/

DeLorean regressa do futuro em 2,99 segundos com um novo elétrico, o Alpha5

2

Depois do seu icónico modelo do filme “Regresso ao Futuro”, a DeLorean está de volta com um novo veículo elétrico, o Alpha5.

A fabricante automóvel DeLorean atingiu a popularidade graças ao veículo que é uma parte fulcral do enredo dos filmes da franquia “Regresso ao Futuro”.

As personagens principais de Marty McFly e do Dr. Emmett Brown, interpretados por Michael J. Fox e Christopher Lloyd, viajam pelo tempo num DeLorean, um carro adaptado por “Doc” para o efeito. Aí, metem-se em aventuras para tentar regressar ao seu próprio presente sem prejudicar nada.

A DeLorean Motor Company original foi fundada pelo engenheiro John DeLorean em 1975. Fabricou apenas um modelo, o DMC DeLorean, entre 1981 e 1982, ano de falência da empresa.

A nova DeLorean Motor Company foi fundada em 1995 por Stephen Wynne, que adquiriu o logótipo e o stock de peças da antiga empresa. Desde então, tem trabalhado principalmente como uma empresa de serviços e restauração de antigos DeLorean.

Agora, a fabricante automóvel regressa do futuro com um novo veículo elétrico que parece mesmo do vindoiro. O novo Alpha5 é um veículo elétrico estilo coupé que consegue ir dos 0 aos 100 km/h em apenas 2,99 segundos.

A criação do novo automóvel foi feita em colaboração com a Italdesign, que já tinha trabalhado no modelo original. Numa espécie de homenagem ao icónico DMC DeLorean, as portas são “asa de gaivota”, sendo que abrem para cima, e o vidro traseiro também tem “aberturas”.

O veículo tem um motor V6 e alimentação elétrica, uma bateria de 100 kWh e atinge velocidades de 250 km/h. Segundo a empresa, tem um autonomia de cerca de 430 quilómetros.

Dentro do veículo, poucos são os comandos físicos visíveis. Destacam-se os dois ecrãs, um para o painel de instrumentos e outro para a consola central.

O Alpha5 tem quatro lugares e chega em 2024 para rivalizar com o Porsche Taycan, como assumiu o CEO da empresa, Joost de Vries, em declarações à Autocar. O veículo terá o desempenho para igualar “o Mercedes-AMG GT e talvez os Porsche Taycans de última geração”.

Calcula-se que o carro terá várias versões disponíveis, com os preços a rondar os 100 mil dólares, cerca de 93 mil euros.

O veículo será vendido em quantidades limitadas, detalha a Autocar. Os primeiros 88 Alpha5 não serão legais para circular nas ruas e terão NFTs associados.

O carro será fisicamente exposto pela primeira vez em agosto, no Pebble Beach Contest of Elegance.

  Daniel Costa, ZAP //

2 Comments

  1. O veículo elétrico tem um motor V6?
    E a empresa dedica-se á restauração ou ao restauro?
    Deviam ler o artigo depois de passar no tradutor automático

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.