/

Diretor da cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos demitido por piadas sobre o Holocausto

Um dos diretores artísticos da Cerimónia de Abertura dos Jogos Olímpicos Tóquio 2020 foi demitido esta quinta-feira, a um dia do evento, por piadas antissemitas num espetáculo nos anos 90.

Kentaro Kobayashi, humorista e encenador, foi demitido do cargo depois de terem sido trazidos à luz comentários que agora considera “inapropriados”, confirmou a presidente dos Jogos Olímpicos, Seiko Hashimoto, em conferência de imprensa.

O novo escândalo em torno dos Jogos chega a um dia da própria cerimónia, seguindo-se a vários protestos contra o envolvimento do comediante, de 48 anos, que já pediu desculpa pelos comentários feitos “quando era jovem”.

Segundo a cadeia televisiva BBC, apareceram imagens de um espetáculo, nos anos 90, que mostram Kobayashi a fazer piadas sobre o Holocausto. Hashimoto afirmou que o comediante ridicularizou “factos dolorosos da História”.

Os organizadores discutem agora “como gerir a Cerimónia de Abertura”, um processo que “deve ser imaculado”, com Kobayashi a ter a seu cargo, até aqui, a supervisão geral das três secções do espetáculo, que se junta à abertura dos Jogos e à parada de nações.

Esta nem sequer é a única polémica com a sessão inaugural, já que ainda esta semana foi o compositor designado, o músico Keigo Oyamada, conhecido por Cornelius, a demitir-se, devido a um escândalo com bullying que o próprio dirigiu a pessoas com deficiência.

O antigo presidente do Comité Organizador, Yoshiro Mori, também abandonou o cargo após comentários sexistas e o diretor criativo Hiroshi Sasaki renunciou, após comparar uma atriz a um porco.

Aldeia Olímpica já tem 91 infetados com covid-19

O número de infetados com covid-19 na aldeia olímpica subiu para 91, depois de mais dois atletas terem tido resultado positivo nos testes, num total de quatro residentes agora afetados pelo novo coronavirus.

A skateboarder Candy Jacobs, dos Países Baixos, e o tenista checo Pavel Sirucek, tiveram resultado positivo, pelo que foram transferidos para um hotel, onde vão fazer quarentena.

Além dos dois desportistas, também “dois funcionários nos Jogos” foram infetados, sendo que esta categoria pode envolver treinadores e oficiais de equipas que ficam no complexo na baía de Tóquio.

Este número não inclui atletas que tiveram resultado positivo em casa – ou em estágios no Japão – antes da viagem programada para Tóquio, e que falharão o evento.

Na véspera da inauguração do evento, as autoridades de Tóquio contabilizaram 1979 novos casos de covid-19, número que é o mais alto em mais de seis meses.

A capital japonesa vive, neste momento, o seu quarto estado de emergência, que se manterá até 22 de agosto, abrangendo a duração total do evento.

Guiné-Conacri desiste dos Jogos devido à pandemia

Entretanto, a Guiné-Conacri decidiu não participar nos Jogos Olímpicos para resguardar a saúde dos seus atletas face à pandemia.

“O Governo da República da Guiné, para preservar a saúde dos atletas guineenses, decidiu com pesar cancelar a participação da Guiné na 32.ª Olimpíada programada para Tóquio”, assinalou, em comunicado, o ministério do Desporto.

Há vários dias que a partida da comitiva da Guiné-Conacri estava a ser adiada, ainda que alguns atletas já se encontrem no Japão, tendo sido anunciado que a delegação partiria esta quarta-feira para Tóquio, algo que já não vai acontecer.

A equipa olímpica da Guiné-Conacri era composta pela atleta Aissata Conte, os nadadores Mamadou Bah e Mariana Touré, o judoca Mamadou Samba Bah e a lutadora livre Fatoumata Camara, com a última a ter assumido nos últimos dias a renúncia à participação em Tóquio2020 devido à falta de pagamento dos prémios que tem a receber, quer pela qualificação para os Jogos, quer noutros eventos precedentes.

A Cerimónia de Abertura de Tóquio2020 está marcada para esta sexta-feira, pelas 20h00 locais (12h00 de Lisboa), no Estádio Nacional, na capital nipónica. Os Jogos Olímpicos vão ser disputados até ao dia 8 de agosto, após o adiamento devido à pandemia.

  ZAP // Lusa

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.