Dezenas de crianças mortas em ataque aéreo “legítimo” no Iémen

Dezenas de pessoas morreram, incluindo crianças, e 35 ficaram feridas nesta quinta-feira durante os ataques aéreos que atingiram um mercado movimentado e um autocarro no norte do Iémen, de acordo com líderes tribais.

Os responsáveis tribais culpam a coligação liderada pela Arábia Saudita pelos ataques que atingiram a zona de um mercado muito movimentado em Dahyan, na província de Saada, um reduto dos rebeldes xiitas conhecidos como Huthis.

A coligação não comentou estes ataques no norte do Iémen. Os líderes tribais falaram à imprensa sob condição de anonimato por medo de represálias.

O Comitê Internacional da Cruz Vermelha (ICRC), através de uma mensagem na rede social Twitter, indicou que um hospital apoiado pela organização recebeu dezenas de mortos e feridos.

Mais tarde, um hospital da província de Saada apoiado pelo Comité “recebeu os corpos de 29 crianças com menos de 15 anos e 48 feridos, dos quais 30 crianças”, anunciou a organização na sua conta na rede social Twitter, sem detalhar a natureza do ataque que ocorreu no mercado de Dahyan.

Na capital do Iémen, Sanaa, a televisão Al Masirah, controlada pelos rebeldes, referiu que o ataque matou 39 pessoas e feriu outras 51, principalmente crianças.

Um porta-voz da CICV na capital, Sana, também sob controlo dos Houthis, preveniu que o balanço não era definitivo, porque as vítimas tinham sido transportadas para hospitais diferentes.

A agência de notícias francesa diz que dezenas de pessoas morreram quando um autocarro que levava crianças foi atingido perto de um mercado em Dahyan, na província de Saada.

Ataque foi “operação militar legítima”

A coligação liderada pela Arábia Saudita definiu o ataque aéreo no norte do Iémen como uma “operação militar legítima“. Segundo o ICRC este ataque provocou dezenas de mortos, incluindo crianças, na sua maioria menores de 10 anos.

“O ataque que hoje ocorreu na província de Saada é uma operação militar legítima contra elementos que dispararam um míssil em direção à cidade [saudita] de Jizan, provocando um morto e feridos entre os civis”, indicou em comunicado a coligação que intervém no Iémen desde 2015 em apoio ao Governo reconhecido pelas instâncias internacionais

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas, António Guterres, apelou à realização de um inquérito independente à morte de dezenas de crianças, ocorrida quando o autocarro que as transportava foi atacado no norte do Iémen.

Guterres “apelou a um inquérito rápido e independente” e exortou todas as partes a esforçarem-se “em poupar os civis (…) durante a realização de operações militares”, indicou, em comunicado um porta-voz da ONU, Farhan Haq.

A guerra no Iémen já provocou mais de 10.000 mortos desde a intervenção da coligação em março de 2015, e segundo a ONU originou a “pior crise humanitária” no mundo.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Como é possivel e em nome de quê e de quem pode haver paises que apoiam, financiam e armam paises como a arabia saudita, nos dias de hoje o país mais criminoso e terrorista do planeta. E ainda acusam outros, como o Catar de serem terroristas. A resposta iemenita devia ser uma saraivada de misseis sobre as principais cidades sauditas, esta seria uma resposta apropriada a este crime cometido pela arabia saudita, porque se houvessem dezenas ou centenas de baixas civis sauditas, talvez estes parassem para pensar. Por outro lado o Irão e outros paises devem fornecer o mais rapido possivel armamento mais eficaz e até enviar sistemas antiaereos para o iemen para obstar a estes actos criminosos e terroristas da arabia saudita. Espero que a resposta iemenita nao demore muito, para que este crime nao passe impune

    • Não é “houvessem dezenas” é “houvesse dezenas”: O verbo haver, quando é sinónimo de existir, só se conjuga na 3ª pessoa do singular.
      Quanto ao conteúdo do texto, estou de acordo consigo, embora me custe a acreditar que a Arábia Saudita apoie o terrorismo, mas nunca se sabe.
      Se você o diz é porque sabe. Alguém apoia os terroristas obviamente.

  2. Obrigado pela correcção, se assim for. Agora dizer que nao sabe se arabia saudita é ou não terrorista, era para rir???? O problema não é ela apoiar o terrorismo, ela aplica o terrorismo o que é bem diferente, o que é este acto barbaro sobre o iemen, senao terrorismo, ou acha que foi um acto de boas graças e boa vizinhança?? E fá-lo porque tem o apoio incondicional do país mais terrorista à face da terra.

RESPONDER

"Síndrome do Inverno." Investigadores na Antártida em estado de hibernação psicológica

Os investigadores da Antártida entram em estado de "hibernação psicológica" para lidar com o stress provocado pela escuridão constante e o isolamento típicos do inverno a latitudes extremas. Passar longos períodos de tempo em isolamento e …

Cientistas revelam pela primeira vez como é o polo norte do Sol

Embora existam muitas missões da Agência Espacial Europeia (ESA) com o objetivo de analisar o nosso astro, a maioria das sondas tem focado as suas observações nas regiões equatoriais, deixando os polos relativamente inexplorados - …

Sporting vs Aves | Furacão Keizer volta a atacar

O Sporting deu seguimento ao bom momento que atravessa e goleou o Desportivo das Aves, no Estádio José Alvalade, por 4-1. Os visitantes até marcaram primeiro, mas dois golos no final da primeira parte e …

Ratos e pombos estão a substituir espécies emblemáticas

Animais como ratos e pombos estão a tomar o lugar de outros, como tigres, que apenas conseguem sobreviver em certos habitats. A agricultura e a construção está a favorecer as mesmas espécies em todos os …

Em sete anos, Comissão de Ética não advertiu um único deputado

Nos últimos sete anos, a Comissão de Ética foi chamada a pronunciar-se 52 vezes sobre incompatibilidades e impedimentos de deputados, mas nunca encontrou nenhuma. Segundo o Diário de Notícias, nas duas últimas legislaturas, a subcomissão parlamentar …

Pai castiga filha por praticar bullying e obriga-a a ir a pé para a escola

Depois de ter sido suspensa da escola por bullying, o pai de Kristen decidiu dar-lhe uma lição: castigou a filha obrigando-a a percorrer oito quilómetros até à escola. Kristen gozava com os colegas da escola. À …

Professora disse aos alunos que o Pai Natal não existia. Foi despedida

Uma professora substituta, numa cidade americana, já não vai voltar a ser chamado para dar aulas - além do Pai Natal, também "matou" o Coelhinho da Páscoa e a Fada dos Dentes. Por todo o país, …

Dinossauro desconhecido estava escondido em opalas da Austrália

Opalas encontradas por mineiros numa área deserta da Austrália acabaram por ser fragmentos de fóssil de uma espécie de dinossauro desconhecida até agora. Batizado como Weewarrasaurus pobeni, em honra do campo de opalas Wee Warra, que …

Descoberta espécie de salamandra que respira através de "árvores de Natal"

Uma equipa de biólogos norte-americanos identificou uma nova espécie de salamandra num anfíbio que, até agora, só foi encontrado em três locais nos estados norte-americanos da Flórida e do Alabama.  De acordo com a Universidade Estadual …

O maior puzzle do Mundo é uma ilha congelada na Rússia

Localizado entre o Oceano Ártico e os mares gelados do norte da Sibéria, o aglomerado de rochas, conhecidas como as Ilhas da Nova Sibéria, é frio e remoto. As ilhas são uma tela quase desabitada coberta …