Encontrado o “elo perdido” dos buracos negros (mesmo no meio da Via Láctea)

Hubble / ESA / NASA

A emissão de gás detectada parece uma versão em menor escala do buraco negro supermassivo no centro da nossa galáxia

Perto do coração da Via Láctea há evidências da existência de um buraco negro escondido em uma nuvem molecular de gás, com uma massa 100 mil vezes maior do que o Sol – o que o torna algo nunca visto: um buraco negro “médio”.

Até agora, apenas tinham sido encontrados buracos negros “normais” ou “supermassivos”. O “elo perdido” dos buracos negros foi finalmente encontrado, e estava “escondido” numa nuvem de poeira galáctica no meio da Via Láctea.

Segundo um estudo da Universidade de Keio, no Japão, publicado esta segunda-feira na Nature Astronomy, este pode ser o primeiro buraco negro de massa intermédia alguma vez localizado pelos astrónomos, e talvez possa proporcionar informações importantes sobre como poderão ter sido criados os buracos negros supermassivos.

Os cientistas sabem que há gigantescos buracos negros, com massas que chegam a ser de 10 mil milhões de vezes maior que a do Sol, mesmo no centro das galáxias – entre as quais, a nossa Via Láctea.

Mas ninguém sabe como é que conseguem tal quantidade de massa, especialmente quando parece que estes buracos negros existem desde que o universo era relativamente jovem – apenas algumas centenas de milhões de anos.

De acordo com o estudo agora divulgado, esse enigma poderia ser resolvido se existissem buracos negros de poucas centenas de milhares de massas solares – que fossem uma espécie de “sementes” para os seus “irmãos mais velhos”, com massa muito maior.

No entanto, até agora esse tipo de buraco negro de massa intermédia não tinha sido detectado, e havia “poucos candidatos convincentes” a serem incluídos nessa categoria.

O professor Tomoharu Oka, da Universidade Keio, Japão, e a sua equipa usaram o sistema ALMA, Atacama Large Millimeter/Submillimeter Array, composto por 66 radiotelescópios situados no deserto do Atacama, no Chile, para observar uma nuvem de gás molecular a 195 anos-luz do centro da Via Láctea.

Com a ajuda de simulações computorizadas, a equipa de cientistas japoneses pode concluir que a cinemática do gás nessa nuvem só poderia ser explicada pela presença de um buraco negro de massa intermédia escondido no seu interior.

Além disso, descobriram os astrónomos, a emissão de gás da nuvem assemelha-se a uma versão em menor escala da do buraco negro supermassivo estático do centro da nossa galáxia  – o “nosso” buraco negro.

Os investigadores irão agora focar-se em acompanhar a evolução das emissões detectadas confirmar a sua natureza – e usar a mesma técnica para descobrir outros buracos negros de massa intermédia, que possam ajudar-nos a perceber como se formam afinal os gigantescos buracos negros supermassivos que pululam pelo Universo…

// EFE

PARTILHAR

RESPONDER

A tinta mais branca do mundo ajuda a poupar energia nas casas - e pode eliminar de vez o ar condicionado

Uma equipa de investigadores da Universidade de Purdue desenvolveu uma tinta tão branca que revestir um prédio com ela pode reduzir, ou até mesmo eliminar, a necessidade de ter ar condicionado. Depois de testar mais de …

Costa promete "lição exemplar" à Galp depois de "tanto disparate" em Matosinhos

O secretário-geral do PS, António Costa, considerou hoje que “era difícil imaginar tanto disparate, tanta asneira, tanta insensibilidade” como a Galp demonstrou no encerramento da refinaria de Matosinhos, prometendo uma “lição exemplar” à empresa. Falando em …

Porto 5-0 Moreirense | Días, Taremi e Fábio, o trio maravilha

O Porto foi o primeiro dos “grandes” a entrar em campo e deu o mote, e que mote. Os “dragões” receberam o Moreirense e golearam sem apelo nem agravo, por 5-0, graças a uma segunda …

Ronaldo volta a marcar pelo United em jogo com final frenético

O português Cristiano Ronaldo voltou hoje a marcar pelo Manchester United, mas foram Lingaard e David de Gea que ‘brilharam’ na vitória sobre o West Ham, por 2-1, em jogo da quinta jornada da Liga …

O Cumbre Vieja, num dos complexos vulcânicos mais ativos nas Canárias, entrou em erupção

O vulcão Cumbre Vieja, na ilha espanhola de La Palma, entrou hoje em erupção na zona de Las Manchas, depois de mais de uma semana em que foram registados milhares de sismos na região. Na zona, …

Portugal regista 677 novos casos de covid-19 e cinco mortes

Portugal registou, este domingo, 677 novos casos e cinco mortes na sequência da infeção por covid-19, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde, Portugal …

Estudo mostra como diferentes espécies de polvos coexistem no mesmo ambiente

Existem mais de 300 espécies de polvos a viver em diversos habitats que abrangem recifes de coral, leitos de ervas marinhas, planícies de areia e regiões de gelo polar. Mas de que forma cefalópodes tão …

As máquinas estão "muito longe" de serem mais inteligentes (mas muito perto de agir como pessoas)

A especialista em inteligência artificial Daniela Braga considera que as máquinas estão "muito longe" de substituírem totalmente os humanos ou serem mais inteligentes, mas estão "muito perto" de interagirem como as pessoas. "Acho que estamos muito …

Secreto e lucrativo, o mercado de venda de "fezes de cachalote" pode também ser violento

O âmbar cinza é altamente raro, mas também altamente valioso. Usada na indústria dos perfumes, o mercado deste material pode ser muito perigoso. Deixa na pele uma resina oleosa e tem um cheiro a tabaco, madeira, …

Empresa norueguesa garante que pode "parar" furacões antes que estes se tornam destrutivos

Especialistas ambientais advertem que o sistema de "cortina de bolhas" proposto pela empresa pode provocar efeitos indesejados. A OceanTherm, uma startup norueguesa, assegura que a sua nova tecnologia pode evitar que as tempestades tropicais se tornem …