Encontrada força inesperada no vácuo que prova que o “nada” não existe

Cientistas da Universidade do Novo México descobriram uma força nova que atua sobre nano-partículas no vácuo, permitindo que sejam empurradas pelo “nada”.

Por outras palavras, parece que a física quântica revelou que o “nada”, como gostamos de lhe chamar, não existe. E até o vazio está cheio de pequenas flutuações eletromagnéticas.

Uma das primeiras coisas que aprendemos na física clássica é que num vácuo perfeito – uma zona desprovida de matéria – o atrito não pode existir, porque o espaço vazio não pode exercer uma força sobre os objetos que viajam através dele.

Mas, nos últimos anos, os físicos mostraram que os vácuos estão preenchidos por pequenas flutuações eletromagnéticas que podem interferir com a atividade dos fotões e produzir uma força mensurável sobre os objetos.

Isto é chamado de Efeito Casimir, descoberto em 1948. Agora, o novo estudo mostrou que este efeito é ainda mais poderoso do que imaginávamos. O Efeito Casimir só pode ser medido na escala quântica, mas também influencia o que observamos.

“Esses estudos são importantes porque estamos a desenvolver nanotecnologias com distâncias e tamanhos tão pequenos que este tipo de forças pode dominar tudo”, disse o cientista Alejandro Manjavacas, da Universidade do Novo México, nos EUA.

“Sabemos que as forças de Casimir existem, por isso estamos a tentar descobrir o impacto global que têm sobre partículas muito pequenas”.

Para descobrir isso, a equipa observou nano-partículas que estavam a girar perto de uma superfície plana no vácuo e descobriu que o Efeito Casimir pode realmente empurrar essas nano-partículas, mesmo que não estejam a tocar na superfície.

Por exemplo, uma pequena esfera que esteja a girar sobre uma superfície está constantemente a ser bombardeada com fotões. Enquanto os fotões retardam a rotação da esfera, também fazem com que se mova numa direção lateral.

(dr) University of New Mexico

-

No mundo da física clássica, seria necessária uma fricção entre a esfera e a superfície para conseguir esse movimento lateral, mas o mundo quântico não segue os mesmos princípios.

“A nano-partícula experimenta uma força lateral como se estivesse em contacto com a superfície, mesmo que não esteja. É uma reação estranha, mas que pode ter um impacto significativo para os especialistas”, explica Manjavacas.

A descoberta, publicada na revista científica Physical Review Letters, pode desempenhar um papel importante no desenvolvimento de tecnologias cada vez menores e na criação de computadores quânticos.

Curiosamente, os cientistas conseguiram controlar a direção da força mudando a distância entre a partícula e a superfície, algo que pode ser útil para os especialistas que estão procuram maneiras eficazes de manipular a matéria em nano-escala.

Os resultados do estudo ainda têm de ser verificados por outras equipas de investigação, mas o facto de terem sido descobertas provas de uma intrigante nova força que pode ser usada para direcionar nano-partículas dentro do “nada” é bastante emocionante.

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Isto já se sabe há tanto tempo e melhor do que eles julgam saber…coitadinhos…A ciência convencional teima em não reconhecer estudos brilhantes que já existem há muitíssimo tempo, só para não deixar a ciência de Einstein para trás , que, note-se, não foi nem será o único génio que existiu à face da Terra!
    Dr. Harold Aspden, sobre o “Aether”, essa coisa das esferas que falam ai no artigo está tão incompleto!… “para quem se interessar, todas as obras do senhor estão na net haroldaspden.com, disponíveis GRÁTIS, a sua esposa não quis que o seu brilhante e extenso trabalho ficasse esquecido.

    • Quando algum desses sabichões usar tão avançados conhecimentos para curar pessoas ou de qualquer outra forma melhorar as suas vidas, por favor avise-me. Até lá, não passa de charlatanice.

