Dasha passou quatro meses presa porque a polícia confundiu algodão doce com droga

Dasha Fincher, uma norte-americana residente no estado da Geórgia, passou três meses na prisão porque a polícia confundiu um saco com algodão doce com drogas. De acordo com o processo, o erro ocorreu devido a um teste defeituoso.

Segundo o New York Times, Dasha, de 41 anos, está agora a processar o condado de Monroe, a polícia e a empresa que fez o teste de drogas. O teste foi realizado durante uma operação de trânsito na véspera do Ano Novo de 2016.

A mulher foi mantida sob custódia, uma vez que não podia pagar a fiança no valor de um milhão de dólares. A ação agora interposta por Dana argumenta que o condado violou os seus direitos civis.

Dasha foi presa e acusa por tráfico e posse de metanfetaminas. A mulher foi detida ao fim de da tarde da véspera de Ano Novo e permaneceu na cadeia do condado de Monroe até ao dia 4 de abril – passaram-se quatro meses.

Dasha Fincher seguia com o seu namorado e os agentes pediram-lhe que parasse o carro porque suspeitaram das janelas escuras da viatura. Ambos tinham as cartas de condução caducadas. Os agentes pediram depois à mulher que abrisse a mala do carro e foi aí que encontraram o saco que continha a substância azul sólida.

Depois de encontrarem o saco, levaram-no para análise num aparelho chamado Sirchie, que acabou por dar positivo para metanfetaminas. “Consegue dizer-me porque é que o teste de drogas deu positivo para metanfetaminas?”, perguntaram os agentes a Dasha? A mulher respondeu que não sabia, alegando que aquilo era algodão doce que os filhos da amiga que lhe emprestara o carro se tinham esquecido e haviam congelado com o frio”.

Apesar de clamar inocência, o teste de drogas acabou por a incriminar. Meses depois, e depois de uma análise levada a cabo por um laboratório criminal qualificado, determinou que se tratava mesmo de algodão doce congelado, nota o Diário de Notícias.

O aparelho utilizado pelos agentes dava resultados positivos em drogas para substâncias como chocolates e batatas fritas – e havia milhares de diagnósticos errados. Após o novo teste, a mulher as acusações foram retiradas.

A mulher diz ter perdido momentos importantes da sua vida devido à prisão ilegal, incluindo o nascimento dos seus netos e a oportunidade de cuidar e apoiar a sua filha que tinha sofreu um aborto espontâneo enquanto estava presa.

Além disso, a prisão continua registada no seu cadastro criminal, apesar da sua inocência ter sido provada, nota ainda o processo. Por tudo isto, Dasha Fincher pede uma indemnização por negligência e ações ilícitas.

ZAP // BBC

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Adolescente italiana libertada depois de matar pai abusivo. Autoridades alegaram legítima defesa

Uma adolescente italiana que matou o seu pai abusivo foi libertada da prisão domiciliária que as autoridades lhe tinham imposto depois de os promotores considerarem que a jovem agiu em legítima defesa. De acordo com …

Asteróide gigante com lua própria vai passar muito próximo da Terra este sábado

Um asteróide com sua própria "lua" potencialmente perigoso passará este sábado no ponto mais próximo em relação ao nosso planeta pela primeira vez desde que foi descoberto em 1999. Segundo o portal Cnet, trata-se de um …

Adolescente encontra (por acaso) mandíbula de um mastodonte com 34 mil anos

Enquanto procurava relíquias do período neolítico, uma estudante fez uma descoberta surpreendente: encontrou uma mandíbula de um mastodonte com 34 mil anos. Uma adolescente do estado norte-americano de Iowa encontrou uma mandíbula de um mastodonte com …

Encontrado o navio que transportou os últimos escravos africanos para os EUA. Estava num rio

Afundado há 160 anos, um navio emergiu do fundo das águas de um rio do Alabama para contar a história dos últimos escravos africanos nos Estados Unidos. O Clotilda terá sido o último navio de sempre …

Banca. Aumento das comissões é "inevitável"

A diretora-geral da Associação Portuguesa de Bancos disse esta sexta-feira ser "inevitável" que se verifique um aumento do peso relativo das comissões no produto bancário, assinalando que o próprio Banco Central Europeu tem reconhecido …

Presidente do PSG indiciado por corrupção ativa

O presidente do Paris Saint-Germain, Nasser Al-Khelaïfi, foi indiciado por corrupção ativa num âmbito de um processo judicial que investiga suspeitas relativas à atribuição da organização dos Mundiais de Atletismo a Doha, no Qatar. De acordo com …

Incêndios: Governo decreta Situação de Alerta até 30 de maio

O território continental está desde as 20:00 desta sexta-feira e até às 23:59 de 30 de maio, quinta-feira, em Situação de Alerta, devido às previsões meteorológicas que “apontam para um significativo agravamento do risco de …

Vivia numa habitação social. De repente, herdou uma propriedade de 50 milhões

Um teste de ADN mudou a vida de Jordan Rogers para sempre. O britânico, de 31 anos, promete tentar ajudar outras pessoas que vivem na situação que ele próprio sentiu na pele. Jordan Rogers trabalhava como …

Terramoto no Bernabéu. Sergio Ramos pode estar de saída

Sergio Ramos, central e capitão do Real Madrid, pode estar prestes a abandonar emblema espanhol, avança a imprensa internacional esta sexta-feira. De acordo com a A Marca, na origem da eventual saída estará uma acesa discussão que …

Já há data para o lançamento do novo livro da saga A Guerra dos Tronos

A série terminou no passado fim-de-semana, mas o fenómeno de A Guerra dos Tronos continua a fervilhar. O autor da saga que inspirou a série, George R. R. Martin, revelou agora que o próximo livro …