Eis AlphaDog, a resposta da China para o cão-robô norte-americano Spot

A empresa de tecnologia Weilan, sediada em Nanjing, na China, desenvolveu o AlphaDog, um cão-robô que usa sensores e inteligência artificial (IA) para realizar uma série de aplicações, incluindo entrega de encomendas e orientação para deficientes visuais.

Embora o design da AlphaDog seja muito semelhante ao do robô Spot da Boston Dynamics – e ainda tenha o mesmo nome de um protótipo anterior da empresa norte-americana -, a máquina de quatro patas da empresa chinesa é voltada para o mercado comercial em vez de empresas

“É realmente muito semelhante a um cão real”, explicou Ma Jie, diretor de tecnologia da Weilan, em comunicado citado pelo TechXplore.

Os criadores do AlphaDog garantem que o robô, que se move a uma velocidade de quase 15 quilómetros por hora, é o robô mais rápido do mercado.

“Consegue prever o atrito e a altura do solo [para] ajustar a sua altura, ajustar a frequência de passada e adaptar-se ao ambiente”, disse Ma Jie.

Os criadores do AlphaDog estão a usar a tecnologia 5G para fazer o robô operar de forma autónoma. Ma, que estudou aprendizagem por reforço na Universidade de Oxford, no Reino Unido, explicou que usou o conhecimento adquirido durante os seus estudos para informar como o cão imita o comportamento de cães reais.

O AlphaDog, que já está à venda na China, vendeu mais de 1.800 unidades no primeiro mês, apesar de ter o custo bastante elevado de 16 mil yuans (equivalente a 2.016 euros).

“Os pedidos são principalmente de criadores de computador, geeks de tecnologia e também crianças, que realmente parecem gostar”, disse Ma.

Embora o AlphaDog não venha com o recurso, os programadores da Weilan esperam que eventualmente consiga ajudar a orientar pessoas com deficiências visuais.

“Ajudar os deficientes é uma direção de desenvolvimento importante para nós”, explicou Ma. “Quando o cão-robô tem a função de visão, audição e diálogo, consegue interagir facilmente com pessoas com deficiência e levá-las ao supermercado ou autocarro”.

Esta equipa não é a única a trabalhar com este objetivo. Uma equipa de investigadores da Universidade da Califórnia estão a trabalhar num cão-robô com GPS habilitado para laser para o mesmo propósito.

Weilan também tem um modelo de cão “corporativo” maior para inspeção industrial e manutenção de máquinas. No entanto, a empresa está aparentemente focada em diferenciar-se da concorrência, oferecendo um cão-robô disponível comercialmente.

Segundo a empresa, futuras atualizações de software vão incluir a habilidade do robô de latir e, eventualmente, uma função de voz humana para permitir conversas e comandos entre o robô e o seu dono.

Maria Campos, ZAP //

 

PARTILHAR

RESPONDER

Farmácias já estão a aceitar reservas de vacinas contra a gripe

Este ano, as farmácias portuguesas vão voltar a administrar gratuitamente a vacina contra a gripe a pessoas com mais de 65 anos. Para já, ainda não há data para o início da venda e imunização, mas …

Golo de Taremi foi bem anulado? Especialistas esclarecem decisão

Muitos contestam a anulação do golo de Taremi já perto do fim da partida. Especialistas em arbitragem defendem que a decisão foi bem tomada. Atlético de Madrid e FC Porto empataram a zero na primeira jornada …

Nova espécie massiva de há 500 milhões de anos descoberta no Canadá

Espécie terá sido uma gigante dos oceanos, amedrontando presas com a sua carapaça, situada na zona da cabeça, que cobria dois terços do seu corpo. Uma equipa de cientistas descobriu na última semana um fóssil de …

Porque morrem tantos americanos?

Nos últimos 30 anos a esperança média de vida nos Estados Unidos da América não acompanhou as melhorias verificadas na Europa. "A América tem um problema relacionado com a morte". Assim começa uma análise, em espécie …

Já há turmas inteiras em casa devido a casos positivos de covid-19

As aulas da maioria das escolas arrancaram esta semana e já há turmas inteiras em casa, devido a casos positivos de covid-19. Tema será discutido na reunião do Infarmed, que acontece esta quinta-feira. Com o início …

Novo estudo indica que comer em excesso não é a principal causa da obesidade

A obesidade afeta grande parte da população e já é considerada umas das maiores epidemias do século XXI. Contudo, a ideia de quanto mais se come, mais propenso se está a ganhar peso pode ser …

Jogador do Santos foi ameaçado e perseguido (e filmou)

Saída da Taça do Brasil originou protestos e cenas de vandalismo. A última vitória do Santos foi no dia 13 de Agosto. O Santos não vive uma fase positiva. 13.º classificado no Brasileirão, foi afastado da …

Esta tarde, discute-se a "ampla abertura". Máscaras em espaços fechados são para manter

As restrições impostas na sequência do combate à pandemia de covid-19 deverão deixar de ser obrigatórias a partir do final do mês. Esta tarde, na reunião do Infarmed, os peritos vão propor a libertação. Esta quinta-feira, …

Eletricidade vai ficar mais cara a partir de outubro

A fatura da eletricidade vai voltar a subir 3% no dia 1 de outubro, depois de ter subido outros 3% a 1 de julho. O preço da eletricidade vai voltar a aumentar, a partir de 1 …

As vacas podem aprender a ir à casa de banho - e assim ajudar a salvar o Planeta

Os excrementos largados pelas vacas podem ser bastante prejudiciais para o Planeta, mas esta situação pode ser controlada se estes animais aprenderem a usar algo inesperado para a espécie de quatro patas - uma casa …