    • Por “ciência convencional” presumo que se refira àquela que cura pessoas, constrói coisas e basicamente permite que esteja vivo e possa ler esta notícia no seu aparelho eletrólito…

  2. Por favor não apresentem estas enornes e evidentes falsidades pseudocientificas como se fossem resultado de conhecimento cientifico e menos ainda descobertas cientificas.
    Isto é o contrário de ciência.
    Na época de 60 já os manuais escolares descreviam os efeitos cinéticos da radiação e lembro-me de no liceu Salvado Correia nos Laboratórios de trabalhos práticos se demonstrar esses efeitos!
    Depois as forças conhecidas sempre se soube acturem no vazio!
    E a partir da demonstração da fórmula que relaciona a matéria com a energia E = M x C*2 precisamente pelo Einstein esse sim cientjsta de primrira grandeza, ficamos a saber que a matéria se converte em energia e vice versa.
    É patético o que alguns pseudo iluminados dizem que torna evidente a sua impreparação e falta de conhecimento de ciencias legitimas!

  3. Considera-se que existe vácuo quando há ausência de matéria. É claro que numa zona onde exista vácuo podem existir campos magnéticos, campos eléctricos, campos gravíticos e outras formas de energia. No artigo é dito que “(…) uma força nova que atua sobre nano-partículas no vácuo”. Se temos um vácuo absoluto como existem lá nano-partículas? Se existem nano-partículas, basta que tenham carga eléctrica para serem influenciadas por um campo electromagnético. Mesmo não tendo carga eléctrica, serão sempre influenciadas pelo campo gravítico! Não consigo encontrar relevância neste artigo.

RESPONDER

Tribunal Superior Eleitoral do Brasil abre investigação à campanha de Bolsonaro

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) do Brasil aceitou uma ação proposta pelo Partido dos Trabalhadores (PT) contra a candidatura de Jair Bolsonaro para investigar um suposto esquema ilícito de distribuição em massa de mensagens através …

Arábia confirma morte de Khashoggi no consulado. Foi durante "uma luta"

A Arábia Saudita reconheceu esta sexta-feira que o jornalista saudita Jamal Khashoggi foi morto no seu consulado em Istambul, na Turquia, durante uma luta, referindo que 18 sauditas estão detidos como suspeitos. "Investigações preliminares realizadas pelo …

Marido da nova ministra da Saúde renuncia a cargo que tinha no setor

O presidente do Conselho Nacional de Saúde, Jorge Simões, renunciou ao cargo invocando “motivos pessoais”, disse esta sexta-feira à agência Lusa fonte oficial do Ministério da Saúde. Numa resposta à Lusa, o gabinete da ministra da …

Ministério da Justiça tem “absoluta confiança” no sorteio da Operação Marquês

A Secretária de Estado da Justiça, Helena Mesquita Ribeiro, disse nesta sexta-feira que o Ministério tem "absoluta confiança" no sorteio de distribuição de processos aos juízes, reconhecendo, contudo, que é necessário averiguar as suspeições lançadas …

Fatura da eletricidade e do gás terá redução inferior a 2 euros

A redução do IVA na eletricidade e no gás natural prevista na proposta de Orçamento do Estado para 2019 deverá resultar numa diminuição da fatura mensal para as famílias inferior a dois euros, avançou hoje …

Cidade chinesa planeia criar uma lua artificial

As autoridades municipais de Chengdu, capital da província chinesa de Sichuan, anunciaram planos para a construção de uma lua artificial em 2020. Com um "brilho crepuscular", a nova lua iria iluminar a cidade num diâmetro …

Mineral ultra-raro descoberto em antiga cratera de meteorito na Austrália

Um mineral ultra-raro que apenas se forma quando rochas espaciais atingem a crosta terrestre com uma enorme pressão foi encontrado na Austrália. Até ao momento, só foram encontrados seis exemplares deste mineral, conhecido como reidite, …

Assange processa Equador por "violação de direitos fundamentais"

O co-fundador do WikiLeaks, Julian Assange, exilado na embaixada do Equador em Londres desde 2012, lançou esta sexta-feira uma ação legal contra o governo de Quito, alegando violação dos respetivos direitos fundamentais. Assange “acusa o governo …

O fóssil humano mais antigo da América foi encontrado nos escombros do Museu Nacional do Brasil

O crânio de Luzia, o fóssil humano mais antigo das Américas, foi encontrado por investigadores nos escombros do Museu Nacional do Brasil, que foi assolado por um enorme incêndio no passado mês de setembro. O fóssil …

Nascer no código postal certo (e ter uma boa mercearia) aumenta a esperança de vida

Segundo um estudo sobre a esperança de vida nos EUA, o local de nascimento importa. Se uma pessoa nascer no Mississipi, provavelmente não chegará aos 75 anos. Por outro lado, um natural de Nova Iorque …