Detido gangue búlgaro que traficou 4.600 artefactos antigos

(h) Europol

Alguns dos artefactos roubados pelo gangue búlgaro.

Os oito membros de um gangue búlgaro responsável por traficar milhares de artefactos antigos foram, esta sexta-feira, detidos. Os bens estão avaliados em milhões de euros.

Autoridades búlgaras, britânicas e alemãs detiveram oito membros de um gangue responsável por traficar para o Reino Unido milhares de artefactos antigos roubados. A detenção resultou de uma investigação policial que decorria há vários anos. A Interpol também colaborou na detenção dos criminosos.

Entre os 4.600 artefactos apreendidos estavam lanças, moedas e urnas funerárias. De acordo com o All That’s Interesting, os artefactos remetem desde a Idade do Bronze e Ferro até à Idade Média. Os objetos eram roubados e contrabandeados para a Alemanha com o objetivo de serem vendidos no mercado de arte londrino.

O gangue búlgaro atraiu atenção das autoridades em 2018, após a polícia ter recebido uma denúncia sobre possíveis atividades ilegais. Os artefactos apreendidos tinham um potencial valor de vários milhões de euros.

A existência dos bens pilhados não era oficialmente conhecida, tornando difícil identificar a origem desses mesmos objetos. A documentação era falsificada, o que fazia com que a venda dos artefactos em casas de leilões fosse aparentemente legal.

“As detenções foram feitas como parte de uma investigação em andamento sobre o roubo de artefactos culturais na Europa, liderada por detetives da unidade de arte e antiguidades do Met”, disse a Polícia Metropolitana de Londres.

A Europol explicou em comunicado que as próprias casas de leilões costumam fazer parte destas vendas ilegais. “Este caso confirma que a maneira mais comum de descartar mercadorias arqueológicas escavadas ilegalmente é entrar no mercado legítimo de arte”, realçou a agência.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Catorze detidos nos novos protestos em Barcelona a favor de Pablo Hasél

Pelo menos 14 pessoas foram detidas pela polícia catalã, este sábado, durante os distúrbios que se seguiram a mais uma manifestação em Barcelona a reclamar a libertação do rapper Pablo Hasél. Segundo o jornal Público, pelo …

Procuradores avançam para tribunal contra nomeações de chefias

O Conselho Superior do Ministério Público (CSMP) está envolvido numa nova polémica, depois do concurso que culminou na indigitação de José Guerra para a Procuradoria Europeia. Segundo avança o Jornal de Notícias, este domingo, um concurso para …

A partir de segunda-feira, eletrodomésticos vão ter novas etiquetas energéticas

As organizações não-governamentais ambientalistas saúdam as novas etiquetas energéticas, que entram em vigor esta segunda-feira, mas pedem “mais atenção” ao consumidor e “maior rapidez” na reclassificação de “mais produtos”. Em comunicado, a cooligação Coolproducts, um grupo …

Depois do balde de água fria da pandemia, Israel vai ficar melhor do que nunca. Tudo pelos turistas

Israel está fechado em casa e viajar para este país não faz parte dos planos de muitas pessoas. No entanto, este período de acalmia pode mesmo ser o melhor momento para planear uma viagem - …

Menos 1,3 milhões de consultas nos hospitais e menos 151 mil cirurgias em 2020

No ano em que a pandemia chegou a Portugal, houve menos 151 mil cirurgias e menos 1,3 milhões de consultas nos hospitais públicos. A covid-19, que chegou a Portugal a 2 de março de 2020, obrigou …

Várias escolas de Tóquio pedem "certificados de cabelo real" aos alunos

As escolas japonesas são conhecidas pela sua rigidez relativamente à aparência dos seus alunos, tanto que os estudantes que não seguem o padrão de "cabelo liso e preto" têm de apresentar provas. Dados divulgados, esta semana, …

UE estima normalidade nas vacinas daqui a duas semanas. Orbán recebeu vacina chinesa

A União Europeia (UE) estima que dentro de duas a três semanas "tudo vai funcionar normalmente" na produção e distribuição de vacinas nos Estados-membros. Entretanto, o primeiro-ministro húngaro já foi vacinado (mas com uma vacina …

"Os dados de milhões de pessoas estão em risco", alertam denunciantes da Amazon

Denunciantes da Amazon alertam que os dados de milhões de pessoas estão em risco devido à falta de preocupação da empresa com a cibersegurança. A par da Google, Apple, Microsoft e Facebook, a Amazon é uma …

Mais 41 mortes e 718 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas

Portugal registou, este domingo, mais 41 mortes e 718 novos novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 718 …

Navalny chega a colónia penal a leste de Moscovo

O principal opositor do Kremlin chegou, este domingo, a uma zona a cerca de 200 quilómetros a leste de Moscovo para ser transferido para uma colónia penal onde vai cumprir a sua pena, informou um …