Embaixada da Rússia afirma que bombardeiros interceptados cumpriram direito internacional

Dmitriy Pichugin / Wikimedia

Caças Micoyan&Gurevich MiG-31 da Força Aérea da Rússia

A embaixada da Rússia em Portugal afirmou hoje que os aviões russos intercetados por caças portugueses ao serviço da NATO cumpriram o Direito Internacional e não estavam, como foi erradamente noticiado de início, em espaço aéreo português.

“Aviões russos, cumprindo as normas do Direito Internacional, realizaram voos em espaço aéreo sobre águas internacionais, não entrando de modo nenhum em espaços aéreos de outros Estados”, lê-se num comunicado enviado à agência Lusa.

Segundo a embaixada, “as normas do Direito Internacional não prevêem quaisquer restrições e não obrigam a dar pré-avisos acerca de voos de aviões no espaço aéreo sobre águas internacionais”.

O texto cita declarações feitas hoje pelo ministro da Defesa português, José Pedro Aguiar-Branco, – que sublinhou que a intercepção “não foi em espaço aéreo nacional” mas “em espaço aéreo sob jurisdição nacional” – para afirmar que “a informação dos ‘media’ portugueses sobre a alegada violação do espaço aéreo português pelos aviões russos não corresponde à verdade”.

Na quinta-feira, dois caças F-16 portugueses interceptaram, identificaram e escoltaram dois aviões militares russos em espaço aéreo internacional sob responsabilidade de Portugal.

Segundo o Estado-Maior General das Forças Armadas (EMGFA), foram “detectadas duas aeronaves não identificadas em espaço aéreo de responsabilidade portuguesa” e ” accionados os meios de alerta previstos neste tipo de situações no quadro da NATO, tendo dois caças F-16 portugueses identificado duas aeronaves militares russas, que encaminharam para fora do espaço aéreo de responsabilidade nacional”.

Segundo o ministro da Defesa português, os aviões militares russos “não estavam a fazer a sua circulação nas condições necessárias em termos de tráfego aéreo internacional” e o comando da NATO “solicitou a intervenção dos F-16” que “estão sempre em prontidão na Base de Monte Real”, o que “significa que o sistema funcionou na normalidade”.

Aguiar-Branco, que falava à imprensa à margem de uma visita à Colômbia, sublinhou que a intercepção “não foi em espaço aéreo nacional”, mas sim “em espaço aéreo sob jurisdição nacional”.

Segundo um comunicado da NATO divulgado na quarta-feira, quatro grupos de aviões militares russos que nos últimos dois dias “realizaram manobras militares significativas” em espaço aéreo europeu foram interceptados por aviões aliados.

Os aparelhos russos, que incluíam bombardeiros estratégicos, caças e aviões-cisterna, foram detectados sobre o Mar Báltico, Mar do Norte/Oceano Atlântico e Mar Negro.

Dmitry Terekhov / Flickr

Um avião de reabastecimento Ilyushin Il-78 reabastece um bombardeiro Tupolev Tu-160, escoltados por 4 caças Micoyan&Gurevich MiG-31

Um avião de reabastecimento Ilyushin Il-78 reabastece um bombardeiro Tupolev Tu-160, escoltados por 4 caças Micoyan&Gurevich MiG-31

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Bloco apoia travão ao desconfinamento na região de Lisboa

O Bloco de Esquerda apoiou o adiamento do levantamento de restrições impostas pela pandemia na região de Lisboa e Vale do Tejo, destacando que é importante aumentar a vigilância nas empresas de construção e trabalho …

Descoberto "cemitério" de mamutes nos arredores da Cidade do México

Investigadores descobriram um "cemitério" com cerca de 60 mamutes nos arredores da Cidade do México, avança o Instituto Nacional de Antropologia e História (INAH) do país. De acordo com o site Live Science, a descoberta aconteceu, …

David Luiz confirma rumores. Regresso "vai acontecer se o presidente permitir e os adeptos quiserem"

David Luiz confirmou este sábado os rumores que davam conta que o Benfica e o jogador estavam a negociar um eventual regresso do brasileiro à Luz. Em entrevista ao desportivo Record, David Luiz confirmou a …

Cães treinados para proteger animais selvagens salvam 45 rinocerontes

Há inúmeras razões que explicam o motivo pelo qual os cães são conhecidos como o melhor amigo do Homem. Além de leais e inteligentes, dão sempre o corpo às balas, mesmo nos piores momentos. Quarenta e …

Fez-se história. Foguetão da SpaceX lançado com sucesso rumo à EEI

O primeiro foguetão concebido e construído por uma empresa privada, a SpaceX, de Elon Musk, levando a bordo dois astronautas foi lançado este sábado na presença do Presidente do Estados Unidos, Donald Trump. O lançamento decorreu …

"A Rússia não permitirá a privatização da Lua", avisa Roscosmos

A Rússia não permitirá a privatização da Lua, independentemente de quem avance a iniciativa, avisou o chefe da agência espacial russa (Roscosmos), Dmitri Rogozin, em entrevista ao jornal Komsomólskaya Pravda. "Não permitiremos que ninguém privatize a …

Plataforma flutuante extrai energia das ondas, do vento e do Sol

A empresa alemã Sinn Power criou uma plataforma marítima flutuante capaz de gerar energia renovável a partir de ondas, vento e energia solar. A plataforma híbrida combina turbinas eólicas, painéis solares e coletores de energia das …

Balneários proibidos e 3 metros de distância. As regras da DGS para a prática de exercício físico

A Direção-Geral da Saúde (DGS) recomenda uma distância mínima de três metros entre pessoas que pratiquem exercício físico, no âmbito das medidas de prevenção da pandemia de covid-19. A orientação, intitulada “Procedimentos de Prevenção e Controlo …

Astronautas da NASA já se preparam para voo histórico a bordo do foguetão da Space X

Dois astronautas da NASA já estão a equipar-se para o lançamento histórico de um foguetão concebido e construído pela empresa SpaceX, de Elon Musk, apesar de as previsões meteorológicas indicarem mais tempestades. Com o voo já …

Há dez anos, Portugal adotou a lei que permitiu o casamento entre pessoas do mesmo sexo

Portugal adotou há 10 anos a lei que permitiu o casamento entre pessoas do mesmo sexo, após um debate fraturante que remeteu para mais tarde a adoção de crianças por estes casais, possível apenas desde …