Descoberta bactéria que come metano e pode combater aquecimento global

-

Um novo tipo de bactéria recém-descoberto pode salvar a humanidade das catastróficas consequências do aquecimento global e evitar que todo o gelo do Ártico derreta.

Uma equipa de cientistas da Universidade de Princeton descobriu que o solo do Ártico contém microrganismos que consomem metano, o que poderia retardar o aquecimento global — e salvar a humanidade da catástrofe que a fusão das calotes polares poderia trazer.

À medida que as calotes de gelo do Ártico continuam todos os anos a recuar para níveis sem precedentes, enormes cargas de dióxido de carbono e metano são liberadas para a atmosfera, elevando as temperaturas globais a níveis cada vez mais altos.

Mas uma bactéria do solo agora descoberta, quando se encontra num ambiente com temperatura mais elevada, começa a absorver metano, transformando-o em álcool metílico.

princeton.edu

Chui Yim “Maggie” Lau, geomicrobiologista da Universidade de Princeton, EUA

Chui Yim “Maggie” Lau, geomicrobiologista da Universidade de Princeton, EUA

De acordo com o estudo, publicado no The ISME Journal, os investigadores observaram que a capacidade desta bactéria de neutralizar o metano na atmosfera aumenta à medida que as temperaturas globais sobem.

Segundo o Princeton Journal Watch, os investigadores observaram, durante um período de três anos, que um local com pouco carbono nas ilhas Axel Heiberg, na região ártica do Canadá, consumia consistentemente mais metano à medida que a temperatura do solo aumentava de 0 para 18 graus Celsius.

Se as temperaturas globais subirem cerca de 15 graus nos próximos 100 anos, esta bactéria poderá assim ser capaz de consumir 30 vezes mais metano do que absorve actualmente, estimam os cientistas.

Isso poderá impedir o planeta de continuar a aquecer, apesar da enorme quantidade de metano que é emitida actualmente pelo gelo do Ártico.

“Não podemos dizer com clareza se as bactérias dos solos do Ártico vão compensar o metano que existe na atmosfera ou não, mas certamente que vão ajudar”, diz Chui Yim Lau, uma das autoras do estudo, citada pela Sputnik.

Os investigadores estão muito optimistas quanto às perspectivas de virem a poder usar as bactérias do Ártico para combater o aquecimento global.

Se estas bactérias estiverem presentes em todos os solos árticos, vão certamente ter  no futuro um papel importante na regulação dos níveis de metano na atmosfera em todo o mundo, garantem.

ZAP / Sputnik

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Em qualquer flora intestinal deve haver disso não? seria preciso ir ao artico?
    Aquecimento global mais uma treta para nos lixarem impostos dizendo eles em prol do ambiente mas andam em grandes maquinas e de avião para a frente e para trás em reuniões aliás uma das formulas não é acabar com a poluição mas quem polui paga interessa mesmo é o cascalho no bolso.
    Há 10 milhões de anos o mar estava 140 metros acima da cota actual e não havia industria só se estiveram cá os ET’s

RESPONDER

Jogos Olímpicos em 2021 vão mostrar que "humanidade derrotou o vírus"

O primeiro-ministro japonês, Yoshihide Suga, disse esta segunda-feira que o país está "determinado" em organizar os Jogos Olímpicos no verão de 2021 e declarou que o evento servirá "como prova de que a humanidade derrotou …

Herdeiro da Samsung assume as rédeas da empresa depois da morte do pai

Lee Jae-Yong, filho do presidente da Samsung, assumiu a liderança da empresa depois do seu pai ter falecido este domingo. O herdeiro assume as rédeas numa altura em que a gigante da tecnologia procura evoluir. Sob …

Vídeos de suicídios, abortos ou abusos sexuais. Ex-moderadora do YouTube descreve pesadelo (e processa plataforma)

Uma ex-moderadora do YouTube apresentou uma queixa contra a plataforma na segunda-feira, acusando-a de não proteger os funcionários que são sujeitos a uma análise e remoção de vídeos violentos publicados na página. O processo contra o …

Resultados nos Açores levam PS a pensar em eleições antecipadas

O PS voltou a ganhar as eleições regionais dos Açores, obtendo 39,13% dos votos, o que não garante a maioria absoluta. Os resultados levam o partido a pensar já em eleições antecipadas. "[O governo regional] está …

"Ainda não sei bem o que fiz". João Almeida e Rúben Guerreiro de volta a Portugal

João Almeida e Rúben Guerreiro foram duas das maiores figuras desta edição do Giro, a volta a Itália em bicicleta. Os dois ciclistas aterraram esta segunda-feira, em Lisboa, e parece que ainda não perceberam a …

Autarca de Pedrógão Grande critica "péssima investigação" sobre reconstrução de casas

O presidente da Câmara de Pedrógão Grande acusou o Ministério Público e a Polícia Judiciária de terem feito uma "péssima investigação" no processo sobre a reconstrução das casas, cujo julgamento se iniciou esta segunda-feira. "[As acusações] …

Novo Banco e TAP são "riscos não negligenciáveis" para o défice

A TAP e o Novo Banco podem ter um efeito orçamental maior que o estimado pelo Governo em 2021, constituindo "riscos não negligenciáveis" para o défice, segundo uma avaliação do Conselho das Finanças Públicas (CFP) …

NASA revela que há água na Lua

A NASA revelou, esta segunda-feira, que foi encontrada água em forma de gelo numa superfície da Lua. Os investigadores apontam ainda para a possibilidade de existirem múltiplos depósitos subterrâneos na Lua onde esteja armazenada água …

Itália volta a disputar a fronteira do Monte Branco com França

Depois das autoridades francesas imporem medidas restritivas que afetaram o território italiano, o país reacendeu uma disputa antiga com França. Em causa estão os direitos de fronteira do Monte Branco. Luigi Di Maio, ministro das Relações …

Maior queda do mês no preço dos combustíveis. Gasóleo atinge mínimos de 4 meses

A partir de hoje os preços dos combustíveis irão baixar, e esta será a maior queda do mês. No que diz respeito ao preço da gasolina, esta deverá cair um cêntimo para 1,387€ por litro. …