Descoberto no Egipto um túmulo colorido que está a intrigar os arqueólogos

O Ministério das Antiguidades do Egipto anunciou a descoberta de um túmulo de 4 mil anos, com cores e inscrições extraordinariamente bem preservadas, que está a surpreender os arqueólogos e que pode trazer novas revelações sobre a história egípcia.

A descoberta arqueológica foi feita no mês passado, em Saqqara, no Egipto, mas só foi anunciada pelo Ministério das Antiguidades do país neste fim-de-semana.

O túmulo de 4 mil anos é a última morada de um Alto Funcionário da Quinta Dinastia do Egipto identificado como Khuwy e encontra-se enfeitado com pinturas e inscrições coloridas que se encontram num estado de óptima preservação.

Localizado localizado perto da pirâmide do Faraó Djedkare Isesi, que reinou desde o fim do Século 25 até ao início do Século 24 Antes de Cristo, o túmulo está a intrigar os arqueólogos dado a sua estrutura incomum. A sua entrada presenta características que são, habitualmente, associadas apenas às Pirâmides reais.

Além disso, “as notavelmente bem preservadas cores nas inscrições são consideradas cores reais”, como aponta o Ministério das Antiguidades num vídeo oficial divulgado nas redes sociais.

“O túmulo de Khuwy em forma de L começa com um pequeno corredor em direcção a uma antecâmara e de lá surge uma câmara maior, com relevos pintados representando o dono do túmulo sentado a uma mesa de oferendas”, explica o arqueólogo que liderou as escavações, Mohamed Megahed, em declarações à imprensa egípcia.

Todos os recantos do túmulo estão cobertos de marcas que os arqueólogos estão ainda a analisar.

O Ministro das Antiguidades do Egipto, Khaled al-Enani, visitou o túmulo no passado fim-de-semana, acompanhado por 52 embaixadores estrangeiros, por diplomatas culturais e pela actriz Yosra que é muito famosa no país, numa verdadeira operação de marketing que visa ajudar a revitalizar o turismo local.

Neste momento, os arqueólogos têm mais dúvidas do que certezas quanto ao homem que teve no túmulo o seu “descanso eterno”, designadamente quanto à posição e à influência que teve no reinado de Djedkare Isesi.

Há quem sugira que Khuwy poderia ter ligações familiares com o Faraó. Mas também há quem note que as características reais do túmulo podem, simplesmente, resultar da intenção de marcar uma posição política, no âmbito das “reformas do Faraó da administração do Estado e dos cultos funerários”, como explica o Ministério das Antiguidades.

Djedkare Isesi, que reinou durante 40 anos, ficou conhecido pela implementação de reformas radicais que influenciaram de forma determinante a cultura egípcia, abrindo caminho a novos costumes no Antigo Egipto. O túmulo de Khuwy pode ajudar a perceber melhor essas reformas e a forma como terão sido postas em prática.

SV, ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

    • Não. Era tudo colorido, tanto no Egito, como na Grécia e em Roma. As cores foram destruídas pelo tempo.

      • Pois mas aqui é no Egipto onde as cores perduraram ao longo dos séculos, nesse tal Egito possivelmente o país tal como o que lá existe será mais ou menos como os artigos da loja dos chineses.

  1. As TVs eram em preto e branco, o mundo desde sua criação sempre foi colorido até às pinturas rupestres nas cavernas tem cores.

  2. Pois mas aqui é no Egipto onde as cores perduraram ao longo dos séculos, nesse tal Egito possivelmente o país tal como o que lá existe será mais ou menos como os artigos da loja dos chineses.

RESPONDER

Depois do "selo Brexit", os correios da Áustria emitem o "selo corona" impresso em papel higiénico

O serviço postal da Áustria uniu dois pontos da pandemia do novo coronavírus ao criar um selo impresso em papel higiénico que, segundo os correios, as pessoas também podem, a qualquer momento, usar para ajudar …

A Moog celebra os 100 anos do Theremin com um novo instrumento: o Claravox Centennial

Este ano marca o 100º aniversário do Theremin - um dos primeiros instrumentos musicais completamente eletrónicos, controlado sem qualquer contacto físico pelo músico. Para celebrar vai ser lançado o Claravox Centennial. Foi em 1920 que Leon Theremin, …

Depósito inexplorado na Sibéria tem uma das maiores reservas de ouro do mundo

O maior produtor de ouro da Rússia, PJSC Polyus, anunciou esta semana que o seu depósito inexplorado em Sukhoi Log, na região siberiana de Irkutsk, possui uma das maiores reservas mundiais deste metal preciosos. De …

Os novos iPhones não trazem carregador. Apple poupa muito nos custos, mas não no ambiente

A Apple decidiu vender os seus novos iPhones sem carregador ou auscultadores, alegando que a alteração tem em conta o ambiente, uma vez que serão utilizados menos produtos na embalagem dos telemóveis, mas os especialistas …

Caça ao tesouro secular. Lendária ilha pode esconder Santo Graal, manuscritos de Shakespeare e jóias reais

Perto da Nova Escócia, no Canadá, há uma lendária ilha com misteriosos túneis e estranho artefactos. Há quem acredite que esconde o Santo Graal, os manuscritos de Shakespeare e um tesouro de um capitão. Porém, …

Aprender "baleiês" pode evitar choque de navios com o animal

Uma equipa de cientistas da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, tem uma nova ideia para salvar as baleias-azuis em migração das colisões com navios. Durante a época de migração das baleias-azuis, os animais enfrentam sérios …

Afinal, os carros elétricos não são a melhor resposta para combater as alterações climáticas

Os carros elétricos, surgem como alternativas mais sustentáveis aos veículos a gasolina ou gasóleo, podem não ser a melhor forma de combater as alterações climáticas no âmbito dos transportes, de acordo com um novo estudo. …

Seria Jesus um mágico? Há arte romana que parece sugerir que sim

Em alguma arte antiga, Jesus é retratado a fazer milagres com algo na mão que parece ser uma varinha. Investigadores sugerem que se trata de um cajado, que era usado como símbolo de poder. Segundo a …

Nem todos os clubes estão a afundar – alguns estão a prosperar durante a pandemia

Nem todos os clubes estão a sofrer às mãos desta pandemia de covid-19. Alguns deles têm conseguido bons resultados financeiros apesar da crise. A covid-19 provou ser um adversário devastador para o desporto profissional em todo …

Kibus: o aparelho que vai revolucionar a forma como os nossos cães se alimentam

Ter cães como melhores amigos pode ser muito benéfico, mas também traz a sua dose de trabalho e responsabilidades. Levar ao veterinário, dar banho, levar a passear, brincar, dar de comer... No fundo é como …