DGS confirma 10 casos de legionella detetados na Maia

sidknee23 / Flickr

-

A Direção-Geral de Saúde clarificou esta quinta-feira que, no total, foram identificados dez casos de pessoas infetadas com legionella na Maia, sendo que apenas quatro estão já comprovadamente relacionados com a bactéria encontrada na torre de arrefecimento da empresa Sakthi.

Contactada pela Lusa, a Direção-Geral de Saúde (DGS) indicou ainda que, dos dez casos de pessoas com doença dos legionários, seis estão ainda em estudo e são também da Maia, não tendo sido possível até ao momento averiguar se a origem da contaminação foi aquela empresa.

Dois novos casos de “legionella” foram notificados na quarta-feira, elevando então para quatro o número de pessoas comprovadamente infetadas na Sakhti, divulgou em comunicado a DGS, que admitiu a “possibilidade de exposição ocupacional, uma vez que ambos são trabalhadores da mesma unidade fabril”.

Segundo a DGS, os dois novos casos identificados quarta-feira estão internados (um no Centro Hospitalar de São João e outro no Centro Hospitalar do Porto – Hospital de Santo António).

A Lusa tentou ouvir os hospitais que se escusaram fazer qualquer esclarecimento sobre a situação atual dos doentes. A SIC Notícias avançou hoje de manhã, no entanto, que uma das pessoas internadas piorou e foi transferida para os cuidados intensivos.

A DGS lembra que as torres de arrefecimento da fábrica estão tratadas e sem contaminação, e diz que se mantém “o nível de alerta para a população em geral”.

Também quarta-feira, os trabalhadores da Sakthi, empresa de componentes automóveis, localizada na Maia, disseram estar “tranquilos, apesar de alguma preocupação natural”, como referiu à Lusa um representante do sindicado SITE-Norte após um plenário.

No mesmo dia, o Mistério do Ambiente revelou que análises realizadas numa inspeção extraordinária que decorreu na última segunda-feira revelaram a inexistência da bactéria ‘legionella pneumophila’ na empresa.

Em comunicado anterior, a DGS já tinha dito que a população residente no concelho da Maia não precisa de tomar cuidados adicionais.

O vice-presidente da Câmara da Maia afirmou também já que “a população do concelho pode estar muito mais tranquila”, porque o assunto relacionado com o surgimento de casos da “doença dos legionários” numa fábrica do concelho está “resolvido”.

A doença, provocada pela bactéria ‘legionella pneumophila’, contrai-se por inalação de gotículas de vapor de água contaminada (aerossóis) de dimensões tão pequenas que transportam a bactéria para os pulmões, depositando-a nos alvéolos pulmonares.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Já não há sobrelotação do sistema prisional, garante Van Dunem

Apesar de admitir a existência de estabelecimentos prisionais com reclusos a mais, Francisca Van Dunem rejeita a ideia de sobrelotação. Por outro lado, reconhece que parte do edificado do sistema se encontra degradado. A ministra da …

Enjoos na TAP. Sindicato negoceia novas medidas para resolver odores no A330

O Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) discutiu esta tarde com responsáveis da TAP novas medidas mitigadoras da contaminação do ar no A330 que está a provocar enjoos, vómitos, cansaço e …

Sindicatos querem que Ministério Público investigue suicídios na polícia

O presidente adjunto da Federação Nacional dos Sindicatos de Polícia, Peixoto Rodrigues, disse esta terça-feira que vai pedir à Procuradoria-Geral da República (PGR) para investigar os casos de suicídio registados este ano na PSP. Em declarações …

Por problemas éticos, Polícia dos Políticos. Ser deputado já não será a mesma coisa

Depois de uma legislatura vincada por vários problemas éticos no interior do Parlamento, houve ajustes a fazer. As regras para deputados advogados, subsídios ou moradas mudaram e, a partir de outubro, ser deputado será um …

Interrogatórios sobre queda de árvore na Madeira só depois das eleições regionais

Os interrogatórios sobre a queda da árvore do Monte, na Madeira, só vão decorrer depois das eleições regionais, avança a imprensa madeirense. A tragédia aconteceu a 15 de agosto do ano passado, antes de uma procissão …

Lagosta e vinho caro. Excentricidades levaram ministro francês do Ambiente a demitir-se

Após a polémica em torno dos seus grandes gastos enquanto presidente da Assembleia Nacional francesa e governante, François de Rugy saiu do Governo. No entanto, diz-se vítima de "linchamento mediático". François de Rugy, ministro francês do …

Os escoceses estão a gerar energia eólica suficiente para abastecer duas Escócias

No primeiro semestre de 2019, a Escócia gerou energia eólica suficiente para abastecer as suas casas duas vezes. Segundo divulgou esta quarta-feira o Science Alert, as turbinas geraram 9,8 milhões de megawatts-hora de eletricidade entre janeiro …

Comentários racistas de Trump condenados na Câmara de Representantes

A Câmara dos Representantes dos Estados Unidos aprovou na terça-feira uma moção na qual condena o presidente Donald Trump pelos "comentários racistas" dirigidos a quatro mulheres congressistas, sugerindo-lhes que "regressassem aos seus países de origem". A …

PCP quer creches gratuitas e passes sociais em todo o país

O secretário-geral comunista destacou sete compromissos, incluindo a ideia de uma rede de creches gratuitas e o limite máximo de 40 euros para os passes sociais, na apresentação do programa eleitoral do partido, num hotel …

Governo retira estatuto do antigo combatente na véspera de votação

O Governo retirou a proposta de lei sobre o estatuto do antigo combatente por dificuldades no modelo de sustentabilidade financeira resultantes das propostas apresentadas pelos partidos no Parlamento. O anúncio da retirada da proposta foi feito …