Encontrado nos EUA um peixe que respira fora de água

O Departamento de Recursos Naturais do estado da Geórgia dos EUA anunciou que, pela primeira vez, um Channidae, uma espécie não nativa de peixe que já invadiu com sucesso outros 14 estados, foi vista nas águas da Geórgia pela primeira vez.

O peixe é uma espécie famosa invasora nos EUA e é um predador particularmente prejudicial para as espécies nativas porque pode competir com elas e superá-las. Pode crescer até mais de um metro e as fêmeas podem depositar até 100 mil ovos num ano em vários eventos de desova.

A característica mais marcante é que é um respirador de ar facultativo – pode respirar ar subaquático e regular – para que possa sobreviver em terra durante vários dias, o que também pode contribuir para o seu sucesso.

Em 2002, desencadeou um debate nacional sobre como lidar com espécies não-nativas assumindo o controlo após o infame incidente com estes peixes em Crofton, Maryland. Depois de terem sido encontrados seis peixes adultos em duas lagoas, ambas foram libertadas com pesticidas e todos os peixes – e mais de 1.000 jovens – foram destruídos.

De acordo com o IFLScience, este incidente, por sua vez, inspirou pelo menos filmes de monstros: Snakehead Terror, Frankenfish, Swarm of the Snakehead e o Fishzilla: Snakehead Invasion.

O animal foi relatado pela primeira vez na Geórgia após dois jovens terem sido encontrados num lago localizado em propriedade privada no país de Gwinnett, não muito longe de Atlanta. Foi um pescador que reportou os animais à Divisão de Recursos Naturais do Departamento de Recursos Naturais.

“A nossa primeira linha de defesa na luta contra espécies invasoras aquáticas são os nossos pescadores”, disse Matt Thomas, chefe de pesca da Divisão de Recursos da Vida Selvagem, em comunicado. “Graças ao rápido relato de um pescador, a nossa equipa conseguiu investigar e confirmar a presença dessa espécie neste corpo d’água. Agora estamos a tomar medidas para determinar se se espalharam a partir desse corpo d’água e, esperançosamente, impedir que se espalhe para outras águas da Geórgia”.

Em comunicado, o departamento pede às pessoas, especialmente aos pescadores, que aprendam a reconhecer os peixes de água doce. O conselho é, de acordo com o comunicado: “Mate-o imediatamente e congele-o”. Em seguida, é necessário anotar onde foi encontrado e alertar as autoridades. É ilegal importar, vender, transferir e possuir esta espécie sem uma licença válida para animais selvagens.

Estes peixes são nativas de partes da Ásia, como Rússia, China e Península Coreana. O animal espalhou-se para os Estados Unidos através de libertação não autorizada e os cientistas relataram a presença de populações reprodutivas na Florida, Hawai, Virgínia e Nova York. O peixe prefere água estagnada como lagoas e é principalmente devorador de peixes, mas também pode comer anfíbios, crustáceos e outros invertebrados.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Espanha vai rastear mais de 40 milhões de telemóveis para enfrentar pandemia

Mais de 40 milhões de telemóveis vão ser rastreados em Espanha num estudo de mobilidade anónima que permitirá conhecer os movimentos da população entre territórios e contribuir para tomar decisões para enfrentar a pandemia causada …

Assistência a filho paga a 100% deixa de fora funcionários públicos inscritos na CGA

O pagamento a 100% do subsídio de assistência a filho que entrou em vigor este mês não abrange os funcionários públicos inscritos na Caixa Geral de Aposentações (CGA), revelou fonte oficial do Ministério da Administração …

Câmara do Porto quer isentar rendas de 257 estabelecimentos até junho

A Câmara do Porto vai propor a isenção total das rendas de 257 estabelecimentos situados em prédios municipais, no período de 18 de março a 30 de junho, no valor global de cerca de 112 …

Deslocações na Páscoa limitadas ao concelho de residência

O Governo vai limitar as deslocações dos portugueses durante o período de Páscoa aos concelhos de residência de permanência. De acordo com o Jornal de Notícias, que avança a notícia esta quinta-feira, entre a sexta-feira Santa …

"Dos mais novos no mundo a morrer." Bebé de seis semanas morre de covid-19 nos EUA

Morreu, nos Estados Unidos, um bebé de seis semanas, que estava hospitalizado desde o fim de semana, na sequência de uma infeção provocada pela covid-19. Um bebé de seis semanas, que estava hospitalizado desde o fim …

Reyes seguia a 187 km/h quando sofreu acidente mortal

O futebolista José Antonio Reyes conduzia a 187 km/h quando rebentou um pneu do carro, provocando o acidente que causou a morte ao antigo jogador do Benfica, indica o relatório pericial da Guarda Civil. A investigação …

OMS está "muito preocupada com o rápido aumento da infeção"

A OMS mostra-se preocupada com a evolução do número de infetados pelo novo coronavírus e pede o perdão da dívida para os países mais vulneráveis. O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS) diz estar muito …

Cerco sanitário prolongado em Ovar. "Situação ainda não está controlada"

A Direção-Geral de Saúde decidiu prolongar a cerca sanitária no concelho de Ovar por mais 15 dias, avança o Jornal de Notícias esta quinta-feira. De acordo com o matutino, as autoridades de saúde vão permitir …

Liga belga propõe fim do campeonato e o Club Brugge campeão

A Liga de futebol da Bélgica recomendou esta quinta-feira que se dê por terminada a época 2019/20 do campeonato e a “aceitação da classificação atual” que faz do Clube Brugge campeão, devido ao novo coronavírus …

Pico da pandemia pode ser tardio. "Só saberemos quando começarmos a descer"

A diretora-geral da Saúde disse que ainda não é possível saber quando é que será o pico da covid-19 em Portugal, alertando que este pode ser tardio, uma vez que uma progressão mais lenta da …