/

Em protesto, bailarina russa dança o “Lago dos Cisnes” no gelo para salvar baía

1

A bailarina Ilmira Bagautdinova trocou um dos palcos mais prestigiados da Rússia pelas águas congeladas do Golfo da Finlândia num protesto contra um projeto de construção que, segundo os moradores, ameaça um habitat natural único.

Enfrentando temperaturas congelantes com as suas pontas e tutu branco, Ilmira Bagautdinova filmou-se a dançar nas águas geladas da baía de Batareinaya, após ler relatos de que havia planos para construir um silo para armazenamento de grãos naquele local.

De acordo com a agência Reuters, a dançarina do Teatro Mariinsky publicou o vídeo na Internet, adicionando música do “Lago dos Cisnes”, de Tchaikovsky, em homenagem aos cisnes que vivem na área, a cerca de 50 quilómetros a oeste de São Petersburgo.

“Este é um lugar natural e histórico único onde os cisnes fazem ninhos na primavera, onde as famílias com crianças passam férias no verão, onde centenas de pescadores saem para o gelo no inverno”, escreveu Ilmira Bagautdinova, numa publicação no Facebook. “Tudo isso está a ser ameaçado pela destruição.”

A bailarina pediu aos russos que assinem uma petição online dirigida ao presidente Vladimir Putin, a pedir que a baía seja deixada no seu estado natural. A petição já recebeu mais de 7.700 assinaturas.

Ilmira Bagautdinova e a sua família costumavam visitar as praias de areia da baía no verão e passear de trenó no inverno.

Foi meu grito de coração para salvar um lugar incrível que tem um significado especial para mim”, disse o jovem de 29 anos, em declarações à Reuters. “Seria ótimo se depois de dançar aqui, a construção parasse e pudéssemos salvar este lugar natural incrível. Mas não acho que seja assim tão fácil.”

A agência de notícias russa TASS informou no ano passado que a empresa Baltic Grain Terminal planeava começar a construir um terminal de 35 mil milhões de rublos (equivalente a 399 milhões de euros) na Baía de Batareinaya. A autoridade regional de Leningrado disse à Reuters que não emitiu nenhuma licença de construção para construir na área.

  Maria Campos, ZAP //

 

1 Comment

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE