Donald Trump confirma saída dos EUA do Acordo de Paris

O Presidente norte-americano, Donald Trump, confirmou hoje a saída dos Estados Unidos do Acordo de Paris relativo às alterações climáticas e que está preparado para negociar um novo tratado.

O Acordo de Paris “é um exemplo desvantajoso para os Estados Unidos“, disse o presidente norte-americano, Donald Trump, que considerou o tratado como sendo pouco exigente para com a China e a Índia.

Não vejo nada que se possa atravessar no nosso caminho” para relançar a economia norte-americana, disse Trump, que acrescentou estar pronto para negociar um novo acordo sobre o clima “em termos justos para os Estados Unidos”.

A comunicação de Donald Trump, nos jardins da Casa Branca, em Washington, estava marcada para as 20:00 (Lisboa), mas foi atrasada devido a um ataque a um hotel-casino em Manila, que provocou dezenas de feridos.

Em reação ao anúncio da saída dos Estados Unidos do Acordo de Paris, o ex-presidente norte-americano Barack Obama acusou Trump de “rejeitar o futuro”.

Em setembro de 2015, em Paris, representantes de 195 países, entre os quais os EUA, estiveram presentes na COP21, 21ª Conferência das Partes das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas, e aprovaram um acordo para combater as alterações climáticas.

O objetivo do acordo é reduzir as emissões de gases de efeito de estufa, principais responsáveis pelas mudanças do clima que levaram à ocorrência mais frequente de fenómenos extremos, como ondas de calor, secas ou cheias, e a elevação do nível do mar.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

26 COMENTÁRIOS

  1. Há legislação internacional para impor sanções comerciais a paises que não respeitem a convenção para conservação do ambiente. É só aplicar. Os USA não são mais que os outros.

    • Pois… “Os USA não são mais que os outros.” Pois… O pior é que são mesmo! Depois de acabar a super potência que os regrava (A União Soviética) não há quem os controle. Eles não invadiram o Iraque contra a vontade de quase todo o Mundo? Eles fazem o querem e nós nada podemos fazer. “sanções comerciais”… Isso é que era bom! Ai de quem o faça! É logo invadido!

    • Era bom era… Ele, para fazer a America grande outra vez (deve referir-se pela altura da Guerra Fria) atropela tudo e todos!… Até os americanos!

  2. A presidencia dos Estados Unidos nunca me despertou particular interesse. Nós cá e eles lá, desde que não chateiem. O pior é que esses abelhudos têm a mania que a razão da nossa existencia é para servir os interesses deles.

  3. Olha Madalena ! Se pensares em visitar os estados unidos, agora estás «frita» não te passam o visto. Vão cuscar a tua conta do Facebook e és escumungada. Eu, então não se fala, se me apanhassem lá, condenavam-me a uns oitenta anos de cadeira elétrica 🙂

    • Qual visto? Ir aos EUA é só submeter um formulário online, pagar a taxa, e tipicamente o pedido é aprovado imediatamente, e a aprovação é válida por 2 anos sem necessidade de novo pedido. Portugal faz parte do programa de isenção de vistos dos EUA (ESTA).

RESPONDER

"Não pôr o dedo no nariz". Livro medieval ensinava as regras de etiqueta às crianças do século XV

Um livro de boas maneiras do século XV, digitalizado recentemente pela Biblioteca Britânica, está cheio de regras de etiqueta que não são muito diferentes das de hoje. O manuscrito chama-se "The Lytille Childrenes Lytil Boke", as …

Abanca pagou menos de 250 milhões pelo EuroBic

O Abanca ofereceu menos de 250 milhões de euros por 95% do EuroBic, segundo avança o Jornal Económico, o que significa que o banco espanhol avaliou o EuroBic ligeiramente abaixo do múltiplo a que transaciona …

Alegado escritor-fantasma confessa que recebeu pagamentos de Sócrates

Domingos Farinho, alegado escritor-fantasma do livro de José Sócrates "A Confiança no Mundo", confessou que recebeu pagamentos do ex-primeiro-ministro através da RMF Consulting. No requerimento de abertura de instrução que apresentou em janeiro de 2020, o …

Os cavalos perdem quatro dedos no útero

Os cavalos têm apenas um dedo em cada pata, sendo os cascos o equivalente à falange dos nossos dedos médios. No entanto, os seus ancestrais tinham mais dedos em cada pata, variando entre três e …

"Década perdida". Novo Banco com prejuízos de 1.058,8 milhões em 2019

O presidente executivo do Novo Banco disse esta sexta-feira que os últimos dez anos foram uma "década perdida" para a empresa que começou por ser BES e passou em 2014 a Novo Banco, mas …

Estados Unidos assinam acordo de paz com os talibãs no Afeganistão

O presidente norte-americano, Donald Trump, pediu esta sexta-feira aos afegãos para "aproveitar a oportunidade de paz", ao abrigo do acordo de paz que os Estados Unidos vão assinar no sábado com os rebeldes talibãs. A …

Portugal poderá ter um milhão de infetados (e ser decretada quarentena obrigatória)

A diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, admite que poderá haver um milhão de portugueses infetados pelo Covid-19, 21.000 na semana mais crítica, assegurando que as autoridades de saúde estão a preparar-se para esta possibilidade. “Estamos a …

Descobertos na Sibéria vestígios do Evento de Tunguska, um dos maiores impactos na Terra

Um grupo de investigadores russos que investigam o fenómeno de Tunguska de 1908, o maior impacto terrestre registado na história moderna, descobriu camadas em sedimentos locais que podem conter substâncias de origem extraterrestre. A 30 de …

Exoplaneta gigante pode ter as condições ideais para abrigar vida

Uma equipa de cientistas da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, descobriu que o enorme exoplaneta K2-18b - tem duas vezes o tamanho da Terra - pode reunir as condições ideais para abrigar vida. Depois de …

A Terra pode ter uma nova (e temporária) mini-lua

A Terra pode ter um novo vizinho, ainda que temporário. Astrónomos do Catalina Sky Survey, programa financiado pela NASA, acreditam ter identificado um asteróide que ficou preso na gravidade da Terra - pode ser a …