para garantir que milhares de sapos e rãs conseguem atravessar em segurança para o local onde se vão reproduzir. Geralmente, são …

Organizador do White Lives Matter está a formar um novo grupo fascista (que quer uma guerra racial)

Organizador do White Lives Matter está a formar um novo grupo fascista, que procura agradar à opinião pública e quer ver uma guerra racial nos Estados Unidos. O organizador do abortado comício White Lives Matter, em …

Bezos nega que funcionários sejam vistos como "robôs". Mas Amazon deve tratá-los "melhor"

O ainda presidente executivo da Amazon, Jeff Bezos, enviou uma última carta aos acionistas da empresa, negando que os funcionários sejam "tratados como robôs", conforme alegaram alguns trabalhadores e críticos da empresa. Segundo Bezos - que …

A imponência do Titanic pode ter acelerado o fim da sua história

Com quase 269 metros de comprimento, o tamanho do Titanic - considerado o maior navio do mundo em 1912 - pode mesmo ter acelerado o fim da sua história. O Titanic media quase 269 metros de …