Descoberto no Egipto um túmulo colorido que está a intrigar os arqueólogos

O Ministério das Antiguidades do Egipto anunciou a descoberta de um túmulo de 4 mil anos, com cores e inscrições extraordinariamente bem preservadas, que está a surpreender os arqueólogos e que pode trazer novas revelações sobre a história egípcia.

A descoberta arqueológica foi feita no mês passado, em Saqqara, no Egipto, mas só foi anunciada pelo Ministério das Antiguidades do país neste fim-de-semana.

O túmulo de 4 mil anos é a última morada de um Alto Funcionário da Quinta Dinastia do Egipto identificado como Khuwy e encontra-se enfeitado com pinturas e inscrições coloridas que se encontram num estado de óptima preservação.

Localizado localizado perto da pirâmide do Faraó Djedkare Isesi, que reinou desde o fim do Século 25 até ao início do Século 24 Antes de Cristo, o túmulo está a intrigar os arqueólogos dado a sua estrutura incomum. A sua entrada presenta características que são, habitualmente, associadas apenas às Pirâmides reais.

Além disso, “as notavelmente bem preservadas cores nas inscrições são consideradas cores reais”, como aponta o Ministério das Antiguidades num vídeo oficial divulgado nas redes sociais.

“O túmulo de Khuwy em forma de L começa com um pequeno corredor em direcção a uma antecâmara e de lá surge uma câmara maior, com relevos pintados representando o dono do túmulo sentado a uma mesa de oferendas”, explica o arqueólogo que liderou as escavações, Mohamed Megahed, em declarações à imprensa egípcia.

Todos os recantos do túmulo estão cobertos de marcas que os arqueólogos estão ainda a analisar.

O Ministro das Antiguidades do Egipto, Khaled al-Enani, visitou o túmulo no passado fim-de-semana, acompanhado por 52 embaixadores estrangeiros, por diplomatas culturais e pela actriz Yosra que é muito famosa no país, numa verdadeira operação de marketing que visa ajudar a revitalizar o turismo local.

Neste momento, os arqueólogos têm mais dúvidas do que certezas quanto ao homem que teve no túmulo o seu “descanso eterno”, designadamente quanto à posição e à influência que teve no reinado de Djedkare Isesi.

Há quem sugira que Khuwy poderia ter ligações familiares com o Faraó. Mas também há quem note que as características reais do túmulo podem, simplesmente, resultar da intenção de marcar uma posição política, no âmbito das “reformas do Faraó da administração do Estado e dos cultos funerários”, como explica o Ministério das Antiguidades.

Djedkare Isesi, que reinou durante 40 anos, ficou conhecido pela implementação de reformas radicais que influenciaram de forma determinante a cultura egípcia, abrindo caminho a novos costumes no Antigo Egipto. O túmulo de Khuwy pode ajudar a perceber melhor essas reformas e a forma como terão sido postas em prática.

Susana Valente SV, ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

    • Não. Era tudo colorido, tanto no Egito, como na Grécia e em Roma. As cores foram destruídas pelo tempo.

      • Pois mas aqui é no Egipto onde as cores perduraram ao longo dos séculos, nesse tal Egito possivelmente o país tal como o que lá existe será mais ou menos como os artigos da loja dos chineses.

  1. As TVs eram em preto e branco, o mundo desde sua criação sempre foi colorido até às pinturas rupestres nas cavernas tem cores.

  2. Pois mas aqui é no Egipto onde as cores perduraram ao longo dos séculos, nesse tal Egito possivelmente o país tal como o que lá existe será mais ou menos como os artigos da loja dos chineses.

RESPONDER

ROUGHIE. Planador subaquático observa silenciosamente os mares (sem perturbar a vida selvagem)

Os veículos subaquáticos autónomos tornaram-se ferramentas versáteis para explorar os mares. Porém, estas ferramentas podem ser prejudiciais para o meio ambiente ou ter problemas em movimentar-se em espaços confinados. Uma equipa de investigadores da Purdue University, …

Igreja cipriota pede que a música "demoníaca" da Eurovisão seja cancelada. Governo rejeita

El Diablo foi a canção escolhida para representar o Chipre no festival da Eurovisão, que terá lugar em Roterdão, em maio. A música cipriota da Eurovisão está a causar polémica. A Igreja Ortodoxa do Chipre pediu, …

Cientistas propõem que indústria da moda pague "royalties" pelo padrão leopardo

Cientistas de Oxford, no Reino Unido, propõem que a indústria da moda comece a pagar royalties pelo uso do padrão que imita a pele de leopardo, para tentar ajudar a reverter o declínio deste felino. "O …

André Ventura foi reeleito presidente do Chega com 97,3% (e deixou recados ao PSD)

André Ventura foi reeleito este sábado, com 97,3% dos votos nas eleições internas para a presidência do Chega. O presidente demissionário do Chega foi reeleito este sábado com 97,3% dos votos, percentagem que considerou legitimá-lo para …

Uma das maiores camas do céu. JetBlue revela a nova classe executiva do Airbus A321neo

Uma das maiores camas no céu deverá estrear dentro de alguns meses, quando a JetBlue começar a voar com os seus A321neo de Boston e Nova Iorque a Londres. No dia 26 de fevereiro, a norte-americana …

Putin diz que Internet pode destruir a sociedade se não for regida pela moral

 Internet pode destruir a sociedade a partir se não não for regida por valores e leis da moral, considerou Vladimir Putin. O Presidente da Rússia, Vladimir Putin, advertiu que a Internet pode destruir a sociedade a …

China torna-se o primeiro país do mundo a ter mais de mil multimilionários

A China tornou-se o primeiro país do mundo a ultrapassar a marca dos mil multimilionários, tendo neste momento um total de 1058 pessoas que têm a sorte de poder fazer parte desse grupo restrito. De acordo …

Gil Vicente 0-2 Porto | Vida fácil para o “dragão” em Barcelos

O FC Porto venceu o Gil Vicente em Barcelos, por 2-0. Pepe e Corona saíram ao intervalo com problemas físicos. O Porto foi a Barcelos conquistar três pontos de forma tranquila, perante um Gil Vicente que …

Na Índia, o comércio ilegal de burros está a crescer. A sua carne é considerada afrodisíaca

Viagra? Não, a população do estado de Andhra Pradesh, na Índia, tem um novo método para aumentar o desejo sexual: carne de burro. Esta crença está a fazer com que o comércio ilegal de carne …

Com as fronteiras fechadas, companhia aérea australiana lança "voos mistério"

A companhia aérea australiana Qantas anunciou “voos mistério”, nos quais os passageiros não fazem ideia para onde vão, numa tentativa de atrair mais clientes. As fronteiras internacionais da Austrália estão atualmente fechadas e parece improvável que …