Pinto da Costa: “No dia em que me apresentarem comprovativos, deixo o FC Porto”

(dr) FC Porto

O presidente do FC Porto falou, este domingo, sobre as recentes buscas à SAD do clube, no âmbito da Operação Cartão Azul, e das suspeitas que recaem sobre a sua pessoa.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Pinto da Costa marcou presença num jantar organizado pela Casa do FC Porto de Caracas, em Nogueira da Regedoura, em que aproveitou para falar sobre o momento que se vive no clube, a nível desportivo e não só.

“Estou aqui com o coração aberto, num momento complicado para o FC Porto, em que numa orquestração que toda a gente compreende de onde vem, há televisões e jornais que diariamente inventam e publicam notícias“, disse o dirigente, citado pelo jornal O Jogo.

“Aproveitando-se do facto de a quebra do segredo de justiça não ser crime, ser até uma grande brincadeira, esses jornais aproveitam para tentar destruir o FC Porto. Não é a mim, porque eu não conto. Agora, têm de ter um foco sobre tudo o que está ligado ao FC Porto”, acrescentou.

Sobre as recentes buscas no âmbito da Operação Cartão Azul e das suspeitas que recaem sobre si relativamente a alegados desvios de comissões de transferências, o presidente azul e branco disse que não há nenhum documento que comprove estas acusações.

“Eu desafiei-os a apresentar nas minhas contas ou nas contas de quem eles dizem que pagou as comissões um documento comprovativo disso. No dia em que me apresentarem, e não podem apresentar porque não existe, eu deixaria o FC Porto. Como isso não existe a não ser na cabeça de alguns, continuo no FC Porto”, afirmou, citado também pelo site Sapo Desporto.

O dirigente portista pediu ainda união, não à sua volta, mas do clube, e garantiu que o FC Porto tem um futuro brilhante pela frente.

“Disse nos Dragões de Ouro de que era necessário estarem todos unidos. Não é à minha volta; é à volta do FC Porto, do nosso símbolo, do nosso dragão. Obviamente que assumo as responsabilidades de presidente e, como tal, sinto que estarão sempre comigo.”

“O FC Porto terá um futuro brilhante, porque vós sabeis passar este sentimento e amor do clube de geração em geração, como tenho visto em todas as casas. É para mim um momento de muita satisfação, de muito conforto, de muita vontade de continuar a lutar pelo FC Porto. É isso que farei”, declarou ainda.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.